• Escola, professor e autoridade Editorial - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Tunes, Elizabeth; Prestes, Zoia
  • A autoridade do professor na sociedade escolarizada Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Tunes, Elizabeth; Prestes, Zoia

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O presente artigo tem como finalidade examinar como a consolidação da mentalidade escolarizada articula-se ao fracasso da escola. Parte-se de uma breve caracterização do momento histórico de nascimento da escola, há aproximadamente oitocentos anos, até chegar-se à era da industrialização, há cerca de duzentos anos, quando começa a desenvolver-se o que se denomina, na literatura, de mentalidade escolarizada. Após caracterizar, brevemente, essa mentalidade, são apresentados argumentos visando demonstrar de que modo isso contribuiu para o fracasso da escola, minando a autoridade do professor e gerando a possibilidade de emergência da escola militarizada. Conclui-se que a perseverança no mito da escolarização por meio da difusão da ideia de que a crise da educação é de caráter técnico conduz a iniciativas de intensificação de formas de avaliação do processo de ensino-aprendizagem e à militarização das escolas como forma de conter a violência. O mito da escolarização é um aliado importante do ideal de controle social da aprendizagem.

    Abstract in English:

    Abstract In this article we aim to examine how schooling, a kind of mental space, is related to the failure of school. We begin presenting a brief characterization of the historical moment of school’s birth about eight hundred years ago. Then we move to the industrialization era which began approximately two hundred years ago and in which was born a kind of mentality called schooling. After a brief characterization of schooling mentality, we present arguments in order to demonstrate how it contributed to school failure by collapsing teacher’s authority. The death of teacher’s authority, in its turn, creates the possibility of emergence of militarized school. It is concluded that perseverance in the myth of schooling, carried out by spreading the idea that the education crisis is of a technical nature, leads to initiatives to intensify forms of evaluation of the teaching-learning process and the militarization of schools as a way to contain violence. The myth of schooling is an important ally of the ideal of social control of learning.
  • Compreensão de professores acerca dos motivos da agressão de estudantes Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Sobkin, Vladimir; Fomitchenko, Anna

    Abstract in Portuguese:

    Resumo No presente artigo, analisam-se questões relacionadas aos motivos de manifestações de comportamentos agressivos dos estudantes dirigidos a professores, na Rússia. Tendo como ponto de partida notícias de fontes informativas sobre fatos reais de agressões no espaço escolar, o autor realizou uma investigação a respeito de como os professores compreendem os motivos que acreditam ser os mais significativos e que levam ao comportamento agressivo do aluno em relação ao professor. O artigo apresenta resultados de respostas a questionários aplicados a professores sobre os motivos que podem gerar comportamentos agressivos, destacando, especialmente, os mais significativos numa escala de 1 a 7. Os resultados permitiram caracterizar a dinâmica etária da alteração do significado das diversas razões para o comportamento agressivo de alunos dirigido ao professor para escolares dos anos iniciais, para escolares no limiar entre o primeiro e o segundo segmentos do ensino fundamental, para os que se encontram na etapa de transição para a adolescência, os da etapa final do segundo segmento do ensino fundamental (9º ano) e os da etapa final da escola (11º ano).

    Abstract in English:

    Abstract In the present article it is analyzed issues related to the motives for manifestations of aggressive behavior of students towards teachers, in Russia. We took as starting point for this analysis some news from informative sources about real facts of aggression in the school space. Then, it was conducted an investigation which aimed to identify how teachers understand the most significant reasons pointed by them why students present aggressive behavior towards teachers. The article presents results of answers to questionnaires applied to teachers about the motives that can generate aggressive behaviors, especially highlighting the most significant ones on a scale from 1 to 7. The results allowed us to characterize the age dynamics of the change in the meaning of the various reasons for the aggressive behavior of students directed to the teacher for students in the early years, for students in the threshold between the first and second segment of elementary school, and for those in the transition phase to adolescence
  • O professor e sua responsabilidade na sociedade contemporânea Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Fuhr, Ingrid Lilian

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A sociedade contemporânea pode ser caracterizada por cinco aspectos que constituem as pontas de um pentagrama. Vivemos em uma sociedade escolarizada, em que a escola ocupa o lugar central da organização social; cientificista, dado que todo conhecimento presente no cotidiano tem reconhecimento social se legitimado pela ciência; mercadológica, uma vez que a lógica econômica rege as vidas das pessoas; judicializada, no momento em que as pessoas optam pelas vias jurídicas para solucionar seus problemas pessoais, negando a possibilidade do diálogo; e medicalizada, em que os problemas sociais são compreendidos à luz da ciência médica como patológicos. O presente texto visa examinar como os cinco aspectos que constituem o pentagrama da sociedade contemporânea estão presentes no ofício docente e em que medida o professor abdica de sua responsabilidade social. Procura-se demonstrar que, no decorrer das últimas décadas, ocorreu a precarização do magistério, sua desqualificação na formação e no exercício profissional. Cada vez mais, os professores atuam como cumpridores de um programa educacional desvinculado de sua realidade de sala de aula.

