Vivências de cuidado em saúde de moradores de Serviços Residenciais Terapêuticos

Health care experiences of residents of Therapeutic Residential Services

Vivencias de cuidado de salud de moradores de Servicios Residenciales Terapéuticos

Paula Andréa Massa Maria Inês Badaró Moreira Sobre os autores

O Serviço Residencial Terapêutico (SRT) compõe a estratégia de desinstitucionalização na Rede de Atenção Psicossocial (RAPS), sendo um instrumento de recuperação de cidadania. O objetivo deste estudo foi conhecer a compreensão dos moradores de SRT de uma cidade paulista sobre “saúde” e “cuidado à saúde”. De natureza qualitativa, utilizou o grupo focal narrativo e contou com a participação de dez moradores. Para eles, saúde é ser feliz e sentir prazer; e o cuidado à saúde extrapola as ações nos diferentes pontos da RAPS. A sua rede de cuidados inclui diversificados espaços de trocas sociais em estabelecimentos comerciais, de lazer e de cultura. Concluiu-se que as ações dos profissionais no cuidado à saúde devem ressignificar papéis e mediar relações sociais, contratuais e de poder, na concretização de novos planos de vida na cidade, constituindo-se como um projeto de felicidade.

Desinstitucionalização; Residências terapêuticas; Serviços de saúde mental; Saúde mental; Reforma psiquiátrica


UNESP Distrito de Rubião Jr, s/nº, 18618-000 Campus da UNESP- Botucatu - SP - Brasil, Caixa Postal 592, Tel.: (55 14) 3880-1927 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: intface@fmb.unesp.br