Infecção pulmonar pelo Rhodococcus equi na síndrome da imunodeficiência adquirida: Aspectos na tomografia computadorizada

Edson Marchiori Renato Gonçalves de Mendonça Domenico Capone Elza Maria de Cerqueira Arthur Soares Souza Júnior Gláucia Zanetti Dante Escuissato Emerson Gasparetto Sobre os autores

OBJETIVO: Apresentar os aspectos na tomografia computadorizada da pneumonia pelo Rhodococcus equi em sete pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida. MÉTODOS: Estudo retrospectivo das tomografias de sete pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida e infecção pelo Rhodococcus equi. RESULTADOS: Os achados mais freqüentes foram: consolidação (n = 7) com escavação (n = 6), opacidades em vidro fosco (n = 6), nódulos do espaço aéreo (n = 4) e nódulos centrolobulares com árvore em brotamento (n = 3). CONCLUSÃO: Os achados mais comuns na infecção pulmonar pelo Rhodococcus equi em pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida foram as consolidações escavadas.

Síndrome da imunodeficiência adquirida; Rhodococcus equi; Infecções por actinomycetales; Pneumopatias fúngicas; Tomografia computadorizada de emissão


Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia SCS Quadra 1, Bl. K salas 203/204, 70398-900 - Brasília - DF - Brasil, Fone/Fax: 0800 61 6218 ramal 211, (55 61)3245-1030/6218 ramal 211 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: jbp@sbpt.org.br