Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial, Volume: 39, Issue: 4, Published: 2003
  • Our magazine cover

  • Medicina laboratorial baseada em evidências: subsídio para melhores práticas clínicas Editorial

    Martins, Álvaro Rodrigues; Vieira, Luisane Maria Falci
  • Hospital study of acute respiratory infections in children of Northeast Brazil Medicina Laboratorial

    Moura, Fernanda Edna Araújo; Borges, Leonardo Carletto; Souza, Leda Solano de Freitas; Ribeiro, Dulce Helena; Siqueira, Marilda Mendonça; Ramos, Eduardo Antônio Gonçalves

    Abstract in Portuguese:

    De janeiro a dezembro de 1998, foram analisados 482 casos de infecção respiratória aguda em crianças atendidas na emergência e nas enfermarias do Centro Pediátrico Professor Hosannah de Oliveira, da Universidade Federal da Bahia, em Salvador. O objetivo deste estudo é conhecer o papel dos vírus na etiologia destas infecções. Secreções nasofaríngeas foram examinadas para detecção viral por imunofluorescência e cultura celular. Vírus foram detectados em 154 casos (31,9%). O vírus sincicial respiratório (VSR) foi o mais prevalente (55,2%), seguido pelos vírus influenza A (17,5%) e parainfluenza 3 (16,2%), adenovírus (7,1%), influenza B (3,8%) e parainfluenza 1 (0,64%). O período epidêmico de VSR foi relacionado à estação de chuvas. Um surto de influenza foi observado nos meses de setembro a novembro. A maioria das infecções foi representada por infecção de trato respiratório superior (63,3%), enquanto que as infecções de trato respiratório inferior foram detectadas em 177 casos (36,7%). Infecções respiratórias agudas virais foram mais freqüentes em crianças até um ano de idade (72,7%).

    Abstract in English:

    From January to December 1998, 482 cases of acute respiratory infections in children attended at the emergence or pediatric wards of Centro Pediátrico Professor Hosannah de Oliveira, of Universidade Federal da Bahia, in Salvador (Brazil), were analysed. The aim of this study was to know data about the role of viruses in these infections. Nasopharyngeal secretions were examined for viruses by indirect immunofluorescence and cell culture. Viruses were detected in 154 (31.9%) cases. Respiratory syncytial virus (RSV) was the most prevalent (55.2%), followed by influenza A (17.5%), parainfluenza 3 (16.2%), adenoviruses (7.1%), influenza B (3.8%) and parainfluenza 1 (0.64 %). The epidemic period of RSV was related to the rainy season. One outbreak of influenza was observed from September to November. The majority of the infections were represented by upper respiratory tract infection (63.3%) while lower respiratory tract infections were detected in 177 (36.7%) cases. Viral acute respiratory infections were more frequent in children until one year of age (72.7%).
  • The influence of diet on the triglycerides serum concentration Medicina Laboratorial

    Schiavo, Marli; Lunardelli, Adroaldo; Oliveira, Jarbas Rodrigues de

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Elevados níveis de triglicerídeos no soro estão associados com condições patogênicas que aceleram a aterosclerose, além de existirem evidências de que a hipertrigliceridemia é um fator de risco independente para doenças coronarianas, pois contribui para as cardiopatias devido a efeito aterogênico direto das lipoproteínas ricas em triglicerídeos. Variações muito grandes na dosagem do colesterol e triglicérides limitam sua utilização clínica. Estas variações podem ser analíticas, quando relacionadas a metodologia e a procedimentos utilizados pelos laboratórios, e pré-analíticas, quando se referem a fatores intrínsecos do indivíduo. OBJETIVOS: Usando o mesmo método laboratorial, analisaram-se possíveis alterações nos níveis lipídicos dos pacientes a fim de questionar a verdadeira validade de o jejum de 12 horas, anterior à punção, ser suficiente para que se possam realizar dosagens fidedignas com o perfil do paciente. MATERIAL E MÉTODO: Foram analisados soros de 29 pacientes, colhidos em dois distintos dias: na segunda-feira e na quinta-feira da mesma semana. RESULTADOS: Podemos observar variações quanto à dosagem de triglicerídeos em diferentes dias da semana, quando os níveis de tal parâmetro, na segunda-feira apresentam-se mais elevados do que na quinta-feira, mesmo que o paciente tenha feito um rigoroso jejum de 12 horas antes de ambas as coletas. O colesterol total, a HDL, a LDL e a VLDL não se mostraram com variação estatisticamente significativas. Discussão: Sendo assim, o jejum recomendado de 12 horas não é suficiente para avaliar o real perfil lipídico do paciente.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Elevated levels of triglycerdes in the serum are associated with patologicals conditions that they accelerate to aterosclerose, beyond they evidences will exist of that to hypertrigliceridemia is an independent factor of risk for illnesses coronarias therefore I contributed for the cardiopatias by an effect aterogênico straight of the lipoproteínas rich in triglicerídeos. Very big variations in the dosage of the colesterol and triglicérides they limit sweats clinical utilization. Those variations can be analytic, when related to metodologia and procedures utilized by the laboratories, and pré analytic, when related to factors intrínsecos of the individual. Objectives: Using the same approach laboratorial, analyzed itself possible alterations in the levels lipídicos of the patients in order to question to true validade of that the fast of 12 previous hours to the punção be sufficient for that can be carried out trustworthy dosages with the profile of the patient. METHODS: They were analyzed serum of 29 patients, reaped in two distinct days; in the Monday and in the Thursday from the same week. RESULTS: We be able to observe variations on the occasion of the dosage of triglicerídeos in peculiar days from the week, being that the levels of such parameter in the Monday are presented more elevated that in the Thursday, even that the sick one I have done a rigorous fast of 12 hours before of both you collect them. The colesterol gross, the HDL, the LDL and the VLDL they were not shown with significant statistical variation. Discussion: Being like this, the fast recommended of 12 hours is not sufficient to relate the real profile lipídico of the patient.
  • Increased fertility as an eventual mechanism maintaining high frequencies of hemoglobinopathies in Brazil Medicina Laboratorial

