• Editorial Editorial

  • Determination of muscle fatigue index for strength training in patients with Duchenne dystrophy Scientific Articles

    Oliveira, Adriano Rodrigues; Corrêa, Fernanda Ishida; Valim, Márcia Moreira; Oliveira, Cláudia Santos; Corrêa, João Carlos Ferrari

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Sabe-se que a fraqueza muscular é o prejuízo mais proeminente na distrofia muscular de Duchenne (DMD), envolvendo frequentemente perda da habilidade funcional e outras restrições relativas à vida diária. Pensando nisso, existe a necessidade de se manter a força muscular de grandes grupos musculares, tais como o quadríceps femoral, responsável por diversas habilidades funcionais; porém, a carga e a periodização de treinamento para tal reabilitação tem se mostrado uma grande incógnita, principalmente pelo aparecimento indesejado da fadiga muscular, fator severo para o acometimento lesional das fibras musculares. OBJETIVOS:Este estudo objetivou determinar, por meio da eletromiografia de superfície (EMG), um índice de fadiga que sirva de parametrização para treinamento fisioterapêutico de fortalecimento muscular. METODOLOGIA: Participaram deste estudo transversal (série de casos) quatro pacientes com DMD. Três pares de eletrodos de superfície foram colocados sobre o ponto motor dos músculos reto femoral, vasto lateral e vasto medial do membro dominante, mantendo o joelho em flexão de 60º, sendo instruídos a realizar o movimento de extensão desta articulação em quatro níveis de força (100%, 80%, 60% e 40% da contração voluntária máxima isométrica). RESULTADOS: Para determinar o índice de fadiga, utilizou-se o ângulo de inclinação para a linha de regressão linear, realizada pelo teste de Pearson da frequência mediana de cada nível de força coletado. CONCLUSÃO:Medidas eletromiográficas do índice de força para treinamento muscular mostraram-se um método simples e acessível de avaliação, além de se apresentar como uma ferramenta extremamente valiosa, permitindo traçar um programa de treinamento de força muscular com limiar de carga específico individualmente.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Muscle weakness is the most prominent impairment in Duchenne muscular dystrophy (DMD) and often involves the loss of functional ability as well as other limitations related to daily living. Thus, there is a need to maintain muscle strength in large muscle groups, such as the femoral quadriceps, which is responsible for diverse functional abilities. However, the load and duration of training for such rehabilitation has proven to be a great unknown, mainly due to the undesired appearance of muscle fatigue, which is a severe factor for the injury of muscle fibers. OBJECTIVES: The aim of the present study was to determine a fatigue index by means of surface electromyography (EMG) for the parameterization of muscle strengthening physiotherapy training. METHODS: A cross-sectional study (case series) was carried out involving four patients with DMD. Three pairs of surface electrodes were placed on the motor point of the Rectus femoris, Vastus lateralis and Vastus medialis of the dominant limb, maintaining the knee at 60º of flexion. The participants were instructed to perform the extension movement of this joint at four strength levels (100%, 80%, 60% and 40% of maximal voluntary isometric contraction). RESULTS: The slope of the linear regression line was used for the determination of the fatigue index, performed by Pearson's test on the median frequency of each strength level. CONCLUSION: Electromyographic measurements of the strength index for muscle training proved to be a simple accessible assessment method, as well as an extremely valuable tool, allowing the design of a muscle strength training program with an individualized load threshold.
  • Equilíbrio estático da criança com baixa visão por meio de parâmetros estabilométricos Artigos Científicos

    Matos, Márcio Rodrigues de; Matos, Carla Paes Gomes de; Oliveira, Claudia Santos

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A visão é considerada um dos mais importantes meios de captação das informações do ambiente, sendo fundamental para o processo de desenvolvimento da criança. OBJETIVOS: Cientes da participação da visão na manutenção do equilíbrio e no desenvolvimento biopsicossocial do ser humano e considerando os fatores decorrentes da perda ou limitação visual, esta pesquisa objetivou analisar o equilíbrio em postura ortostática de crianças com baixa visão, de faixa etária de 8 a 11 anos, de ambos os sexos (grupo experimental), comparando com o equilíbrio de crianças normais de ambos os sexos e mesma faixa etária (grupo controle), por meio de parâmetros estabilométricos. MATERIAIS E MÉTODOS: Para a obtenção das oscilações posturais (deslocamento radial e velocidade de deslocamento) foi utilizada uma plataforma estabilométrica. RESULTADOS: Considerando-se os índices (média e desvio padrão) de deslocamento radial apresentados pelos grupos experimental e controle, observou-se que não houve diferença significante na condição olhos fechados (p > 0,05). Já na condição olhos abertos, houve maior deslocamento radial do grupo experimental em relação ao grupo controle (p < 0,05). Analisando-se os índices (média e desvio padrão) de velocidade de deslocamento entre os grupos controle e experimental, observou-se que em ambas as condições (olhos abertos e olhos fechados) o grupo controle apresentou maior velocidade de deslocamento quando comparado ao grupo experimental (p < 0,01). CONCLUSÃO: A partir dos resultados apresentados, concluímos que a baixa visão parece influenciar negativamente a estabilidade em postura ortostática, bem como a velocidade de ajuste postural, prejudicando o equilíbrio corporal.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Vision is considered one of the most important means of capturing the information from the environment. It is central to the process of child development. OBJECTIVES: Aware of the contribution of vision on balance maintenance and on human biopsychosocial development, and considering the factors resulting from loss or impairment of vision, this research objected to analyze the balance on orthostatic posture of low vision children, from 8 to 11 years old, of both genders (experimental group) comparing with normal children balance of both genders and same age (control group) using stabilometric parameters. MATERIALS AND METHODS: A stabilometric plataform was used to measure the postural oscillations (radial displacement and displacement speed). RESULTS: Considering the experimental and control groups radial displacement rates (media and standard diversion), it could be observed that there was no significant difference on the closed eyes condition (p > 0,05). On the opened eyes condition, there was a bigger radial displacement of the experimental group comparing to the control group (p < 0,05). Analysing the displacement speed rates of the control and experimental groups, it could be observed that in both conditions (closed and opened eyes) the control group presented the higher displacement speed when compared to the experimental one (p < 0,01). CONCLUSION: After the presented results, we concluded that low vision might have a negative influence on the orthostatic posture stability as well as on the postural adjustment speed, damaging the body balance.
  • Avaliação postural da coluna vertebral em escolares surdos de 7-21 anos Artigos Científicos

