Estimativas de densidade e aspectos de conservação da população Leopardus pardalis mais austral da Mata Atlântica

Carlos B. Kasper Fábio D. Mazim José B. G. Soares Tadeu G. de Oliveira Sobre os autores

RESUMO

Utilizando armadilhas fotográficas e análises de captura/marcação/recaptura, registramos a presença e abundância de felinos no Parque Estadual do Turvo, sul do Brasil. A densidade de jaguatiricas [Leopardus pardalis (Linnaeus, 1758)] foi estimada para duas áreas dentro do Parque, que apresentam diferentes formas de uso. A densidade estimada variou de 0,14 a 0,26 indivíduos por km². Outras cinco espécies de felinos foram registradas em frequências muito baixas, impedindo analises mais acuradas. Estimamos que 24 a 45 jaguatiricas devam utilizar a Unidade de Conservação, o que provavelmente representa uma população muito pequena para se manter ao longo prazo, caso isolada. Contudo, se a integridade e conectividade de habitat entre o Parque e o Corredor Verde de Misiones forem mantidas, uma população de jaguatiricas estimada em 1.680 indivíduos deve ser viável a longo prazo.

PALAVRAS-CHAVE
Panthera; Puma; felinos simpátricos; armadilha fotográfica; captura/recaptura

Museu de Ciências Naturais Museu de Ciências Naturais, Secretária do Meio Ambiente e Infraestrutura, Rua Dr. Salvador França, 1427, Jardim Botânico, 90690-000 - Porto Alegre - RS - Brasil, Tel.: + 55 51- 3320-2039 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: iheringia-zoo@fzb.rs.gov.br