    Mazzi, Michelle Marcondes; Teixeira, Rosa Chelminsky; Magna, Luís Alberto; Ramalho, Antonio Sérgio

    Abstract in Portuguese:

    O aumento da fertilidade das heterozigotas é um dos mecanismos sugeridos na manutenção do polimorfismo balanceado das hemoglobinopatias em alguns países. No presente trabalho, estudamos a fertilidade de 68 portadoras do traço talassêmico b (heterozigotas AT) e de 53 portadoras do traço falciforme (heterozigotas AS) casadas com indivíduos com hemoglobina normal. O número médio de filhos por heterozigotas AT e AS (2,7647 e 3,0755, respectivamente) não diferiu significativamente do observado entre suas irmãs com hemoglobina normal (2,3778 e 3, respectivamente). Além disso, também não foi observada diferença significativa, quanto à proporção de mulheres casadas sem filhos, entre as heterozigotas e as suas irmãs. Tais resultados não favorecem, portanto, a hipótese de que o aumento de fertilidade das heterozigotas seja um mecanismo de manutenção do polimorfismo da talassemia b e da hemoglobina S no Brasil.

    Abstract in English:

    Abstract Increased fertility of heterozygous women is one of the suggested processes maintaining balanced polymorphism of the hemoglobinopathies in some countries. In the present work we studied the fertility of 68 b-thalassemia trait (heterozygous AT) and 53 sickle cell trait (heterozygous AS) women married with normal hemoglobin husbands. The average number of children per heterozygous AT and AS women (2.7647 and 3.0755, respectively) did not differ significantly from those observed among their control sisters with normal hemoglobin (2.3778 and 3, respectively). In addition, it was not observed a significant difference between the proportion of married women without children between the heterozygous women and their control sisters. The results herein presented hence does not support the hypothesis of increased fertility of heterozygous women as being a homeostatic mechanism able to maintain the polymorphism of either b-thalassemia and hemoglobin S in Brazil.
  • Effect of hormone replacement therapy in iron status Medicina Laboratorial

    Résio, Maria Paula Zanetti; Souza, Ana Maria de; Toloi, Maria Regina Torqueti; Gregório, Zita Maria de Oliveira; Montes, Marlise Bonetti Agostinho; Franceschini, Silvio Antônio; Castro, Fabíola Attié de

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Na literatura, numerosas publicações relatam a determinação do estado férrico em crianças, adolescentes e mulheres em fase reprodutiva, no entanto são raras as pesquisas quanto às alterações do ferro em estoque e eritrograma pós-terapia de reposição hormonal (TRH) em pré-menopausadas e menopausadas. O aumento dos estoques de ferro em mulheres pré-menopausadas e menopausadas pode conduzir à elevação do estresse oxidativo e, conseqüentemente, ao risco de desenvolvimento de câncer e doenças cardiovasculares. OBJETIVO: Avaliar o efeito da TRH sobre o eritrograma e o estado férrico em mulheres na pré-menopausa e na menopausa. MÉTODOS: Foram determinados os eritrogramas e as dosagens de ferro, capacidade total de ligação do ferro a transferrina (CTLF) e ferritina séricas em 30 mulheres no climatério antes e após seis meses de TRH com medroxiprogesterona e estradiol. Os eritrogramas, as dosagens de ferro e CTLF foram determinados por meio da utilização de métodos clássicos, e a ferritina, por quimiluminescência. RESULTADOS: Após o uso da TRH, constataram-se significante redução do número de eritrócitos, elevação dos índices hematimétricos e tendência à diminuição nos níveis de ferro sérico e CTLF. Nenhuma alteração significante nos níveis de ferritina e no índice de saturação de transferrina foi detectada após a TRH. DISCUSSÃO E CONCLUSÃO: No presente estudo não foram encontradas alterações nos parâmetros hematimétricos e no estado férrico que impeçam a utilização da TRH no climatério e na menopausa. Os resultados sugerem que a TRH exerceu efeito benéfico sobre o estado férrico nas mulheres no climatério deste estudo, mantendo os estoques de ferro normais e promovendo a elevação dos índices hematimétricos.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: In literature there are many studies about iron status in children, adolescents and fertile women, but investigations of iron stores and erythrocyte parameters variation after hormone replacement therapy (HRT) are rare. Elevated iron stores, oxidative stress, and estrogen deficiency may place premenopausal and menopausal women in a risk of developing heart disease and cancer. OBJECTIVE: To evaluate the effect of HRT in erythrogram and iron status in premenopausal and menopausal women. METHODS: Hematological indices and iron status were assessed by erythrogram, serum ferritin, iron and transferrin iron-binding capacity (TIBC) in 30 pre- and menopausal women before and after HRT with medroxiprogesterone and estradiol. The blood exam, serum iron and iron-binding capacity were determined by laboratory classic methods, while ferritin was measured by quimiluminescent assay. RESULTS: HRT use was followed by a significant reduction in the absolute number of erythrocyte, an increase of hematimetric indexes and a trend towards a reduction of serum iron levels and TIBC. No alterations on serum ferritin and transferrin saturation index were detected after HRT. DISCUSSION AND CONCLUSION: In the present study, alterations in red cell and iron parameters, which could impair the use of HRT in premenopausal and menopausal women, were not observed. Our results suggest that HRT in premenopausal women are beneficial to iron status, maintaining normal iron stores and promoting elevation of red cells indexes.
  • Comparison of different methods for detection of Klebsiella pneumoniae isolates producers of extended spectrum beta-lactamase Medicina Laboratorial