    Vasconcelos, Graziela Arruda Reinaux de; Fernandes, Pollyana Radinnê Beserra; Oliveira, Daniella Araújo de; Cabral, Etenildo Dantas; Silva, Lícia Vasconcelos Carvalho da

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A infância e a adolescência são períodos em que a prevenção e o tratamento de alterações posturais decorrentes do mau hábito postural e da sobrecarga biomecânica são mais eficazes, graças à maturação osteomuscular que ocorre nessas fases. OBJETIVOS: Detectar possíveis alterações posturais da coluna vertebral em escolares surdos de 7-21 anos no Centro de Reabilitação e Educação Especial Rotary Club Caruaru. METODOLOGIA: Trinta de dois escolares surdos participaram de uma entrevista sobre dados referentes ao período de instalação e tipo de surdez, dados biológicos, antropométricos e de hábitos posturais, e foram submetidos a uma avaliação postural de acordo com critérios propostos pela literatura. Os dados foram analisados de modo descritivo e a associação entre as variáveis utilizou o teste Qui-Quadrado ou suas variações, por meio do programa SPSS® versão 11.5. RESULTADOS: Os resultados mostraram que a prevalência de alterações posturais nos escolares surdos foi de 90,62% dos casos. A alteração postural mais frequente foi a hipercifose torácica, que esteve associada à dor nos escolares. Considerando a distribuição por sexo, a alteração postural do tipo escoliose mostrou-se associada ao sexo feminino. CONCLUSÃO: A elevada prevalência de alterações posturais nos escolares surdos no nosso estudo sugere que a surdez pode representar um fator importante no desenvolvimento de alterações posturais. Entretanto, existe a necessidade de novos estudos que investiguem uma possível relação entre a surdez e fatores biológicos e ambientais em populações maiores de escolares.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Childhood and teenage are periods where prevention and treatment of postural alterations, derived from bad postural habit and mechanical overcharge are more efficient, due to osteomuscular maturation that occurs in these phases. OBJECTIVE: The main goal of this study was to detect possible postural alterations of the vertebral column in deaf school kids from 7 to 21 years old, at Centro de Reabilitação e Educação Especial Rotary Club Caruaru (Rehabilitation and Educational Center Rotary Club), in Pernambuco State, Brazil. METHODOLOGY: Thirty two deaf school kids have participated of an interview about data, referring to the period of installation and kind of deafness, biological, anthropometric and postural habits data, having been submitted to a postural evaluation according to literature proposed criteria. Data were analyzed in a descriptive way and association among variable points used the Chi-Square test or their variant items through SPSS TM program version 11.5. RESULTS: Studies have showed that prevalence of postural alterations on deaf school kids reached 90.62% of all cases. The most frequently observed postural alteration was thoracic hyperciphosis, which was associated to pain in school kids. By considering the distribution in relation to sex, postural alteration of the type scoliosis was associated to female sex. CONCLUSION: High prevalence of postural alterations on deaf school kids in our study suggests that deafness may represent an important factor in development of postural alterations. However, there is necessity of new studies to investigate a possible relation between deafness and biological and environmental factors in larger school kids' population.
  • Influência do laser arseneto de gálio-alumínio em feridas cutâneas de ratos Artigos Científicos

    Gonçalves, Reggiani Vilela; Sousa, Natanael Teixeira Alves de; Silva, Pedro Henrique; Barbosa, Fabiano Sousa; Neves, Clóvis Andrade

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: O presente estudo avaliou o efeito do laser arseneto de gálio-alumínio (GaAsAl) 830nm (30j/cm²) e da pomada Dersani® no processo cicatricial cutâneo de ratos wistar, em relação à proliferação fibroblástica e revascularização. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram utilizados 18 ratos wistar adultos jovens, machos, com peso médio de 324 g, provenientes do Biotério do Centro de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Viçosa. Foram feitas cinco feridas de 12 mm no dorso dos animais utilizando bisturi. Os animais foram divididos aleatoriamente em três grupos, cada grupo com seis animais: Grupo 1: Controle - os animais tiveram a ferida tratada com salina, Grupo 2: Feridas tratados com laser GaAsAl (830nm) 30J/cm² e Grupo 3: Feridas tratadas com Dersani®. As aplicações foram feitas diariamente durante 20 dias de experimento. O material para análise histológica foi corado com hematoxilina-eosina (HE), fotografados e analisados por meio do programa Image Pro-plus®, por contagem de pontos sob células de interesse. RESULTADOS: Foi observado maior número de fibroblastos nos grupos tratados com o laser GaAsAl e com a pomada Dersani®, quando comparados ao controle no quarto dia do experimento. No entanto, no oitavo dia o grupo tratado com laser apresentou um número significativamente menor de fibroblastos, quando comparado ao controle e ao Dersani®. Em relação à revascularização foi observada diferença significativa entre o laser e o Dersani® no oitavo dia de experimento, em que o Dersani® se mostrou mais efetivo na formação de vasos sanguíneos. CONCLUSÃO: O grupo tratado com o laser GaAsAl no quarto dia aumentou significativamente a quantidade de fibroblastos quando comparado ao controle.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The present work evaluates the effect of the gallium-aluminum arsenide (GaAsAl) (30j/cm²) laser and ointment DersaniTM, on the cutaneous cicatricial process the wistar rats, in respect of fibroblast proliferation and revascularization. MATERIALS AND METHODS: The study made use of 18 wistar rats, young adults, males, with medium weight of 324 g, from the animal house of Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (Health and Biological Sciences Center) of Universidade Federal de Viçosa, MG, Brazil. Five 12 mm wounds were made in the dorsal region of the rats using scalpel blades. Animals were separated in 3 groups, each one with six animals. Group 1: Control - Animals had the wound treated with saline; Group 2: Wound treated with GaAsAl (30J/cm²) laser; and Group 3: wound treated with DersaniTM. The applications were made daily during 20 days of experiment. The material for histological analyses was stained with hematoxilin-eosin (HE), photographed and analyzed using the program Image Pro-plusTM through enumeration of points under the cells of interest. RESULTS: It was observed an increase in the number of fibroblasts in the groups treated with GaAsAl 30J/cm² and with DersaniTM ointment when compared to controls in the fourth day of experiment. However, in the eighth day the group treated with laser presented a significant reduced number of fibroblasts when compared to control and DersaniTM groups. In relation to revascularization, significant differences between laser and DersaniTM were observed in the eighth day of the experiment, where to DersaniTM showed to be more effective in the formation of blood vessels. CONCLUSION: The group GaAsAl laser on the fourth day, there was a significantly greater quantity of fibroblasts compared to control group.
  • Qualidade de vida das mães de crianças e adolescentes com paralisia cerebral Artigos Científicos

