Saúde mental e qualidade de vida na moradia estudantil da Universidade de Brasília

Mental health and quality of life at a student hall of residence at the Universidade de Brasília, Brazil

O objetivo do presente estudo foi mapear as condições psicossociais e a qualidade de vida de universitários da moradia estudantil da Universidade de Brasília. Oitenta e sete voluntários com média de idade de vinte e dois anos participaram da pesquisa. Foram utilizados questionários auto-aplicáveis sobre a situação socio-demográfica, eventos de vida, uso de álcool e drogas e comportamento suicida. Estudantes dependents de recursos institucionais, em fases iniciais de curso, a maioria vinda de outros estados, apresentaram pródromos que indicaram ansiedade, depressão e dificuldades em relação à ajuda. Comportamentos de risco apareceram como forma de solução de problemas relacionados à adaptação ao novo contexto. Os programas assistenciais existentes na universidade não conseguem cobrir toda a complexa demanda. Sugerem-se ações emergenciais para que os programas existentes sejam ampliados e a criação de novos serviços para garantir a permanência do universitário até o final do curso com melhor qualidade de vida.

Adulto jovem; Universitário; Sofrimento psíquico; Moradia estudantil


Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Núcleo de Editoração SBI - Campus II, Av. John Boyd Dunlop, s/n. Prédio de Odontologia, 13060-900 Campinas - São Paulo Brasil, Tel./Fax: +55 19 3343-6875 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: estudosdepsicologia@puc-campinas.edu.br