    Pereira, Andrea dos Santos; Carmo Filho, José Rodrigues do; Tognim, Maria Cristina Bronharo; Sader, Helio Silva

    Abstract in Portuguese:

    Bactérias produtoras de betalactamase de espectro estendido (ESBL) representam um dos mais importantes problemas de resistência bacteriana nos hospitais brasileiros. A necessidade da implementação de testes que apresentem alta acurácia e baixo custo é de suma importância devido à dificuldade na detecção de ESBL. O objetivo do presente estudo foi avaliar a acurácia dos testes de adição de ácido clavulânico comercializados pela Oxoid® (Basingstoke, Inglaterra) e do Etest ESBL Screen® (AB Biodisk, Solna, Suécia) para detecção de K. pneumoniae produtoras de ESBL. Objetivamos também avaliar comparativamente a sensibilidade e a especificidade dos substratos betalactâmicos utilizados nestas metodologias. Foram avaliadas 134 amostras de K. pneumoniae isoladas em hemocultura de pacientes internados no Hospital São Paulo no período de julho de 1996 a julho de 2001. As amostras foram avaliadas quanto à produção de ESBL pelo teste de triagem preconizado pelo National Committee for Clinical Laboratory Standards (NCCLS), adição de ácido clavulânico (Oxoid®) e Etest ESBL Screen®. Foram consideradas produtoras de ESBL (padrão-ouro) amostras que apresentaram teste de triagem positivo e pelo menos um dos dois testes avaliados também positivo. O teste de adição de ácido clavulânico (Oxoid®) apresentou 100% de sensibilidade e 100% de especificidade, e os substratos que apresentaram melhor desempenho neste teste foram cefotaxima e cefpodoxima, ambos com 100% de sensibilidade e especificidade. O Etest ESBL Screen® apresentou 96% de sensibilidade e 100% de especificidade, sendo que a cefotaxima mostrou novamente melhor desempenho, com 92,5% de sensibilidade e 100% de especificidade. O teste de adição de ácido clavulânico (Oxoid®) apresentou excelente desempenho e pode ser facilmente implementado na rotina laboratorial por ser de alta acurácia e de fáceis realização e interpretação.

    Abstract in English:

    Bacterial strains producing extended spectrum beta-lactamases (ESBL) represent a common resistance problem among Brazilian hospitals. Due to the difficulty of ESBL detection in the clinical laboratory, these bacterial isolates require a reproducible, efficient, and low cost detection method. The aim of the present study was to evaluate the efficacy of detection of K. pneumoniae ESBL isolates by two methods: the Etest ESBL strip and the inhibitor potentiated disk diffusion test with clavulanic acid (clavulanate-potentiation test). The sensitivity and the specificity of beta-lactam agents against these isolates were also evaluated. The experiments were performed on a total of 134 K. pneumoniae isolates recovered from blood specimens in our institution from July 1996 to July 2001. The samples were tested for ESBL production by the NCCLS screen test, clavulanate-potentiation test and Etest ESBL strip. Isolates presenting positive results for the screen test and for at least one of the evaluated tests were considered ESBL producers (gold standard). The results of this study yielded a 100% specificity and sensitivity for the clavulanate-potentiation test, and the best indicators of ESBL production were cefotaxime and cefpodoxime. The Etest ESBL strip also turned out to be a very sensitive (96%) and specific (100%) method, being cefotaxime the most efficient substrate. According to the results of this investigation, the clavulanate potentiation disk diffusion test displayed an excellent performance and can be easily implemented in routine clinical laboratories as a practical, reliable, and accurate method.
  • Determination of lipid and lipoprotein classification levels in school children from ten to nineteen years old from the city of Maracaí, SP, Brazil Medicina Laboratorial

    Seki, Mario; Seki, Marisa Okabe; Niyama, Fabiana Petruscke; Pereira Júnior, Plínio Gomes; Seki, Matiko Okabe; Matsuo, Tiemi; Bonametti, Ana Maria; Carrilho, Alexandre José Faria