    Carvalho, Judilita Teresa de Melo; Rodrigues, Nyedja Menezes; Silva, Lícia Vasconcelos Carvalho da; Oliveira, Daniella Araújo de

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A dependência funcional da criança com paralisia cerebral (PC) parece ocasionar uma sobrecarga física e emocional em seus familiares. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi avaliar a qualidade de vida das mães de crianças e adolescentes com PC atendidas nas clínicas de fisioterapia da rede privada de Caruaru, PE, e identificar possíveis variações de acordo com o grau de comprometimento motor e com a idade das crianças e adolescentes. METODOLOGIA: Participaram desse estudo 31 mães de crianças e adolescentes com PC, que responderam ao questionário WHOQOL-Bref. Em seguida, os pesquisadores avaliaram o nível de função motora grossa das crianças por meio do teste Gross Motor Function Classification System (GMFCS). RESULTADOS: Na análise descritiva dos dados, verificou-se que a maior parte da amostra apresentou comprometimento motor grave e idade entre 2-5 anos. Ao relacionar o grau de comprometimento motor com os domínios do questionário, observou-se que 60% das mães de crianças com comprometimento leve apresentavam uma percepção negativa do domínio físico. Quando o prejuízo motor foi moderado, a percepção da qualidade de vida materna no domínio meio ambiente foi negativa em 55,5% da amostra. E nas mães de crianças com comprometimento motor grave, observamos uma percepção positiva nos domínios físico (58,8%) e psicológico (76,3%), e negativa nos domínios de relações sociais e de meio ambiente (52,6%). CONCLUSÃO: A percepção da qualidade de vida de mães de crianças e adolescentes com PC na cidade de Caruaru encontra-se prejudicada, principalmente quando relacionada aos aspectos que compõem o domínio meio ambiente e das relações sociais.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: The functional dependency of children with cerebral palsy (CP) must promote a physical and emotional stress in your parents. OBJECTIVE: The objective of this study has been to evaluate life quality of mothers of teenagers and children, victims of CP assisted in Physiotherapy Clinics of the Private Enterprise in Caruaru City, PE, Brazil, and identify possible alterations on their behavior, according to the level of motor difficulty and to the age of their children and teenagers. METHODOLOGY: 31 mothers participated of this study responding to WHOCOL-Bref questionnaire. It was used the Gross Motor Function Classification System (GMFCS) test to evaluate the level of children's and teenagers' gross motor function. RESULTS: Our descriptive analysis of data verified that most of the sample presented severe level of deficiency and age between 2-5 years. At linking the grade of motor affectation with the questionnaire dominium, it was observed that 60% of the mothers whose kids presented a light affectation, there was a negative perception of physical dominium. When the motor harm was soft, the perception of maternal life quality was negative in 55.5%. And in mothers whose children have severe affectation, we observed a positive perception of the physical (58.8%) and psychological (76.3%) dominium, and a negative one at social relations and environment dominium (52.6%). CONCLUSION: The perception of quality of life on mothers of children and teenagers victims of CP in Caruaru is really affected, especially in relation to the aspects which compose environment and social relations.
  • Análise da relação entre dor lombar e desequilíbrio de força muscular em bailarinas Artigos Científicos

    Aquino, Cecília Ferreira de; Cardoso, Vanessa Aparecida; Machado, Naia Chaves; Franklin, Janayna Silveira; Augusto, Viviane Gontijo

