Pneumatose cistoide intestinal – um achado incidental com evoluc¸ão imprevisível

Marisa D. Santos Cláudio Silva Ana Cristina Silva Marta Salgado Manuela França Sobre os autores

Resumo

A pneumatose cistoide intestinal é uma doença incomum, de etiologia desconhecida, caracterizada pela presença de múltiplos cistos preenchidos com gás na submucosa ou subserosa da parede intestinal. O pneumoperitoneu e/ou a perfuração intestinal são complicações que podem estar associadas à pneumatose cistoide intestinal. Os pacientes geralmente estão sujeitos a erros de diagnóstico ou de tratamento.Apresentamos um caso de pneumatose cistoide intestinal em paciente do sexo feminino, 42 anos de idade, com ar livre peritoneal e numerosas coleções gasosas intramurais, difusas e semelhantes a bolhas no jejuno e íleo, visualizados em imagens de enterografia por tomografia computadorizada (TC). Há dois anos, a paciente teve um tumor carcinoide localizado no jejuno que foi tratado com enterectomia. As queixas recentes de sintomas inespecíficos, desconforto abdominal e diarreia motivaram a realização da TC e exame de cromogranina sérica e ácido 5-hidroxindolacético na urina para excluir a hipótese de recorrência do tumor carcinoide. A única alteração encontrada foi a presença de pneumatose cistoide intestinal em imagens de enterografia por TC sem necrose intestinal, sangramento ou obstrução evidente. Por esse motivo, nenhum procedimento cirúrgico foi realizado, e a paciente permaneceu em observação. Atualmente, a queixa da paciente é de desconforto abdominal esporádico, sem evidência clínica de pneumatose cistoide intestinal.

Conclusão

O plano de tratamento de pacientes com PCI depende da causa subjacente e da gravidade da condição clínica. Quando o tratamento conservador é adotado, a evolução clínica da pneumatose cistoide intestinal é imprevisível e pode até desaparecer em alguns pacientes.

Palavras-chave:
Pneumatose cistoide intestinal; Pneumoperitoneu; Dilatação intestinal; Cistos intestinais; Gás extraluminal

Sociedade Brasileira de Coloproctologia Av. Marechal Câmara, 160/916, 20020-080 Rio de Janeiro/RJ Brasil, Tel.: (55 21) 2240-8927, Fax: (55 21) 2220-5803 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: sbcp@sbcp.org.br