CARACTERIZAÇÃO DO PADRÃO DOS TEMPOS DE RALLIES E DOS COMPLEXOS NO VOLEIBOL ESCOLAR

Otávio Guerson Rodrigues de Angelis Wilian dos Santos Bento Isaias Soares da Silva Vinícius Resende de Oliveira Frederico Souzalima Caldoncelli Franco Sobre os autores

RESUMO

Este estudo objetivou caracterizar o padrão dos tempos de rally e dos complexos no voleibol escolar. Analisou-se 52 jogos, que foram gravados em filmadora digital. Avaliou-se os tempos de rallies e seus intervalos, a densidade do set, além de quantificar e caracterizar os complexos e as ações nos rallies. Os resultados mostram que o voleibol escolar exibe tempo de intervalo entre rallies 2,5x maior que o tempo de rally, caracterizando-o como um esporte intermitente de alta intensidade em curta duração. Equipes escolares mais jovens e femininas realizam menores números de complexos e de ações, reduzindo o tempo de rally, porém, elevam o tempo de intervalos entre rallies promovendo menor densidade de jogo. O voleibol escolar exibe padrão dos tempos de rallies, frequências dos tipos de complexos e número de ações similares aos de alto rendimento. Também verificou-se que o tempo de intervalo não altera entre os tipos de rallies. Todavia, diferem na quantidade de complexos por rally e na densidade de tempo jogado, devido apresentar maior tempo de rally e menor de intervalos. Conclui-se que o voleibol escolar Sub17 masculino exibe maiores similaridades nos padrões de rallies e complexos ao voleibol de alto rendimento.

Palavras-chave:
Voleibol; Percepção do tempo; Análise e Desempenho de tarefas

Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790 - cep: 87020-900 - tel: 44 3011 4315 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br