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Investigar a relação entre dor lombar e desequilíbrio de força muscular na região lombopélvica em bailarinas clássicas. MÉTODOS: O estudo foi do tipo exploratório transversal e desenvolvido nas academias de dança das cidades de Divinópolis e Oliveira, MG. Foram selecionadas 42 bailarinas, divididas em dois grupos (Grupos Dor e Sem Dor) de acordo com a presença ou não de queixas de dor na região lombar. Inicialmente, as bailarinas foram submetidas, por um único examinador, a quatro testes para avaliação do desequilíbrio de força muscular na região lombopélvica: músculos glúteo máximo × isquiossurais e glúteo máximo × paravertebrais no movimento de extensão de quadril; glúteos máximo e médio × tensor da fáscia lata no movimento de abdução de quadril; abdominais e flexores de quadril no movimento de flexão de quadril. Em seguida, um segundo examinador aplicou os testes de força muscular para os músculos abdominais e paravertebrais. Para verificar a associação entre a queixa de dor lombar e a presença de desequilíbrios musculares foi utilizado o teste qui-quadrado. O nível de significância estabelecido foi de α = 0,05. RESULTADOS: A maioria das bailarinas, independente do grupo do qual participavam, apresentou desequilíbrios de força muscular na região lombopélvica, porém apenas o desequilíbrio entre abdominais × flexores de quadril teve associação significativa com a dor lombar (p = 0,043). CONCLUSÃO: Desequilíbrios musculares lombopélvicos são frequentes em bailarinas clássicas. Entretanto, não é possível afirmar se tais desequilíbrios são adaptações específicas do balé clássico ou disfunções associadas a quadros álgicos resultantes de falhas no treinamento.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To investigate the relationship between low back pain and muscle strength imbalance in the lumbopelvic region of classical ballet dancers. METHODS: This cross-sectional exploratory study was developed in the ballet academies of Divinópolis and Oliveira, Minas Gerais State. Forty-two ballet dancers were selected and then divided into two groups (Pain and Painless Groups), according to the presence or absence of pain complaints in the low back. Firstly, the ballet dancers were submitted, by one examiner, to four tests of muscle strength imbalance in the lumbopelvic region: gluteus maximus × hamstrings muscles and gluteus maximus × paraspinal muscles in the hip extension movement; gluteus maximus and medius × tensor fascia latae muscles in the hip abduction movement; abdominal × hip flexors in the hip flexion movement. After that, a second examiner applied the muscular strength tests for the abdominal and paraspinal muscles. Chi-square tests were used to verify the association between low back pain and muscle imbalances. The level of significance was set at α = 0.05. RESULTS: Most of the ballet dancers, independently of the group, showed muscle strength imbalances in the lumbopelvic region. The abdominal × hip flexors test demonstrated a significant association with low back pain (p = 0.043). CONCLUSION: Muscle imbalances in the lumbopelvic region are common in classical ballet dancers. However, it is not possible to assure that these muscle imbalances are specific adaptations to the classical ballet or dysfunctions associated to algic symptoms resulted from training faults.
  • Ai Chi: efeitos do relaxamento aquático no desempenho funcional e qualidade de vida em idosos Artigos Científicos

    Cunha, Márcia Cristina Bauer; Alonso, Angélica Castilho; Mesquita e Silva, Tatiana; Raphael, Anna Carolina Britto de; Mota, Claudia Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Este estudo avaliou os efeitos da técnica de relaxamento aquático Ai Chi em um grupo de idosos, em relação ao equilíbrio, qualidade de vida e funcionalidade. MÉTODOS: Foram selecionados 20 idosos de ambos os sexos, com média de idade de 68,95 (± 7,42) anos, que foram submetidas à técnica Ai Chi. Os idosos foram avaliados antes e depois do programa de exercícios, que teve duração de 12 semanas, com sessões de 45 minutos, duas vezes por semana, pelas seguintes escalas: Medida de Independência Funcional (MIF), que avalia a funcionalidade; Escala de Berg, que avalia o equilíbrio; e SF36, que mensura a qualidade de vida. Para o desenvolvimento da pesquisa, utilizamos uma piscina aquecida, numa temperatura de 33-34° C. RESULTADOS: Houve melhora significante no equilíbrio pré e pós aplicação da técnica (p < 0,003), não houve melhora significante em relação às medidas de independência funcional (p < 0,10) e a qualidade de vida (p < 0,38). CONCLUSÃO: A técnica de relaxamento aquático Ai Chi proporcionou melhora do equilíbrio, porém não houve mudanças em relação à qualidade de vida e à funcionalidade em idosos independentes.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: This study evaluated the effects of Ai Chi in one group of elderly people in relation to balance, quality of life and functionality. METHODS: We selected 20 elderly people, mean age 68,95 (±7,42) years, that were submitted to Ai Chi technique. The elderly were evaluation after and before exercises program, for 12 weeks, 45 minutes each section, twice a week, by the following scales: Independence Function Measure (IFM), Berg Scale (Brazilian version), and SF-36, for quality of life. The study was made at Ibirapuera University warm pool (33-34° C). RESULTS: There was increase in balance before and after Ai Chi application (p < 0,003), but there was not increase of measure of functional independence (p < 0,10) and quality of life (p < 0,38). CONCLUSION: The Ai Chi technique when applied to elderly people provided an increase on balance. The other evaluations did not show statistic results.
  • Disfunção da articulação sacro-ilíaca em jovens com dor lombar Artigos Científicos

