ENSINO DOS ESPORTES COLETIVOS DE INVASÃO NO AMBIENTE ESCOLAR: DA TEORIA À PRÁTICA NA PERSPECTIVA DE UM MODELO HÍBRIDO

Luciana Cristina Arantes da Costa Juarez Vieira do Nascimento Lenamar Fiorese Vieira Sobre os autores

RESUMO

Este estudo teve como objetivo estruturar e desenvolver um programa de intervenção do ensino dos esportes coletivos de invasão (futsal, basquetebol e handebol) nas aulas de Educação Física por meio de um modelo híbrido de ensino. Participaram da investigação duas turmas do ensino fundamental (6º e 7º ano) de uma escola pública do estado do Paraná. O processo de intervenção pedagógica foi realizado após a elaboração do planejamento das unidades didáticas, tendo como referência os princípios do Modelo Desenvolvimentista (MD) e do Modelo de Educação Desportiva (MED), denominado de modelo híbrido. As aulas foram fotografadas e filmadas e as unidades didáticas foram previamente estruturadas a partir de lógica de dificuldade crescente. A análise dos dados considerou as informações do diário de campo e as imagens das aulas (fotografia e filmagem), por meio de narrativa pessoal e códigos de análise. As evidências demonstraram que o modelo híbrido de ensino (MD-MED) pode ser viável na realidade investigada apesar das dificuldades estruturais encontradas, compreendendo uma importante alternativa aos modelos tradicionais de ensino dos esportes coletivos.

Palavras-chave:
Pedagogia; Escola; Esporte

Universidade Estadual de Maringá Avenida Colombo, 5790 - cep: 87020-900 - tel: 44 3011 4315 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: revdef@uem.br