Consistência interna e estrutura fatorial da escala de adesão aos alcoólicos anônimos

O objetivo do artigo foi estimar a consistência interna e a estrutura fatorial da Escala de Adesão a Grupos de Alcoólicos Anônimos. A escala foi aplicada em 257 pacientes dependentes de álcool, que estavam em tratamento em 3 hospitais em Porto Alegre, 6 meses antes. A escala foi elaborada a partir de uma adaptação da Drug Attitude Inventory Scale . A consistência interna da escala foi medida pelo Alfa de Cronbach. Os dados foram submetidos à análise do componente principal. O coeficiente de consistência interna foi 0,71. Todos os itens mostraram coeficientes de correlação entre o item e a totalidade dos itens maiores do que 0,29. Os itens da escala com carga fatorial igual ou maior do que 0,57 foram considerados na solução fatorial final. A análise fatorial resultou em 2 dimensões, as quais corresponderam a 67,01% da variância total. Essa escala parece ser um instrumento válido para uso em alcoolistas.

Alcoolismo; Alcoólicos anônimos; Consistência interna; Análise fatorial


Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Núcleo de Editoração SBI - Campus II, Av. John Boyd Dunlop, s/n. Prédio de Odontologia, 13060-900 Campinas - São Paulo Brasil, Tel./Fax: +55 19 3343-6875 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: estudosdepsicologia@puc-campinas.edu.br