    Ramírez, Carolina Ramírez; Lemus, Diana Marina Camargo

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A dor lombar representa um problema de saúde pública. Estima-se que uma elevada porcentagem de casos de dor lombar (85-90%) não tem uma causa conhecida. Acredita-se que a disfunção da articulação sacro-ilíaca possa explicar, em parte, essa alta porcentagem. OBJETIVO: Determinar a frequência da disfunção da articulação sacro-ilíaca em jovens com dor lombar e descrever possíveis associações com características sócio-demográficas, clínicas e antropométricas da população estudada. METODOLOGIA: A amostra foi selecionada por meio de entrevista direta. Sessenta e sete sujeitos (92,5% mulheres) com idade média de 21 ± 2,1 participaram do estudo. Foi realizado exame físico que incluiu a avaliação da dor à palpação, amplitude de movimento da flexão do quadril, funcionalidade avaliada por meio do Oswestry Disability Index, e realização de quatro provas de provocação de dor da articulação sacro-ilíaca (Gaenslen, thigh thrust, compressão ilíaca e compressão sacra). O diagnóstico para disfunção da articulação sacro-ilíaca foi considerado positivo se pelo menos três das provas foram positivas. RESULTADOS: A frequência de disfunção da articulação sacro-ilíaca foi de 35,8% IC 95% (24,0-47,6). Foi observada associação da disfunção da articulação com diminuição de flexibilidade dos isquiotibiais, pontuação do Oswestry Disability Index e dor à palpação. Não foram encontradas associações estatisticamente significativas com as variáveis sócio-demográficas. CONCLUSÃO: A alta frequência de disfunção da articulação sacro-ilíaca encontrada sugere a possibilidade de detectar e intervir precocemente uma possível causa de dor lombar, evitando alterações funcionais de maior severidade.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Low back pain (LBP) represents a public health problem. The etiology remains unknown in a high percentage of LBP (85-90%) and it has been suggested that the sacroiliac joint dysfunction may be responsible for this high percentage. PURPOSE: To determine the frequency of sacroiliac joint dysfunction in young people with LBP and describe possible associations of the dysfunction with socio-demographic, clinical and anthropometric characteristics of the population. METHODOLOGY: Subjects were selected by direct interview. Sixty seven subjects participated in the study (92.5% women), with age mean of 21 ± 2.1 years. Physical examination consisted of pain evaluation, hip flexion range of motion, assessment of the functionality using the Oswestry Disability Index and reproduction of pain by four tests (Gaenslen, thigh thrust, iliac compression and sacrum compression). The diagnosis of sacroiliac joint dysfunction was made if at least three of the tests were positive. RESULTS: The sacroiliac joint dysfunction frequency was 35.8% CI95% (24.0-47.6). It was possible to observe association of sacroiliac joint dysfunction with the decreased hamstrings flexibility, Oswestry Disability Index score and pain during palpation. There were not significant associations between sacroiliac joint dysfunction and socio-demographic variables. CONCLUSION: The high sacroiliac joint dysfunction frequency suggests a possibility for early detection and treatment of a possible cause of LBP which may avoid functional alterations of greater severity.
  • Efeitos do exercício resistido de membros superiores na força muscular periférica e na capacidade funcional do paciente com DPOC Artigos Científicos

    Ike, Daniela; Jamami, Mauricio; Marino, Diego Marmorato; Ruas, Gualberto; Pessoa, Bruna Varanda; Di Lorenzo, Valéria Amorim Pires

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A disfunção muscular periférica na doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) contribui diretamente para a intolerância ao exercício físico, porém ainda não há consenso sobre estratégias adequadas de treinamento físico para esses pacientes. OBJETIVO: Avaliar o efeito do exercício resistido de membros superiores (MMSS) em pacientes com DPOC moderada a muito grave no ganho de força e na capacidade funcional. MÉTODOS: Doze pacientes com DPOC foram divididos em dois grupos: controle (GC) e treinado (GT). O GT realizou treinamento de força, três vezes por semana, durante seis semanas, com carga de 80% de uma repetição máxima (RM). Antes e após o tratamento, foram realizados os testes de 1 RM e o Pegboard and Ring Test (PBRT) em ambos os grupos. RESULTADOS: Após o tratamento, verificou-se aumento significativo da força muscular no GT (aumento de 52% no supino sentado e 22% no pulley, com p < 0,05); e quanto ao PBRT, não houve diferença significativa em ambos os grupos. CONCLUSÃO: O treinamento de força de MMSS com duração de seis semanas foi capaz de aumentar a força muscular, mas não a funcionalidade de pacientes com DPOC moderada a muito grave.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Peripheral muscle dysfunction in the chronic obstructive pulmonary disease (COPD) contributes for the intolerance exercise, but there was no consensus about appropriate strategies of exercise training for these patients. OBJECTIVE: The aim of this study was to assess the effect of the resistance exercise in upper limb in COPD patients (from moderate to very severe cases) on the muscular strength and functional capacity. METHODS: Twelve patients with COPD were separated into two groups: control (GC) and trained (GT). The GT carried out strength training three times a week, during six weeks, starting with load of 80% of one repetition maximum (1 RM). Before and after the treatment were carried out the 1 RM test and the Pegboard and Ring Test (PBRT) in both groups. RESULTS: After the treatment, there was a significant increase of the strength muscle in the GT (increase of 52% in the supine and 22% in the pulley, with p < 0.05); and in the PBRT there were no significant difference in both groups. CONCLUSION: The upper limb strength training during six weeks was able to improve the muscle strength, but not the functionality of COPD patients (from moderate to very severe cases).
  • Estudo das variações de pressão inspiratória máxima em tetraplégicos, tratados por meio de incentivador respiratório, em regime ambulatorial Artigos Científicos