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Os estudos epidemiológicos do perfil lipídico em jovens fornecem subsídios para a prevenção da aterosclerose e a redução das elevadas taxas de mortalidade provocadas por doenças do aparelho circulatório. Observa-se, entretanto, que os autores nacionais utilizam intervalos de referência procedentes de outros países, geralmente os norte-americanos. As III Diretrizes Brasileiras Sobre Dislipidemias (III DBSD, 2001) também adotam este recurso, recomendando valores do National Cholesterol Education Program (NCEP) (EUA, 1992). Esta prática, que desconsidera diferenças raciais, condições socioeconômicas, constituição física e hábitos alimentares da população brasileira, pode induzir potenciais vieses, prejudicando o dimensionamento das dislipidemias em nosso meio. OBJETIVO: Estabelecer intervalos de referência para triglicerídeos (TG), colesterol total (CT), LDL-colesterol (LDL-c), HDL-colesterol (HDL-c) e não-HDL-colesterol (não-HDL-c) em escolares de Maracaí (SP), de ambos sexos e faixa etária de 10 a 19 anos. MÉTODOS: Delineamento transversal. No período de 25 de março a 8 de outubro de 2002, foram avaliados 1.371 alunos de ambos os sexos, de 10 a 19 anos de idade, matriculados em oito escolas públicas e uma privada. Foram utilizadas reações enzimáticas para determinações de CT e TG, kits Johnson & Johnson (Ortho Clinical Diagnostics), metodologia de química seca e auto-analisador Vitros 750. A dosagem enzimática de HDL-c foi precedida pela precipitação de LDL-c e VLDL-c presentes nos soros mediante uso de reagentes responsivos à separação magnética, contendo sulfato de dextran e cloreto de magnésio (Johnson & Johnson). Valores de LDL-c para TG sérico abaixo de 400mg/dl foram obtidos pelo cálculo de Friedewald: LDL-c = CT - HDL-c - TG/5; para valores superiores a este, os soros foram precipitados com sulfato de polivinil dissolvido em polietilenoglicol a 25%, pH 6,7 e posterior determinação com kits Merck CHOD-PAP e leitura fotométrica no aparelho CELM modelo E-225. O não-HDL-c foi calculado através da fórmula CT - HDL-c. RESULTADOS: As exclusões totalizaram 255 casos. Foram analisados 1.116 escolares, dos quais 509 eram do sexo masculino e 607, do feminino. Os intervalos de referência obtidos na amostra diferiram dos valores recomendados pelas III DBSD. As maiores variações foram registradas nos resultados correspondentes aos percentis 75 e 95 de LDL-c, respectivamente, de 93mg/dl (variação de -15,5%) e 118,2mg/dl (variação de -9,1%). DISCUSSÃO: Os intervalos de referência transcritos do NCEP podem não ser aplicáveis em determinadas regiões brasileiras, e a sua utilização indiscriminada pode induzir potenciais vieses. CONCLUSÃO: Os intervalos de referência para CT, LDL-c e HDL-c, estabelecidos para escolares da cidade de Maracaí, de ambos sexos e idades de 10 a 19 anos, diferiram dos valores recomendados pelas III DBSD. Estudos similares em outras regiões são sugeridos para estabelecer, nessa faixa etária, valores adequados à realidade brasileira.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Epidemiological studies on lipid profiles in young people offer data for the prevention of atherosclerotic morbidities and the reduction of high mortality rate due to cardiovascular disease. However, the Brazilian authors make use of classification levels from other countries, usually the American standards. The III DBSD (initials in Portuguese for Brazilin Guidelines on Dyslipidemias, 2001), have also adopted this practice, thus recommending the use of levels from the National Cholesterol Education Program (NCEP) (USA, 1992). This practice does not take into account the socioeconomic and ethnic differences, physical makeup and food choices of the Brazilian population. It may induce potential bias and incorrect assessment of dyslipidemias in our region. OBJECTIVE: to establish classification level for triglycerides (TG), total cholesterol (TC), LDL-cholesterol (LDL-c), HDL-cholesterol (HDL-c), non-high-density lipoprotein cholesterol (non-HDL-c) in students of both sexes from the city of Maracai (SP), in the ten- to nineteen-year-old age group. METHODS: cross-sectional design. A total of 1,371 male and female students, in the ten- to nineteen-year-old age range of eight public schools and one private school, were evaluated between March 25th and October 8th 2002. The tests for TC and TG were conducted with enzymatic reactions, Johnson & Johnson kits, dry chemistry methodology, and Vitros 750 auto-analyzer. The enzymatic dosage of HDL-c was preceded by the precipitation of LDL-c and VLDL-c present in the serum through the use of a magnetically responsive reagent containing dextran sulphate and magnesium chloride (Johnson & Johnson). The LDL-c levels were determined through the Friedewald equation for TG lower than 400.0 mg/dL: LDL-c = TC - HDL-c - TG/5; for results greater than this, the serum was precipitated with polyvinyl sulfate dissolved in poliethylenoglycol at 25%, pH 6.7 and later determined with Merck CHOD-PAP kits and photometric reading in the model E-225 CELM equipment. Non-HDL-c was calculated on CT - HDL-c. RESULTS: Excluded cases amounted to 255. A total of 1,116 cases were tested - 509 males and 607 females. The classification levels that were obtained in the studied samples differ from the values recommended by the III DBSD. The largest variations were found in the results at the 75th and 95th percentiles for LDL-c, respectively, 93 mg/dl (a -15.5% variation) and 118.2 mg/dl (a -9.1% variation). DISCUSSION: the classification levels transcribed from the NCEP may not apply to certain Brazilian areas and their indiscriminate use may lead to bias. CONCLUSION: the classification levels for TC, LDL-c, and HDL-c established for students of both sexes from the city of Maracaí, in the ten-to nineteen-year-old age group proved to be in disagreement with recommended values in the III DBSD. Similar investigations in other areas have been suggested in order to establish adequate classification levels for the Brazilian population in this age group.
  • Presence of nonthyroid-specific autoantibodies in autoimmune hypothyroidism Medicina Laboratorial

    Soares, Débora Vieira; Vanderborght, Bart O. M.; Vaisman, Mário

    Abstract in Portuguese:

    Auto-anticorpos contra componentes não-específicos da tireóide foram encontrados no soro de pacientes com doença auto-imune da tireóide. Neste estudo avaliamos a presença de auto-anticorpos antinucleares (ANA), antimúsculo liso (anti-ML) e antimitocôndria (anti-Mc) no soro de pacientes com hipotireoidismo auto-imune (HA), comparando-os a controles saudáveis. Estudamos 70 pacientes com hipotireoidismo auto-imune (tireoidite de Hashimoto ou tireoidite atrófica ) e 70 controles saudáveis (sem diagnóstico de doença auto-imune e tireoidiana), todos do sexo feminino, com média de idade de 50,2 anos (+ 15,9) e 49,6 anos (+ 14,4), respectivamente. O ANA, detectado através do sistema Inno-LIA™ ANA (Innogenetics, Bélgica), foi positivo em 26% dos pacientes com HA e em 14% dos controles, não sendo esta diferença significativa (p = 0,09). Não houve diferença entre tempo de doença ou idade entre os grupos ANA positivo ou negativo. Anticorpos anti-ML e anti-Mc foram negativos em todas as amostras, sendo analisados através de imunofluorescência indireta. Concluímos que pacientes com hipotireoidismo auto-imune não apresentaram maior incidência de auto-anticorpos não-específicos para tireóide do que controles saudáveis. Ressaltamos, contudo, que a associação entre doenças auto-imunes da tireóide e outras doenças auto-imunes é fato incontestável, podendo ocorrer em qualquer período no curso de sua evolução. Portanto avaliações regulares são recomendadas.