    Abstract in English:

    Abstract Contemporary society can be characterized by five aspects that constitute the ends of a pentagram. We live in a schooled society, where school occupies the central place of social organization; scientist, since all knowledge present in everyday life has social recognition if legitimated by science; market, since economic logic rules people’s lives; judicialized, when people choose the legal ways to solve their personal problems, denying the possibility of dialogue; and medicalized, in which social problems are understood in the light of medical science as pathological. This paper aims to examine how the five aspects that constitute the pentagram of contemporary society are present in the teaching profession and to what extent the teacher abdicates his social responsibility. It is aimed to demonstrate that in the last decades teaching was disqualified in its professional exercise. Increasingly, teachers act as compliant with an educational program that is detached from their classroom reality.
  • Percepção do professor como autoridade pelos estudantes Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Kravtsov, Oleg

    Abstract in Portuguese:

    Resumo No âmbito da psicologia e da pedagogia contemporâneas, não há dúvidas quanto ao fato de que a eficiência da instrução está, de algum modo, ligada à autoridade do professor. O presente artigo aborda o problema da percepção da autoridade do professor pelos estudantes. É assumido o ponto de vista de que, para que os estudantes possam se relacionar com o professor como autoridade, é preciso que eles desenvolvam uma determinada maturidade psicológica. Crianças e adolescentes com comportamento divergente não apresentam essa maturidade. Por isso, na psicologia russa, elas eram denominadas de crianças difíceis de educar, uma vez que a influência pedagógica tradicional que lhes era dirigida não produzia o resultado desejado. Considera-se que, nos adolescentes, os problemas ligados à autoridade têm duas origens: as dificuldades no desenvolvimento da relação de convivência e as dificuldades nas atividades de brincar e jogar. Entende-se que o caminho para a resolução desses problemas psicológicos pode encontrar-se na correção dessas esferas.

    Abstract in English:

    Abstract In contemporary psychology and pedagogy, there is no doubt that the efficiency of instruction is in some way related to the authority of the teacher. This paper focuses on the problem of students’ perception of teacher authority. It is assumed that in order for students to recognize the teacher as an authority, they must develop a certain psychological maturity. Children and adolescents with divergent behavior do not have this maturity. Therefore, in Russian psychology, they were called difficult-to-educate children, since the traditional pedagogical influence directed at them did not produce the desired result. It is considered that, in adolescents, the problems related to authority have two origins: the difficulties in the development of convivial relationship and the difficulties in the activities of playing and role playing. The way to solve these psychological problems can be found in the correction of these two spheres.
  • Relação entre habilidades sociais, estresse, idade, sexo, escola e série em adolescentes Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Machado, Sheila Francisca; Alves, Sérgio Henrique de Souza; Caetano, Patrícia Fagundes

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Várias mudanças ocorrem no período da adolescência. O adolescente tem que desenvolver habilidades sociais, que são comportamentos que compõem o repertório do indivíduo para responder às demandas sociais adequadamente. Ele também enfrenta situações que podem desencadear estresse, que é a reação do organismo para reestabelecer seu equilíbrio após passar por situação estressora. O objetivo deste estudo foi verificar a relação de habilidades sociais e estresse com as variáveis: sexo, idade, tipo de escola e série. Foram utilizados os testes psicológicos ESA (Escala de Stress para Adolescentes) e IHSA-Del-Prette (Inventário de Habilidades Sociais para Adolescentes). Conforme os resultados encontrados no presente estudo, pode-se concluir que há correlação entre estresse e as variáveis sexo, idade e tipo de escola frequentada, assim como também entre a emissão de habilidades sociais e o tipo de escola frequentada. A hipótese de que as alunas teriam mais habilidades sociais que os alunos não foi confirmada, assim como também não se confirmou que os homens têm mais dificuldades na emissão das respostas do que as mulheres.