    Colman, Marina Landowsky; Beraldo, Pedro Cezar

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: O crescente número de vitimas de lesão medular nos tempos atuais, suas incapacidades e consequências físico-funcionais motivaram-nos a abordar no presente estudo a intervenção fisioterapêutica respiratória ambulatorial nesta população. OBJETIVO: Escolhemos pesquisar sujeitos com lesão adquirida traumática oriundos de uma associação na cidade de Curitiba, PR. Considerando-se que o prognóstico relaciona-se ao nível sensitivo e motor, selecionamos sujeitos com lesões cervicais, por se tratarem de quadros que estão acompanhados de disfunções respiratórias, estas decorrentes do acometimento dos músculos acessórios da respiração. Portanto, essa população é merecedora de uma abordagem preventiva, uma vez que as referidas disfunções podem produzir complicações e piora de prognóstico geral. Tivemos a preocupação de demonstrar as possíveis alterações da capacidade de força respiratória, em função da intervenção fisioterapêutica. METODOLOGIA: Utilizamos, para tanto, o instrumento de medida, comparação e controle da força muscular inspiratória denominado manovacuometria. No tratamento, utilizamos o Threshold IMT, que é um incentivador respiratório. Para os critérios metodológicos, optamos por amostra conveniente, de corte longitudinal, em que foi realizada uma avaliação de força inspiratória inicial, objetivando-se alcançar os valores de pressão inspiratória máxima (PImáx), para comparar com a posterior reavaliação, pós intervenção. Os sujeitos foram submetidos a 30 atendimentos de 15 minutos cada, três vezes por semana. Após este período foram reavaliados sob os mesmos critérios técnicos, para as devidas comparações. RESULTADOS: Os resultados permitiram constatar significativa melhora no condicionamento muscular respiratório, o qual atingiu o nível relevante do desvio padrão (p < 0,05). CONCLUSÃO: Concluímos, portanto, que a proposta de tratamento é eficaz.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: The growing number of victims of spinal cord injury, in modern times, with their disabilities and physical-functional consequences, motivated us to discuss in this study the respiratory physiotherapeutic intervention in outpatients. OBJECTIVE: We choose to search individuals with traumatic injury acquired, from an association in the city of Curitiba, Paraná State. Considering that the prognosis is linked to the motor and sensory level, we selected persons with cervical lesions, by targeting frames that are accompanied by respiratory dysfunctions, those resulting from the involvement of accessories muscles of respiration. Therefore, this population deserves a preventive approach, because these dysfunctions can produce complications and reduced overall prognosis. We demonstrate the possible changes in respiratory force capacity, depending on the physiotherapeutic intervention. METHODOLOGY: We use, for that, the instrument of measurement, comparison and control of inspiratory muscle strength named manovacuometry. In treatment, we use the Threshold IMT, which is a respiratory supporter. For methodological criteria, we chose convenience sample, slitting, with an assessment of initial inspiratory force, aiming to achieve the values of maximal inspiratory pressure (MIP), to compare with subsequent reassessment after intervention. The subjects underwent 30 calls of 15 minutes each, three times a week. After this, they were re-evaluated under the same technical criteria for the appropriate comparisons. RESULTS: Results show significant improvement in respiratory muscle conditioning, which reached the level of the relevant standard deviation (p < 0.05). CONCLUSION: We conclude, therefore, that the proposed treatment is effective.
  • Perfil dos pacientes e características do tratamento fisioterapêutico aplicado aos trabalhadores com LER/DORT em Juiz de Fora, MG Artigos Científicos

    Caetano, Vanusa Caiafa; Cruz, Danielle Teles da; Leite, Isabel Cristina Gonçalves

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A reestruturação do processo produtivo verificada nas últimas décadas implicou alterações diretas na saúde do trabalhador, modificando o perfil de adoecimento e sofrimento desses indivíduos. Dentro desse contexto, observa-se um aumento significativo dos casos de Lesões por Esforços Repetitivos (LER) e dos Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT). OBJETIVO: Conhecer o perfil dos trabalhadores com LER/DORT e a assistência fisioterapêutica aos quais são submetidos. METODOLOGIA: Pela aplicação de um questionário estruturado, foram entrevistados 80 trabalhadores, usuários do SUS, inseridos no Programa de Reabilitação Física do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), por meio do Departamento de Saúde do Trabalhador (DSAT), Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, Secretaria de Saúde (SS). RESULTADOS: Há um predomínio de casos de DORT no sexo feminino, e em 83,8% dos casos a renda pessoal não passa de um salário mínimo. Das ocupações encontradas, 76 (95%) estavam relacionadas com o trabalho braçal, e quanto ao tempo de trabalho em uma mesma função, a média foi de 16 anos. Setenta e oito (97,5%) trabalhadores afirmaram impossibilidades na realização das atividades de vida diária (AVDs). Quanto ao tratamento fisioterapêutico, 30 (37,6%) relataram realizar algum tipo de cinesioterapia. CONCLUSÃO: A visão estritamente fisiopatológica, baseada no modelo unidirecional e curativista, não mostram resultados satisfatórios e eficazes. Isso implica a não resolução dos quadros álgicos, favorecendo períodos extensos de tratamento fisioterapêutico, sobrecarga do serviço público de saúde e repercussões no âmbito emocional e sócio-econômico desses trabalhadores.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: The restructuring of the production process in recent decades resulted in direct changes in the worker's health, changing the profile of illness and suffering of these individuals. Within this context, there is a significant increase in cases of Repetitive Strain Injury (RSI) and Work-Related Musculoskeletal Disorders (WRMD). OBJECTIVE: To know the profile of workers with RSI/WRMD and physical therapy to be undergone. METHODS: By applying a structured questionnaire, 80 employees were interviewed, users of the SUS (public health system of Brazil), included in the Physical Rehabilitation Program of the Reference Center for Occupational Health (Cerest - Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), through the Department of Occupational Health (DSAT - Departamento de Saúde do Trabalhador), City Hall of Juiz de Fora, Department of Health (SS - Secretaria de Saúde). RESULTS:There is a predominance of cases of WRMD in females, and 83.8% of the cases personal income is only a minimum wage. Within the occupations found, 76 (95%) were related to manual labor, and the average time working on the same function was of 16 years. Seventy-eight (97.5%) of workers claimed impossibilities in carrying out activities of daily living (ADL). In the physical therapy, 30 (37.6%) reported that they had some kind of kinesiotherapy. CONCLUSION: The strictly pathophysiological vision based on the unidirectional and curative model, does not shown satisfactory and effective results. This fact implies no resolution in pain conditions, favoring extended periods of physical therapy, the overload of public system of health and impact on the emotional and socio-economic development of these workers.
  • Qualidade de vida: pacientes com insuficiência renal crônica no município de Caruaru, PE Artigos Científicos

    Costa, Patrícia Bezerra da; Vasconcelos, Karla Fabiana da Silva; Tassitano, Rafael Miranda

