Crescimento de mudas de Eucalyptus grandis e Eremanthus erythropappus sob diferentes formulações de substrato

Growth of Eucalyptus grandis and Eremanthus erythropappus seedlings under different substrate formulas

Resumos

O objetivo deste trabalho foi avaliar a sobrevivência e o crescimento de mudas de Eucalyptus grandis e Eremanthus erythropappus, além de analisar o custo do substrato produzido, em função de diferentes formulações utilizadas. Dessa forma, para cada espécie, foi utilizado um experimento instalado em delineamento inteiramente casualizado (DIC), com as dez formulações de substrato contendo esterco de curral curtido, casca de arroz carbonizada, fibra de coco - estes variando nas proporções de 0, 30, 60 e 90% - e vermiculita média (10%). Ao final do processo de produção, foram quantificados: o percentual de sobrevivência, a altura da parte aérea e o diâmetro do coleto das mudas. Além disso, foi calculado o custo para produzir um metro cúbico de cada um dos dez substratos analisados. Verificou-se que os substratos influenciam significativamente o crescimento de ambas as espécies, sendo que o esterco influenciou de forma negativa no crescimento das mudas de candeia, enquanto, para o eucalipto, influenciou positivamente. O aumento de proporções de esterco diminuiu o custo por metro cúbico de substrato.

eucalyptus; candeia; cattle manure; coconut fiber


The aim of this study was to evaluate the survival and growth of Eucalyptus grandis and Eremanthus erythropappus seedlings, besides analyzing the cost of the substrate produced according to the different formulas used. To this end, for each species, a completely randomized experimental design was carried out with ten substrate formulas containing cattle manure, carbonized rice husk, coconut fiber (at the proportions of 0, 30, 60 and 90%), and vermiculite (10%). At the end of the production process, the following variables were quantified: survival percentage, shoot height, and stem diameter of seedlings. Moreover, the cost to produce one m³ of each of the ten substrates analyzed was calculated. It was verified that the substrates significantly influenced the growth of both species: cattle manure negatively affected the growth of candeia seedlings and positively influenced the growth of eucalyptus seedlings. Increasing proportions of cattle manure reduced the cost per m³ of substrate.

