O corpo nas imagens da guerra colonial portuguesa: subjetividades em análise1 1 Mantivemos a grafia de Portugal (nota do editor).

The body in the images of the Portuguese Colonial War: subjectivities under analysis

Clara Roldão Pinto Caldeira Sobre o autor

Resumo

Este artigo analisa a representação dos corpos em imagens fotográficas produzidas no contexto da Guerra Colonial Portuguesa, por militares portugueses, que os retratavam e também à população local. Partindo da ideia do corpo como elemento constituinte da subjetividade, estas imagens estabelecem-se como territórios de tensão e negociação das complexas identidades em causa. A análise terá em conta os regimes visuais dominantes que contextualizam estas fotografias, nomeadamente através de uma arqueologia do seu campo imagético, mobilizando o binômio retrato honorífico/retrato disciplinar. Consideram-se ainda as possibilidades de resistência às convenções representativas no espaço fotográfico, e os processos de performatividade hermenêutica que incluem também o espectador actual destas imagens, na articulação entre memória e fotografia.

Palavras-chave
guerra colonial portuguesa; representações do corpo; fotografia; Estudos Visuais

Programa de Estudos Pós-graduados em Comunicação e Semiótica - PUC-SP Rua Ministro Godoi, 969, 4º andar, sala 4A8, 05015-000 São Paulo/SP Brasil, Tel.: (55 11) 3670 8146 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: aidarprado@gmail.com