    Abstract in English:

    Abstract During adolescence many changes occur in adolescent life. They have to develop social skills, behaviors that composes the repertoire of an individual to respond the social demands adequately. They face some situations that can cause stress, which is the reaction of the body to restore its balance after going through stressor situation. The present study aimed to investigate the correlation of social skills and stress variables: sex, age, type of school attended and grade. For this was used Psychological tests ESA (Stress Scale for Adolescents) and IHSA-Del-Prette(Inventory of Social Skills for Adolescents). The obtained results permit to conclude that there is a correlation between stress and the variables gender, age and type of school attended, as well as between the emission of social skills and the type of school attended. The hypothesis that the female students had more social skills than the students was not confirmed, nor it was confirmed that men have more difficulties in issuing the answers than women.
  • Relação entre presenteísmo, síndrome de burnout e liderança ética em organizações escolares Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Lourenço, Viviane Pinheiro; Pérez-Nebra, Amalia Raquel; Ferreira, Aristides Isidoro; Kohlsdorf, Marina

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste trabalho foi descrever variáveis preditoras de presenteísmo no contexto escolar, especificamente o burnout e a liderança. Utilizaram-se questionários como instrumento de coleta de dados. Responderam aos questionários 366 professores vinculados à Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal. Eles trabalhavam em diferentes escolas de várias regiões do Distrito Federal. Foram testadas relações lineares e com interação. Os resultados obtidos mostraram que a exaustão emocional e a liderança ética estão relacionadas à concentração no trabalho. Contudo, não se relacionam com a perda de capacidade para completar o trabalho. Neste último, a liderança aparece como uma importante variável moderadora. Os altos níveis de exaustão emocional tendem a convergir negativamente em avaliações de liderança e presenteísmo. Este estudo contribui para a compreensão da relação entre bem-estar e produtividade e suas variáveis moderadoras, assim como aponta que a exaustão emocional no trabalho influencia a avaliação do professor.

    Abstract in English:

    Abstract This paper aimed to describe predictors of presenteism in the school context, specifically burnout and leadership. Questionnaires were used as a data collection instrument. Participants were 366 all of them teachers of Secretaria de Estado da Educação do Distrito Federal. They worked in different schools and various regions of Distrito Federal. Linear and interaction relations were tested for hypothesis checking. The obtained results showed that emotional exhaustion and ethical leadership are linearly related to concentration at work. However, they do not relate to the loss of ability to complete the work. In the latter, leadership appears as an important moderating variable. High levels of emotional exhaustion tend to converge negatively on assessments of leadership and presenteism. This study contributes to the understanding of the relationship between well-being and productivity and its moderating variables, as well as highlights that emotional exhaustion at work influence the teacher’s assessment.
  • Formação contínua de professores e a teoria histórico-cultural na educação infantil Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Chaves, Marta

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Neste texto apresentamos trabalhos realizados sobre a formação contínua de professores da educação infantil junto às secretarias municipais de Educação em diferentes regiões do Estado do Paraná no período de 2002 a 2016. Testemunhamos os desafios cotidianos de equipes pedagógicas e professores e consideramos que um dos elementos que contribuem para a fragilidade do trabalho pedagógico ocorre em função da constituição da formação contínua de professores não ser de fato contínua, como propõe a legislação educacional. Estudos e trabalhos por nós desenvolvidos, em uma década e meia, centram-se nas elaborações clássicas e contemporâneas da Teoria Histórico-Cultural, que defende a possibilidade de máximo desenvolvimento intelectual e que permite reafirmar a necessidade de organização do ensino tendo por base as máximas elaborações humanas da ciência e da arte. Como resultado dos trabalhos, temos o êxito de alguns municípios, equipes pedagógicas e professores, profissionais que desenvolveram o sentimento de pertencimento e apropriação de riquezas humanas e reconhecem-se como protagonistas do processo histórico, possibilitando que as crianças, de igual modo, tornem-se participantes altivos de suas histórias individuais e coletivas.

