Mulheres trabalhadoras no Rio Grande do Sul: fotografias 3x4 de solicitantes de carteira profissional (1933 - 1944)* * A pesquisa que resultou neste artigo contou com financiamento da FAPERGS (19/2551-0001687-5).

Working women in Rio Grande do Sul: 3x4 photographs of employment record book applicants (1933-1944)

Aristeu Elisandro Machado Lopes Sobre o autor

RESUMO

Este artigo propõe-se a traçar o perfil profissional das trabalhadoras do Rio Grande do Sul a partir das fichas de qualificação profissional da Delegacia Regional do Trabalho, instalada no estado em 1933. A referida ficha era o documento que antecedia à solicitação da carteira profissional, criada pelo governo de Getúlio Vargas, no ano de 1932, como parte das políticas direcionadas aos trabalhadores. O estudo analisa um conjunto de fotografias 3x4 das mulheres solicitantes e outros dados registrados nas fichas, destacando aspectos relevantes sobre a inserção da presença feminina no mercado de trabalho. No desenvolvimento do artigo são destacadas as funções desempenhadas pelas mulheres e as condições a que estavam submetidas, bem como as subjetividades nas aparências dessas mulheres no instante em que se deixavam fotografar, no estúdio ou no próprio local de trabalho.

Palavras-chave:
mulheres trabalhadoras; fotografia; carteira profissional

Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho Faculdade de Ciências e Letras, UNESP, Campus de Assis, 19 806-900 - Assis - São Paulo - Brasil, Tel: (55 18) 3302-5861, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, UNESP, Campus de Franca, 14409-160 - Franca - São Paulo - Brasil, Tel: (55 16) 3706-8700 - Assis/Franca - SP - Brazil
E-mail: revistahistoria@unesp.br