FATORES ASSOCIADOS AO DESEMPENHO EM UMA CORRIDA DE 10.000 METROS EM CORREDORES AMADORES

ASSOCIATED FACTORS AT PERFORMANCE IN RACE OF 10.000 METERS BY AMATEURS RUNNERS

Marcos André Moura dos Santos Manoel da Cunha Costa Jorge Luiz de Brito-Gomes Raphael José Perrier-Melo Saulo Fernandes Melo de Oliveira Breno Quintella Farah Sobre os autores

RESUMO

O objetivo do presente estudo foi analisar o desempenho neuromuscular após a realização de uma corrida de 10.000 metros e examinar a relação entre a composição corporal e as variáveis neuromusculares com o desempenho em prova (Pace e tempo de prova) em corredores amadores. Para tanto, 19 militares (28,5±2,3 anos) fizeram avaliação neuromuscular (força estática de pernas e preensão manual; força explosiva e flexibilidade), antropométrica e composição corporal antes e após uma prova de 10.000 metros. Foram observadas redução na força estática de pernas (P=0,034) e aumento da força explosiva (P=0,002) e flexibilidade (P=0,004) após a prova. Na análise de regressão linear múltipla, o somatório de dobras cutâneas foi relacionado ao tempo de prova e o Pace (p<0,05). Os resultados deste estudo indicam qua há alterações no desempenho neuromuscular após uma corrida de 10.000 metros e o desempenho da corrida está associado a composição corporal.

Palavras-chave:
Aptidão física; Antropometria; Corridas; Desempenho atletico.

Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790 - cep: 87020-900 - tel: 44 3011 4315 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br