    Abstract in English:

    Abstract We intend to present achievements on the continuing education of early childhood teachers at the Municipal Departments of Education in different regions of the state of Paraná from 2002 to 2016. To this we add the reflections we have undertaken on the subject. We witness the daily challenges of teaching teams and teachers and consider that one of the elements that contribute to the fragility of pedagogical work is due to the fragile continuous formation of teachers. Studies and works developed by us, in a decade and a half, focus on the classic and contemporary elaborations of the Historical-Cultural Theory, which defends the possibility of maximum intellectual development and that reaffirms the need to organize teaching based on the maximum human elaborations. As a result of our work, we are successful in some countries: our pedagogical teams and teachers developed the sense of belonging and recognize themselves as protagonists of the historical process and, at the same time, enabled children to become equally proud in their individual and historical realizations.
  • Educação popular: instrumento de formação, luta e resistência no projeto educativo do MST Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Ramos, Márcia Mara

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A educação popular é um importante instrumento formador e de luta, que institui processos determinantes para a formação e consolidação da história da educação brasileira. O direito e o acesso à educação pública, gratuita, laica e de qualidade têm raízes nas lutas reivindicatórias das classes populares, que combatem concepções liberais nos diferentes períodos da história. Alternativas de resistência são construídas coletivamente, utilizando estratégias de mobilização nas comunidades para realizar o trabalho de base. Este artigo visa compartilhar ideias das práxis social e coletiva de educação do Movimento Sem Terra (MST). Trata-se de uma experiência de resistência, luta e organização política em defesa da Educação do Campo: professores educadores resistem para significar o campo como lugar de vida, de produção de saberes e conhecimento. A defesa das políticas públicas, em especial da educação pública, gratuita, laica e de qualidade, em conformidade com o princípio de que educação não é mercadoria, luta histórica da classe trabalhadora, é um lema que precisa estar ativo. Requer-se a organização da categoria dos trabalhadores da educação na perspectiva de uma práxis coletiva e de organização social para articulação e construção de outro projeto educacional.

    Abstract in English:

    Abstract Popular education is an important instrument which establishes processes for the formation and consolidation of the history of Brazilian education. The right and access to public education which is free, secular and has quality have their roots in the popular claims and resistance against liberalism in different periods of history. Resistance alternatives are built collectively using community mobilization strategies to do the groundwork. This article aims to share ideas of the social and collective praxis of education of the Movimento dos Sem Terra (MST)- Landless People Movement. According to this movement, education is part of political organization and resistance in defense of Country People Education: teachers and educators resist in order to show that country is a place of life, knowledge and wisdom. The defense of public policies to ensure free and secular education in which quality is a historical claim of the working class and must be always in action. The organization of educational workers is required for the collective and social praxis in order to construct another educational project.
  • O olhar estereoscópico para a ontogênese: desafiando o professor Artigo - Dossiê O professor sem voz: tensões na escola contemporânea e desafios para a psicologia

    Gorlova, Elena

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O presente artigo tem como objetivo examinar como é possível ao professor - ou ao adulto-educador - estruturar um sistema de meios culturais conjugado com a idade psicológica da criança que possa operar sobre a zona de desenvolvimento iminente da criança. Para tanto, analisa-se o potencial metodológico da abordagem histórico-cultural de Vigotski para o diagnóstico e a promoção do desenvolvimento psíquico de crianças no início da vida escolar. Argumenta-se que, para o diagnóstico do desenvolvimento e a definição de estratégia do trabalho corretivo, é importante manter um olhar estereoscópico em que os eixos das coordenadas da visão ampla da criança sejam: o conteúdo da relação de convivência com os adultos e coetâneos, as especificidades da neoformação psicológica da idade como o conteúdo da vontade e do desenvolvimento cultural e, finalmente, a função psíquica central e a atividade-guia. São descritos dois exemplos que permitem indicar os aspectos corretivos centrais do adulto-educador e delinear prognósticos.

    Abstract in English:

    Abstract This article aims to examine how it is possible for the teacher - or the adult educator - to structure a system of cultural media combined with the child’s psychological age that can operate on the child’s imminent development zone. So, the methodological potential of Vygotsky’s historical-cultural approach to the diagnosis and promotion of children’s psychic development at the beginning of school life is analyzed. It is argued that, for the diagnosis of development and the definition of corrective work strategy, it is important to maintain a stereoscopic view according to which the axes of the child’s broad view coordinates are: the content of the living relationship with adults and contemporaries, the specifics of the psychological neoformation of age as the content of will and cultural development, and finally the central psychic function and guiding activity. Two examples are described that allow us to indicate the central corrective aspects of the adult educator and to outline prognoses.
Universidade Federal Fluminense, Departamento de Psicologia Campus do Gragoatá, bl O, sala 334, 24210-201 - Niterói - RJ - Brasil, Tel.: +55 21 2629-2845 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: revista_fractal@yahoo.com.br