eucalyptus; candeia; cattle manure; coconut fiber


  • Alfenas AC, Zauza AAV, Mafia RG, Assis TF. Clonagem e doenças do eucalipto 2. ed. Viçosa: UFV; 2009. 500 p.
  • Andrade Neto A, Mendes ANG, Guimarães PTG. Avaliação de substratos alternativos e tipo de adubação para a produção de mudas de cafeeiro em tubetes. Ciência e Agrotecnologia 1999; 23(2): 270-280.
  • Araújo MS. Manejo de espécies florestais para produção de madeira, forragem e restauração de áreas degradadas Caicó: EMPARN; 2010. 60 p.
  • Artur AG, Cruz MCP, Ferreira ME, Barretto VCM, Yagi R. Esterco bovino e calagem para formação de mudas de guanandi. Pesquisa Agropecuária Brasileira 2007; 42(6): 843-850. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2007000600011
  • Banzatto DA, Kronka SN. Experimentação Agrícola 2. ed. Jaboticabal: FUNEP; 1992. 247 p.
  • Brasil. Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento - MAPA. Monceren 250 SC. 2013 10 p. [cited 2013 Mar 21]. Available from: http://www.agricultura.pr.gov.br/arquivos/File/defis/DFI/Bulas/Fungicidas/ MONCEREN_250_SC.pdf
  • Carneiro JGA. Produção e controle de qualidade de mudas florestais Curitiba: Campos/UENF; 1995. 451 p. PMCid:PMC502818.
  • Carrijo AO, Liz RS, Makishima N. Fibra da casca do coco verde como substrato agrícola. Horticultura Brasileira 2002; 20(4): 533-535. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-05362002000400003
  • Chaves MMF, Ramalho RS. Estudos morfológicos em sementes, plântulas e mudas de duas espécies arbóreas pioneiras da família Asteraceae (Vanillosmopsis erythropappa Schult. Bip. e Vernonia discolor Spreng-Kess.). Revista Árvore 1996; 20(1): 1-7.
  • Davide AC, Melo LA. Produção de mudas de candeia. In: Scolforo JR, Oliveira AD, Davide AC. O manejo sustentável da candeia: o caminhar de uma nova experiência florestal em Minas Gerais. Lavras: Editora UFLA; 2012. cap. 3, p. 43-60.
  • Davide AC, Silva EAA. Produção de sementes e mudas de espécies florestais Lavras: UFLA; 2008. 174 p.
  • Dias BAS, Marques GM, Silva ML, Costa JMFN. Análise econômica de dois sistemas de produção de mudas de eucalipto. Revista Floresta e Ambiente 2011; 18(2): 171-177. http://dx.doi.org/10.4322/floram.2011.035
  • Estopa RA, Souza AM, Moura MCO, Botrel MCG, Mendonça EG, Carvalho D. Diversidade genética em populações naturais de candeia (Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeish). Scientia Forestalis 2006; (70): 97-106.
  • Food and Agriculture Organization of the United Nations - FAO. Eucalypts for planting: FAO forestry and forest products studies Rome: FAO; 1981. 403 p.
  • Ferreira DF. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia 2011; 35(6): 1039-1042.
  • Freitas TAS, Barroso DG, Souza LS, Carneiro JGA, Paulino GM. Produção de mudas de eucalipto com substratos para sistema de blocos. Revista Árvore 2010; 34(5): 761-770. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622010000500001
  • Gomes JM, Paiva HN. Viveiros Florestais: propagação sexuada. Viçosa: UFV; 2011. 116 p.
  • Guerrini IA, Trigueiro RM. Atributos físicos e químicos de substratos compostos por biossólidos e casca de arroz carbonizada. Revista Brasileira de Ciências do Solo 2004; 28(6): 1069-1076. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-06832004000600016
  • Jorge JA. Manejo e adubação. Compêndio de Edafologia 2. ed. São Paulo: Ed. Nobel; 1983. 309 p.
  • Klein VA, Camara RK, Simon MA, Dias ST. Casca de arroz carbonizada como condicionador de substrato. In: Furlani AMC. Caracterização, manejo e qualidade de substrato para produção de plantas Campinas: Instituto Agronômico; 2002. 95 p. (Documentos IAC, n. 70).
  • Lacerda MRB, Passos MAA, Rodrigues JJV, Barreto LP. Características físicas e químicas de substratos à base de pó de coco e resíduo de sisal para produção de mudas de sabiá (Mimosa caesalpiniaefolia Benth). Revista Árvore 2006; 30(2): 163-170. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622006000200002
  • Melo LA, Davide AC, Teixeira LAF. Metodologia para resgate de matrizes e enraizamento de estacas de Eremanthus erythropappus Cerne 2012; 18(4): 631-638. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-77602012000400013
  • Moniz AC. Elementos de pedologia São Paulo: Ed. da Universidade de São Paulo; 1972. 459 p.
  • Oliveira-Filho AT, Fluminhan Filho M. Ecologia da vegetação do parque florestal Quedas do Rio Bonito. Cerne 1999; 5(2): 51-64.
  • Pérez JFM, Scolforo JRS, Oliveira AD, Mello JM, Borges LFR, Camolesi JF. Sistema de manejo para a candeia - Eremanthus erythropappus (DC.) Macleish - a opção do sistema de corte seletivo. Cerne 2004; 10(2): 257-273.
  • Primavesi A. O manejo ecológico do solo. São Paulo: Ed. Nobel; 1982. 542 p. PMCid:PMC1039816.
  • Pryor LD. The biology of Eucalyptus London: Edward Arnold; 1976. 82 p. PMCid:PMC1475213.
  • Scolforo JRS, Davide AD, Oliveira AD, Silva CPC, Acerbi Junior FW, Andrade IS et al. Manejo de plantações de candeia Lavras: UFLA; 2008. 26 p.
  • Scolforo JRS, Oliveira AD, Davide AC. Manejo sustentável da candeia Eremanthus erythropappus e Eremanthus incanus: relatório técnico científico. Lavras: UFLA-FAEPE, 2002. 350 p.
  • Serviço Florestal Brasileiro - SFB. Florestas do Brasil em resumo - 2010: dados de 2005-2010. Brasília: SFB; 2010. 152 p.
  • Silva AC, Rosado SCS, Calegário N, Rodrigues EAC, Oliveira AN, Vieira CT. Variações genéticas na qualidade do sistema radicular de mudas de candeia (Eremanthus erythropappus (DC.) MacLeish). Revista Árvore 2007; 31(4): 609-617. http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622007000400005
  • Silva AC, Rosado SCS, Vieira CT. Variação genética entre e dentro de procedências de candeia (Eremanthus erythropappus) para a resposta à inoculação com fungos micorrízicos arbusculares. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental 2005; 9(3): 400-405. http://dx.doi.org/10.1590/S1415-43662005000300016
  • Simões D, Silva RBG, Silva MR. Composição do substrato sobre o desenvolvimento, qualidade e custo de produção de mudas de Eucalyptus grandis Hill ex Maiden × Eucalyptus urophylla S. T. Blake. Ciência Florestal 2012; 22(1): 91-100. http://dx.doi.org/10.5902/198050985082
  • Tonetti OAO, Davide AC, Silva EAA. Qualidade física e fisiológica de sementes de Eremanthus erythropappus (DC.) Macleish. Revista Brasileira de Sementes 2006; 28(1): 114-121. http://dx.doi.org/10.1590/S0101-31222006000100016
  • Venturin N, Souza PA, Macedo RLG, Nogueira FD. Adubação mineral da candeia (Eremanthus erythropappus (DC.) McLeish). Floresta 2005; 35(2): 211-219.

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    10 Jun 2014
  • Data do Fascículo
    Jun 2014

Histórico

  • Revisado
    11 Mar 2014
  • Recebido
    10 Jul 2013
Instituto de Florestas da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro Rodovia BR 465 Km 7, CEP 23897-000, Tel.: (21) 2682 0558 | (21) 3787-4033 - Seropédica - RJ - Brazil
E-mail: floram@ufrrj.br