O processo de pesquisa como espaço e processo de empoderamento

The research process as a space and an empowerment process

El proceso de investigación como espacio y proceso de apoderamiento

Considerando a pesquisa componente da emancipação, este relato apresenta uma experiência em que atores se tornam autores. A partir de um estudo que congregou professores e estudantes de variadas áreas e níveis de formação, visando avaliar o empoderamento e o impacto gerado em conselhos gestores de dois municípios catarinenses, analisamos a experiência de fazer pesquisa como processo de empoderamento. O tema escolhido e o uso de metodologias construtivistas possibilitaram à equipe de pesquisadores experienciar: a capacidade de tomar decisões e partilhar responsabilidades; a troca de recursos e aquisição de novas habilidades; a abertura à comunicação e o respeito às diferenças; o sentimento de pertencimento e a valorização pessoal. Isto propiciou, por um lado, maior envolvimento e apropriação do processo de pesquisa pelos envolvidos e, por outro lado, favoreceu a aproximação entre os autores do projeto e os sujeitos envolvidos na pesquisa.

Pesquisa; Poder; Triangulação de métodos


UNESP Distrito de Rubião Jr, s/nº, 18618-000 Campus da UNESP- Botucatu - SP - Brasil, Caixa Postal 592, Tel.: (55 14) 3880-1927 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: intface@fmb.unesp.br