A humanização da atividade física em um programa governamental: um olhar necessário

La humanización de la actividad física en un programa gubernamental: una mirada necesaria

Marcos Gonçalves Maciel Luiz Alex Silva Saraiva José Clerton de Oliveira Martins Paulo Roberto Vieira JuniorSobre os autores

O objetivo deste estudo foi analisar as aulas de um programa governamental de atividade física. Trata de uma pesquisa de caráter qualitativo-descritivo, do tipo estudo de caso, sendo a escolha do local feita de forma intencional. Como procedimento metodológico para a coleta dos dados foi utilizada a observação não participante. Para a análise das informações, adotou-se a abordagem fenomenológica. Como principal resultado, identificou-se o desenvolvimento de aulas semelhantes às realizadas em academias de ginástica. Conclui-se que, para além dessa perspectiva de modalidade de aula, deve-se buscar a humanização dessas vivências, considerando a qualificação do movimento como expressão de subjetividades por meio das experiências de ócio.

Experiências de ócio; Subjetividades; Atividade física


UNESP Distrito de Rubião Jr, s/nº, 18618-000 Campus da UNESP- Botucatu - SP - Brasil, Caixa Postal 592, Tel.: (55 14) 3880-1927 - Botucatu - SP - Brazil
E-mail: intface@fmb.unesp.br