Inter-relação entre asma, atopia e infecções helmínticas

Eduardo Vieira Ponte José Ângelo Rizzo Álvaro Augusto Cruz Sobre os autores

Este estudo teve como objetivo descrever as principais evidências encontradas na literatura acerca da inter-relação entre infecções helmínticas, atopia e asma. Foi feita uma revisão não sistemática da literatura. Encontramos numerosas publicações sobre o tema nas quais se verifica controvérsia quanto à capacidade das infecções por geohelmintos de inibir a reatividade ao teste alérgico cutâneo e os sintomas das doenças alérgicas. Por outro lado, estudos em pacientes infectados por Schistosoma spp., apesar de escassos, sugerem que estes helmintos são capazes de inibir a reatividade ao teste alérgico cutâneo e os sintomas de asma. Nos estudos in vitro, as evidências sugerem que as helmintíases inibem as respostas imunes mediadas por linfócitos T auxiliares do tipo 1 e 2, o que abre novas possibilidades terapêuticas para o tratamento de doenças do sistema imunológico.

Asma; Helmintos; Hipersensibilidade; Epidemiologia


Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia SCS Quadra 1, Bl. K salas 203/204, 70398-900 - Brasília - DF - Brasil, Fone/Fax: 0800 61 6218 ramal 211, (55 61)3245-1030/6218 ramal 211 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: jbp@sbpt.org.br