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO INTRODUÇÃO: Qualidade de vida é uma dimensão que tem sido amplamente investigada na saúde da população, independente da faixa etária. Uma condição crônica é um fator que interfere na realização das atividades da vida diária e na percepção de bem-estar individual, como é o caso dos pacientes em tratamento por hemodiálise. OBJETIVO: Descrever as características e analisar as possíveis associações entre a Insuficiência Renal Crônica (IRC) e a qualidade de vida em uma amostra representativa de pacientes com o agravo no município de Caruaru, PE. MÉTODO: A pesquisa foi realizada nos centros de tratamentos dialíticos na cidade de Caruaru, onde toda a população com IRC é atendida (n = 192), sendo 82 pacientes do Centro Regional de Hemodiálise do Agreste (CRHA) e 110 da clínica SOS Rim - Clínica Nefrológica de Caruaru. Para a composição da amostra foi realizado um censo e todos os pacientes cadastrados foram pré-selecionados inicialmente para o estudo. RESULTADOS: Verificou-se que a maioria dos participantes relatou algum grau de incômodo: dores musculares (69,4%), cãibras (89,8%), coceiras (67,3%), fraqueza muscular (73,5%), diminuição de líquido (91,8%), diminuição alimentar (85,7%) e capacidade de trabalhar (75,5%). Já quando questionados se o esforço físico interfere na sua qualidade de vida, este estudo revelou que 70,3% afirmam que sim. Em relação à saúde, 80,6% das pessoas dizem que a doença renal crônica interfere de forma negativa na qualidade de vida. CONCLUSÃO: Os dados indicam que pacientes com IRC apresentam diminuição na qualidade de vida graças a repercussões musculoesqueléticas, tais como cãibras, fraqueza muscular e esforço físico.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Life quality has been a subject of growing research in studies of population health, in all times of ages. A chronic condition is a factor that interferes with the conduct of activities of daily living and the perception of individual well-being, as is the case of patients being treated by hemodialysis. OBJECTIVE: To describe the characteristics and to analyze the possible associations between the CRF and life quality related to health in a representative sample of patients which was worsted in the city of Caruaru, PE. METHOD: The survey was conducted in dialysis treatment centers in Caruaru city, where all population with CRF is attended (n = 192), being 82 patients of the Regional Hemodialysis Center (Centro Regional de Hemodiálise do Agreste - CRHA) and 110 patients of the SOS Rim Clinic - Caruaru's Nephrological Clinical. For the composition of the sample was accomplished a census and all patients enrolled were initially preselected first for study. RESULTS: It was verified that the majority of study participants reported some degree of discomfort: muscle pain (69.4%), cramps (89.8%), itching (67.3%), weakness (73.5%), reduced net (91.8%), decreased food (85.7%) and ability to work (75.5%). When asked if the physical effort interferes with their quality of life, this study revealed that 70.3% say so. In relation to health, 80.6% of people say that kidney disease interferes in a negative way on the quality of life. CONCLUSION: The data in this study indicate that patients with CRF have decreased in life quality due to musculoskeletal repercussions such as cramps, muscle weakness and physical effort.
  • Nível de atividade física, autonomia funcional e qualidade de vida em idosas ativas e sedentárias Artigos Científicos

    Alencar, Nelyse de Araújo; Souza Júnior, José Vitorino de; Aragão, Jani Cleria Bezerra; Ferreira, Márcia de Assunção; Dantas, Estélio

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: O envelhecimento é um processo contínuo durante o qual ocorre declínio progressivo de todos os processos fisiológicos. OBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi analisar os níveis de atividade física, autonomia funcional e qualidade de vida em idosas ativas e sedentárias. MÉTODO: A amostra foi constituída de 30 mulheres (15 sedentárias e 15 ativas), com idade igual ou superior a 60 anos. Para determinar o nível de atividade física, utilizou-se a versão do Questionário Baecke Modificado para Idosos; e a autonomia funcional foi avaliada pela bateria de testes do Grupo de Desenvolvimento Latino-Americano para a Maturidade (GDLAM); e a qualidade de vida, por meio do questionário WHOQOL-OLD. O tratamento estatístico foi composto por análise descritiva e inferencial. Os dados foram analisados pelo SPSS®, versão 13.0. O nível de significância e erro estatístico considerado foi de 5% (p < 0,05). RESULTADOS E DISCUSSÃO: Pela análise dos resultados pôde-se observar que os níveis de atividade física encontrados nas idosas ativas foi maior que os das sedentárias, repercutindo nos melhores resultados apresentados nos testes de autonomia funcional, apesar de ambas serem classificadas com IG fraco. Em relação à qualidade de vida, constatamos não haver associação a melhores níveis quando comparamos ambos os grupos. CONSIDERAÇÕES FINAIS Recomenda-se que seja realizada uma intervenção por meio de um programa de treinamento de físico mais intenso, envolvendo maior quantidade de indivíduos mais bem condicionados para melhor verificar as possíveis alterações das variáveis do estudo realizado.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: The aging is a continuous process during which occurs the progressive decline in all physiological processes. OBJECTIVE: The objective of this study was to analyze the levels of physical activity, functional autonomy and quality of life in active and sedentary elderly women. METHOD: The sample consisted of 30 women (15 sedentary and 15 active), aged equal or over 60 years-old. To determine the level of physical activity, it was used the version of the Modified Baecke Questionnaire for Elderly People; the functional autonomy was assessed by the battery of tests from the Group of Latin American Development to Maturity (GDLAM); and quality of life by WHOQOL-OLD. The statistical treatment consisted of descriptive and inferential analysis. The data were analyzed using SPSS TM, 13.0 version. The level of significance and statistical error considered was set at 5% (p < 0.05). RESULTS AND DISCUSSION: By examining the results it could be observed that the levels of physical activity found in the active elderly women was higher than the sedentary ones, reflecting the best results in the tests of functional autonomy (p < 0.05), although both are classified as low GI. Regarding the quality of life, we found no association at higher levels when comparing both groups. FINAL CONSIDERATION: It is recommended, therefore, that an intervention is made through a more intense physical training program, with larger numbers of individuals more well conditioned to better evaluate the possible alterations of the variables from this study.
  • Ação da TENS acupuntural em acupontos na dor induzida pela hipotermia local (0-2º C) Artigos Científicos