    Abstract in English:

    Autoantibodies against nonthyroid-specific components were detected in sera of patients with autoimmune thyroid disease. In this study we investigated the presence of the antinuclear antibody (ANA), antismooth muscle antibody (anti-SM) and antimitochondrial antibody (anti-Mc) in the sera of patients with autoimmune hypothyroidism comparing them to a control group. We studied 70 patients with autoimmune hypothyroidism (Hashimoto's or atrophic thyroiditis) and 70 healthy controls (subjects without autoimmune and thyroid diseases ), all female, mean age 50.2 (+ 15.9) and 49.6 years (+ 14.4), respectively. ANA was detected by Inno-LIA™ ANA (Innogenetics, Belgium) in 26% of the patients with autoimmune hypothyroidism and in 14% of the controls; this difference was not statistically significant (p = 0.09). There were no differences between disease duration or age between the groups whether ANA was positive or not. Antibodies anti-Mc and anti-SM were not detected in any analyzed sample. In conclusion, patients with autoimmune hypothyroidism did not have greater incidence of autoantibodies against nonthyroid-specific components than healthy controls. Nevertheless, we emphasize that the association between autoimmune thyroid disease and other autoimmune diseases is undeniable and therefore regular assessments are recommended.
  • Ascorbic acid interference on the measurement of serum biochemical parameters: in vivo and in vitro studies Medicina Laboratorial

    Martinello, Flávia; Silva, Edson Luiz da

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: O ácido ascórbico, quando presente em amostras biológicas, pode interferir nos ensaios laboratoriais que utilizam reações de oxidorredução. OBJETIVOS: Estabelecer o grau de interferência do ácido ascórbico nas determinações bioquímicas séricas em relação à dose de vitamina C, ingerida e ao tempo de coleta das amostras e comparar com o efeito interferente in vitro. MÉTODOS: Voluntários saudáveis (n = 18) consumiram doses crescentes e sucessivas de 0,25 a 4g/dia de vitamina C durante uma semana cada dose. As determinações bioquímicas de ácido úrico, bilirrubina, colesterol total, glicose e triglicerídeos foram realizadas antes e 4, 12 e 24 horas após a última ingestão de cada dose. No estudo in vitro, concentrações crescentes de ácido ascórbico foram adicionadas ao soro humano e os analitos foram determinados até 24 horas após a adição. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Os níveis séricos de ácido ascórbico aumentaram significativamente após a ingestão da vitamina C, provocando inibição nas determinações de ácido úrico e bilirrubina total 4, 12 e 24 horas após a ingestão (p < 0,01). Em contrapartida, a ingestão de vitamina C não interferiu nas determinações de glicose, colesterol e triglicerídeos. O ácido ascórbico inibiu in vitro as reações dos analitos estudados, diretamente proporcional à concentração de ácido ascórbico e inversamente proporcional à concentração dos analitos. Para o ácido úrico houve interferência analítica apenas, enquanto que para a bilirrubina a interferência foi analítica e, principalmente, metabólica. CONCLUSÃO: Para evitar resultados falso-negativos para ácido úrico e bilirrubina sugerimos a suspensão da ingestão de vitamina C 48 horas antes da coleta de sangue.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Ascorbic acid, when present in biological samples, can produce a negative interference in several biochemical tests that use redox indicator systems. OBJECTIVES: We evaluated the ascorbic acid interference on serum biochemical tests in relation to the dose of vitamin C ingested and to the time of blood collection, and compared these results with in vitro interference. METHODS: Healthy volunteers (n =18) consumed increasing and successive doses of vitamin C (0.25 to 4g/day) for one week. Biochemical analytes were measured before and after each dose consumption. Serum samples were obtained 4, 12 and 24 h after vitamin C ingestion. Ascorbic acid was added in vitro to the human serum and the biochemical analytes were assayed up to 24 h after addition. RESULTS AND DISCUSSION: Serum ascorbic acid increased significantly after vitamin C ingestion, inhibiting the assays for urate and total bilirubin up to 24 h after ingestion (p < 0,01). In contrast, the ingested vitamin C did not interfere on the glucose, cholesterol, and triglycerides tests. In vitro ascorbic acid inhibited the reactions for all studied tests, proportional to the ascorbic acid amount and inversely proportional to the analyte concentrations. The urate test had in vitro interference only, whereas for bilirubin there were in vitro and, mainly, in vivo interference. CONCLUSION: To avoid false-negative results of serum urate and bilirubin we recommend the suspension of vitamin C intake at least 48 horas before blood collection.
  • Biopathology of Helicobacter pylori Medicina Laboratorial

    Ladeira, Marcelo Sady Plácido; Salvadori, Daisy Maria Fávero; Rodrigues, Maria Aparecida Marchesan

    Abstract in Portuguese:

