Multiple soluble malate dehydrogenase of Geophagus brasiliensis (Cichlidae, Perciformes)

Maria Regina de Aquino-Silva Maria Luiza B. Schwantes Arno Rudi Schwantes Sobre os autores

A fim de explicar o padrão eletroforético de seis componentes detectado para a malato desidrogenase solúvel (MDH, EC 1.1.1.37) em 84% dos exemplares de G. brasiliensis analisados (Cichlidae, Perciformes), uma duplicação recente no loco sMDH-B* é sugerida. Diluições seriadas de Klebe realizadas com extratos de músculo esquelético mostraram para as subunidades B1 e B2 o mesmo ponto final visual sugerindo um padrão de expressão não divergente para esses genes duplicados. Uma vez que não existe evidência de poliploidia na família Cichlidae, é sugerido que a duplicação no loco sMDH-B* seja resultante de uma duplicação regional. Especificidade tissular, termoestabilidade e propriedades cinéticas mostraram-se similares para as isoformas B, em ambos os fenótipos detectados, sugerindo estarem esses sob a ação do mesmo gene regulador. Os resultados similares obtidos para os fenótipos de três (AB1) e seis (AB1B2) componentes aqui analisados não mostraram nenhum indicativo de vantagem adaptativa deste último sobre o primeiro, em região subtropical.


Sociedade Brasileira de Genética Rua Cap. Adelmio Norberto da Silva, 736, 14025-670 Ribeirão Preto SP Brazil, Tel.: (55 16) 3911-4130 / Fax.: (55 16) 3621-3552 - Ribeirão Preto - SP - Brazil
E-mail: editor@gmb.org.br