    Montenegro, Eduardo José Nepomuceno; Albuquerque, Nathália Bayma de; Mariz, Larissa Melo Rodrigues de; Costa, Rita de Cássia da Silva; Montarroyos, Camila Soares; Motta, Mauricy Alves da

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A dor é um fenômeno multidimensional que dificulta o desenvolvimento das atividades cotidianas. A aplicação de estimulação elétrica nervosa transcutânea (transcutaneous electrical nerve stimulation - TENS) está entre uma das modalidades mais usadas para o tratamento da dor. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi verificar se a TENS acupuntural (baixa frequência) influencia a dor aguda produzida pela hipotermia local em indivíduos saudáveis, quando os eletrodos estão localizados nos acupontos TA5 e CS6 e na aplicação placebo. MÉTODOS: Trinta e dois voluntários, de ambos os gêneros, foram alocados, aleatoriamente, nos grupos TENS e placebo. O estudo consistiu em três momentos: hipotermia sem eletroanalgesia, hipotermia com eletroanalgesia ou placebo, e hipotermia pós-eletroanalgesia ou placebo, para avaliar o efeito da TENS e do placebo na latência do limiar de dor e na intensidade da dor. RESULTADOS: Os resultados mostraram que a latência do limiar de dor aumenta significativamente quando comparados os momentos antes e depois do uso da TENS, enquanto o grupo placebo não mostrou significância entre seus ciclos de experimentação. A intensidade da dor não sofreu influencia da TENS e do placebo. CONCLUSÃO: Nossos resultados sugerem que a TENS acupuntural aplicada sobre a área dos acupontos TA5 e CS6 é eficaz em aumentar a latência do limiar de dor, mas não interfere na intensidade da dor.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Pain is a multidimensional phenomenon that hampers the development of daily activities. The application of transcutaneous electrical nerve stimulation (TENS) is among one of the most widely used to treat pain. OBJECTIVE: The aim of this study was to determine whether acupunctural TENS (low frequency) influences the acute pain produced by local hypothermia in healthy subjects, when the electrodes are located on acupoints TA5 and CS6 and in placebo application. METHODS:Thirty-two volunteers, both male and female, were randomly allocated to TENS groups and sham. The study consisted of three phases: hypothermia without TENS analgesia, hypothermia with TENS analgesia or placebo, and hypothermia post-TENS analgesia or placebo, to evaluate the effect of TENS and placebo in the latency of pain threshold and pain intensity. RESULTS: The results show that the latency of pain threshold significantly increased when compared to the moments before and after use of TENS, while the placebo group showed no significant difference between its cycles of experimentation. Pain intensity was not affected by TENS and placebo. CONCLUSION: Our results suggest that TENS acupunctural applied over the area of acupoints TA5 and CS6 is effective in increasing the latency of pain threshold, but does not interfere in pain intensity.
  • Aplicação clínica do pico de fluxo da tosse: uma revisão de literatura Artigos de Revisão

    Freitas, Fábia Suelane de; Parreira, Verônica Franco; Ibiapina, Cassio da Cunha

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A tosse é responsável pela manutenção da via aérea livre de secreção e corpos estranhos. O pico de fluxo da tosse (PFT) é o fluxo expirado máximo medido durante uma manobra de tosse por meio de um peak flow meter. A eficácia da tosse depende da magnitude do pico de fluxo. Técnicas de insuflação assistida e de assistência manual à tosse podem aumentar a sua eficácia. Um PFT mínimo de 160 L/min foi relatado por alguns autores como necessário para manutenção da clearance brônquica e desmame da ventilação mecânica. OBJETIVO:Realizar uma revisão de literatura sobre a utilização do pico de fluxo da tosse na avaliação da eficácia da tosse em diferentes situações clínicas. MÉTODOS: Foi utilizado o descritor peak cough flow, durante a pesquisa realizada nas bases de dados Medline, SciELO e LILACS. RESULTADOS:Foi encontrado um total de 36 artigos, sendo 31 selecionados para leitura. Foram selecionados os artigos em português, espanhol ou inglês. CONCLUSÃO:O PFT vem sendo cada vez mais utilizado na avaliação dos doentes neuromusculares e também em outras situações clínicas.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Coughing is responsible for the clearance of secretion and foreign bodies from the respiratory airway. The peak cough flow (PCF) is the maximum expiratory flow measured by a peak flow meter during a coughing maneuver. Coughing effectiveness is dependant on the peak flow's magnitude. Assisted insufflation technique and manually assisted coughing can increase ability to cough. PCF of 160L/min was reported by some authors as the minimum required to clear airway and mechanical ventilation weaning. OBJECTIVE: The purpose of this review was to research on the use of PCF to evaluate coughing strength in different clinical conditions. METHOD: The subject headings used was peak cough flow in a search from Medline, SciELO and LILACS databases. RESULTS: It was found a total of 36 papers and 31 bibliographic references in Portuguese, Spanish and English languages were selected. CONCLUSION: The PCF is more and more measured in neuromuscular disease valuation and in other clinic condition.
Pontifícia Universidade Católica do Paraná Rua Imaculada Conceição, 1155 - Prado-Velho -, Curitiba - PR - CEP 80215-901, Telefone: (41) 3271-1608 - Curitiba - PR - Brazil
E-mail: revista.fisioterapia@pucpr.br