    A infecção pelo Helicobacter pylori (H. pylori) induz inflamação persistente na mucosa gástrica com diferentes lesões orgânicas em humanos, tais como gastrite crônica, úlcera péptica e câncer gástrico. Os fatores determinantes desses diferentes resultados incluem a intensidade e a distribuição da inflamação induzida pelo H. pylori na mucosa gástrica. Evidências recentes demonstram que cepas do H. pylori apresentam diversidade genotípica, cujos produtos acionam o processo inflamatório por meio de mediadores e citocinas, que podem levar a diferentes graus de resposta inflamatória do hospedeiro, resultando em diferentes destinos patológicos. Cepas H. pylori com a ilha de patogenicidade cag induzem resposta inflamatória mais grave, através da ativação da transcrição de genes, aumentando o risco para desenvolvimento de úlcera péptica e câncer gástrico. O estresse oxidativo e nitrosativo induzido pela inflamação desempenha importante papel na carcinogênese gástrica como mediador da formação ou ativação de cancerígenos, danos no DNA, bem como de alterações da proliferação celular e da apoptose.

    Abstract in English:

    Helicobacter pylori (H. pylori)-infection causes persistent inflammation with different clinical outcomes in humans, including chronic gastritis, peptic ulcer, and gastric cancer. The key determinants of these outcomes are the severity and distribution of the H. pylori-induced inflammation. Recent evidence has demonstrated that H. pylori strains possess genotypic diversity whose products trigger inflammatory process and the main mediators and cytokines, which may engender differential host inflammatory responses with distintict clinical outcomes. H. pylori strains that possess the cag pathogenecity island induce more severe inflammation via activation of gene transcription, thus enhancing the risk for peptic ulcer and distal gastric cancer. The oxidative and nitrosative stress induced by inflammation plays an important role in gastric carcinogenesis as a mediator of carcinogen formation, DNA damage, and imbalances between cell proliferation and apoptosis.
  • Nitric oxide revision Medicina Laboratorial

    Dusse, Luci Maria Sant'Ana; Vieira, Lauro Mello; Carvalho, Maria das Graças

    Abstract in Portuguese:

    O óxido nítrico (NO) é um radical livre, gasoso, inorgânico, incolor, que possui sete elétrons do nitrogênio e oito do oxigênio, tendo um elétron desemparelhado. Até meados da década de 1980, o NO era considerado apenas membro de uma família de poluentes ambientais indesejáveis e carcinógenos potenciais. Atualmente, o NO constitui um dos mais importantes mediadores de processos intra e extracelulares. Este radical é produzido a partir da L-arginina, por uma reação mediada pela enzima NO-sintase constitutiva (c-NOS) e induzível (i-NOS). O NO apresenta um papel dúbio, às vezes benéfico, outras vezes prejudicial ao organismo. Está envolvido no relaxamento vascular e tem um papel de grande importância na proteção do vaso sangüíneo. Constitui um importante mediador citotóxico de células imunes efetoras ativadas, capaz de destruir patógenos e células tumorais. Possui, ainda, um papel como mensageiro/modulador em diversos processos biológicos essenciais. No entanto o NO é potencialmente tóxico. A toxicidade se faz presente particularmente em situações de estresse oxidativo, geração de intermediários do oxigênio e deficiência do sistema antioxidante. A determinação laboratorial do NO é complexa, e a caracterização de ativadores e inibidores específicos da síntese de NO constitui o novo desafio para o entendimento e o tratamento de várias doenças. Estudos envolvendo o NO têm sido um dos principais alvos da indústria farmacêutica.

    Abstract in English:

    Nitric oxide (NO) is an inorganic and incolor free radical gas containing seven electrons from nitrogen and eigth from oxigen and one unpaired electron. Until midlle of 1980 decade, NO was considered as a member of an undesiderable and envirommental poluents family and as a potential carcinogen agents. At the moment, NO constitutes one of the most important mediators of intra and extra cellular processes. This radical is produced from the L-arginine envolving a reaction mediated by constitutive and inducible NO synthase. NO presents a dubious role, sometimes it brings benefits, sometimes it is harmful. It is envolved in the vascular relaxing and it protects the blood vessels. It constitutes an important cytotoxic mediator on immune activated cells capable of killing pathogenic agents and tumor cells. It also has a role as messager/modulator in a variety of essential biological processes. However, NO is a potentially toxic agent, whose toxicity could be particulary denoted in stress oxidative conditions, by the generation of O2 intermediates and antioxidant system deficiency. Laboratory measurement of NO is complex and the characterization of specific activators and inhibitors of the NO synthesis constitutes the new challenge for a better comprehension and treatment of a number of pathologies. NO studies have been one of the main target for pharmaceutical industries.
  • Comparative histopathological analysis between oral and cutaneous lichen planus Patologia

    Navas-Alfaro, Silvia Elena; Fonseca, Eliene Carvalho da; Guzmán-Silva, María Angélica; Rochael, Mayra Carrijo

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Líquen plano é uma doença inflamatória crônica relativamente comum que acomete pele e membranas mucosas, separadamente ou em combinação. Freqüentemente envolve a cavidade oral, com ou sem comprometimento cutâneo concomitante. Microscopicamente, enquanto a pele apresenta aspectos bastantes característicos, a mucosa oral pode apresentar variações relacionadas às características locais da mucosa na cavidade oral. OBJETIVOS: Comparar as alterações histopatológicas do líquen plano oral (LPO) com as do líquen plano cutâneo (LPC), estudando os componentes do infiltrado inflamatório. MATERIAL E MÉTODOS: 59 biópsias (29 de LPO e 30 de LPC ) fixadas em formol e incluídas em blocos de parafina. Foi realizada análise semiquantitativa das alterações epidérmicas e dérmicas utilizando-se as colorações de hematoxilina-eosina e ácido periódico Schiff. RESULTADOS: No LPC foram observados os aspectos clássicos de ortoceratose, hipergranulose em cunha e acantose em dente de serra. Tais aspectos diferem do LPO, no qual ortoceratose e camada granulosa espessada ocorrem com menos freqüência, observando-se aquisição destas camadas nos locais onde estão normalmente ausentes. Vacuolização e apagamento do limite epitélio-conjuntivo predominaram nas duas localizações (pele e mucosa oral), e linfócitos e histiócitos foram as células inflamatórias presentes em todos os casos. CONCLUSÕES: O conjunto de alterações clássicas como ortoceratose compacta, hipergranulose em cunha, acantose em dente de serra e vacuolização da basal, associadas a linfócitos em faixa superficial é diagnóstico de LPC. Para o LPO, no entanto, devem ser consideradas as características próprias da mucosa no local biopsiado, devendo ser valorizadas alterações mais sutis da camada córnea - leve ortoceratose - e aparecimento da camada granulosa em locais onde normalmente é ausente. Aspecto em cunha da hipergranulose é de ocorrência rara no LPO. Acantose em dente de serra é achado pouco freqüente no LPO, porém vacuolização basal está sempre presente associada a infiltrado linfocitário em faixa; plasmócitos podem acompanhar linfócitos no LPO, mas estão ausentes do LPC.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Lichen planus is a relatively common chronic inflammatory disease affecting skin and mucous membranes, separately or together. It frequently involves the oral cavity, with or without concomitant cutaneous compromise. Microscopically, while skin presents well characteristic aspects, oral mucosa can present variations related to local characteristics of the mucosa in the oral cavity. OBJECTIVES: To compare histopathological alterations of oral lichen planus and cutaneous lichen planus with the study of the inflammatory infiltrate components. METHODS: 59 biopsies (29 of OLP and 30 of CLP), formalin-fixed, paraffin-embedded were studied. Semi-quantitative analysis of both epidermal and dermal alterations was performed using the hematoxylin-eosin and periodic acid-Schiff stains. RESULTS: For CLP the classic aspects of orthokeratosis, wedge shaped hypergranulosis and saw tooth rete ridges were observed. Such aspects differ from those of OLP in which orthokeratosis and thickened granular layer happen less frequently; instead, acquisition of those layers is observed in places where they are usually absent. Basal cell vacuolar alteration and effacement of the epithelium-conjunctive limit prevailed in both locations (skin and oral mucosa) and lymphocytes and histiocytes were the inflammatory cells present in all cases. CONCLUSIONS: Classic alterations as compact orthokeratosis, wedge shaped hypergranulosis, saw tooth rete ridges acanthosis and basal cell vacuolar alteration associates to lymphocytes in superficial band-like pattern are diagnostic of CLP. However, for OLP, the particular own characteristics of oral mucosa in the biopsied place should be considered; also, subtler alterations of horny (light orthokeratosis) and granular (presence where it is usually absent) layers should be valued . Wedge shape pattern of hypergranulosis is rarely seen in OLP. Saw tooth rete ridges acanthosis is not frequently seen in OLP, however, basal cell vacuolar alteration is always present and associated to band-like lymphocitic infiltrate. Plasma cells can accompany lymphocytes in OLP, however, they are absent in CLP.
  • Comparison between death certificates filling errors or lack of filling fields done by pathologists and physicians Patologia

    Stuque, Cleber de Oliveira; Cordeiro, José Antônio; Cury, Patricia Maluf

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: O preenchimento correto dos atestados de óbito (AO) é muito importante, porém geralmente negligenciado. OBJETIVO: Comparar os AO preenchidos pelos patologistas e pelos clínicos em relação à quantidade de erros de preenchimento e áreas não-preenchidas. MÉTODO: Foram comparados os atestados fornecidos pelo serviço de cardiologia do Hospital de Base (HB) e os das autópsias do Serviço de Verificação de Óbitos (SVO), de causas cardíacas, no ano de 2000, num total de 282 AO. Foi considerado erro ou falha de preenchimento quando os dados não correspondiam à verdade (p. ex.: item só para mulheres preenchido em paciente masculino) ou quando havia falta de preenchimento de algum item. RESULTADOS: Houve diferença em relação às médias das idades entre o grupo HB (67,8 anos) e o SVO (61,9 anos; p < 0,001). No grupo HB não houve nenhum AO com todos os campos preenchidos, enquanto no grupo SVO 11,92% estavam completamente preenchidos. Entretanto 50% dos AO do grupo HB tinham apenas um erro ou falta de preenchimento e somente 7,6% tinham cinco erros ou mais. Já no grupo SVO, 21,85% dos AO possuíam cinco erros ou mais. Nos campos assistência médica recebida, exame complementar realizado e cirurgia, o grupo SVO obteve mais erros que o grupo HB (p < 0,001). O item tempo de evolução da doença não foi preenchido em nenhum dos AO do grupo HB e em apenas 31,7% dos casos do SVO (p < 0,001). CONCLUSÃO: Os patologistas apresentaram mais falhas no preenchimento do AO que os clínicos.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: The correct filling of Death Certificate (DC) is very important, however is usually neglected. OBJECTIVES: To compare DC filled by the pathologists and by the physicians, in relation to the number of mistakes and also the number of fields not filled. METHODS: We compared all DC filled by physicians from the Hospital de Base (HB) and DC filled by pathologists from the Pathology Department (PD), after autopsy procedure, during the year of 2000 (n = 282). A filling error was defined as an item not filled correct (ex.: only for women and filled in a male patient) or not filled at all. RESULTS: The mean age were different comparing HB group (67,8 years) and PD group (61,9 years; p < 0.01). In HB group none of the DC was completely filled, while in PD 11.92% were filled correctly (with all fields filled). However, 50 % of the HB filled DC had only one mistake and 7.6% had five or more errors, while in PD group 21.85% had five or more errors. In the items medical assistance, complementary exams and surgery of the DC, PD group had more non-filled fields than HB (p < 0.001). In relation to the item interval time of disease's evolution, no DC from HB group filled it, and just 31.7% of the pathologist's DC had it filled. Other kind of mistakes were observed and described. CONCLUSION: Pathologists had more fields not filled than the physicians did.
  • Mucous gland adenoma of the bronchus in a 5-year-old child: case report and review of the literature Patologia

    Peres, Luiz Cesar; Castro, Eumenia Costa da Cunha

    Abstract in Portuguese:

    O adenoma de células mucosas é uma neoplasia benigna rara que se origina nas glândulas da mucosa das vias aéreas maiores. A maioria dos casos é vista nos brônquios, mas já foram descritos casos na traquéia e nas vias respiratórias distais. O tumor é constituído por células mucossecretoras, que geralmente formam glândulas que crescem para dentro da luz, formando massa obstrutiva. Não há predileção por sexo ou idade. Nós relatamos aqui um caso observado em uma menina de 5 anos, o mais jovem relato na literatura consultada, que se apresentou no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto para investigação e tratamento de pneumonia recorrente e atelectasia do pulmão. O exame broncoscópico mostrou massa obstruindo o brônquio inferior esquerdo e a biópsia revelou lesão benigna incaracterística. A remoção cirúrgica do segmento afetado, que é o tratamento recomendado para esta lesão benigna, evidenciou um adenoma de células mucosas. A criança recuperou-se bem e estava completamente livre de doença quando deixou o seguimento com 6 anos de idade.

    Abstract in English:

    Mucous gland adenoma is a rare benign tumor arising from the mucous secreting glands of the larger airway mucosa. The majority of the cases are seen in the bronchus, but it has also been described in the trachea or peripheral airways. The tumor is composed of mucus-secreting cells, usually forming glands that grow into the lumen as to form an obstructive mass. There is no predilection for sex or age. We report here a case seen in a 5-year-old girl, to our knowledge the youngest in the consulted literature, who presented to Hospital das Clínicas of Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto for investigation and treatment of recurrent pneumonia and lung atelectasis. Bronchoscopy showed a mass obstructing the lower left bronchus and a biopsy of the lesion revealed a benign, although uncharacteristic lesion. Surgical removal of the affected segment, the recommended treatment for this benign lesion, evidenced a mucous gland adenoma. The child recovered well and was completely free of disease when she was lost for follow-up when she was 6 years old.
  • Salivary gland neoplasms: a study of 119 cases Patologia

    Santos, Gilda da Cunha; Martins, Marcos Roberto; Pellacani, Lucila Böheme; Vieira, Ana Cristina Trench; Nascimento, Luiz Augusto; Abrahão, Márcio

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Revisão dos achados clinicopatológicos dos tumores de glândulas salivares diagnosticados no período de 1980 a 1997 no Departamento de Patologia da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/Unifesp). MÉTODO: Foi realizado estudo retrospectivo de 205.967 diagnósticos anatomopatológicos e encontrados 119 casos de neoplasias de glândulas salivares, sendo 93 (78%) neoplasias benignas e 26 (22%) malignas. RESULTADOS: A idade variou de 6 a 74 anos (média de 40 anos), sendo 71 (60%) pacientes do sexo feminino e 48 (40%) do sexo masculino. Com relação à topografia, 84 (70,6%) casos foram de parótida, 23 (19,3%) de glândula submandibular, 11 (9,24%) de glândulas salivares menores e um (0,86%) de glândula sublingual. Quanto ao tipo histológico, os tumores corresponderam a 59,7% de adenomas pleomórficos, 10% de cistoadenomas papilíferos linfomatosos (tumor de Warthin), 9,3% de carcinomas adenóides císticos e 8,4 % de carcinomas mucoepidermóides. CONCLUSÃO: O padrão de distribuição dos tumores de glândulas salivares foi semelhante ao encontrado em outras séries. A análise desta distribuição permite identificar variáveis como localização e padrão histológico, subsídios importantes que devem ser considerados no tratamento e em estudos de marcadores prognósticos.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: The purpose of this study was to review clinicopathological aspects of salivary glands tumours from 1980 through 1997 at Departament of Pathology of Paulista School of Medicine - Federal University of São Paulo - Unifesp. METHODS: We retrospectively evaluated 205.967 pathological reports and we found 119 salivary gland tumours, 93 benign neoplasms (78%) and 26 malignant tumours (22%). RESULTS: The age range was 6-74 years (mean age 40 years), 71 cases were in female (60%) and 48 cases were in male (40 %). The distribution of tumours in various sites were 84 cases of parotid tumours (70.6%), 23 cases of submandibular (19.3%), 11 cases of minor (oropharyngeal) glands (9.24%) and just one case of sublingual gland tumour (0.86%) . Pleomorphic adenoma forming 59.7% of the total salivary gland tumours, Warthin's tumour forming 10% of the series, adenoid cystic carcinoma forming 9.3% and mucoepidermoid carcinoma forming 8.4%. CONCLUSIONS: Some aspects like distribution of tumour in relation to the site and histopathological pattern are very important to considered in the treatment of the disease and prognosis.
Sociedade Brasileira de Patologia Clínica, Rua Dois de Dezembro,78/909 - Catete, CEP: 22220-040v - Rio de Janeiro - RJ, Tel.: +55 21 - 3077-1400 / 3077-1408, Fax.: +55 21 - 2205-3386 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: jbpml@sbpc.org.br