A influência da atividade lúdica sobre a ansiedade da criança durante o período pré-operatório no centro cirúrgico ambulatorial

Fernanda Seganfredo Weber Sobre o autor

OBJETIVO: Verificar a influência das atividades lúdicas realizadas durante o pré-operatório sobre a ansiedade de crianças participantes do projeto de recreação terapêutica desenvolvido no Centro Cirúrgico Ambulatorial (CCA) do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Porto Alegre (RS). MÉTODOS: Para a realização do estudo, foi aplicada a Escala de Ansiedade Pré-operatória de Yale modificada (modified Yale Preoperative Anxiety Scale, mYPAS) em 50 crianças de 5 a 12 anos submetidas a procedimentos médicos no CCA. As crianças foram divididas em dois grupos: grupo recreação (participou de intervenções lúdicas na sala de recreação) e grupo controle (não participou de intervenções lúdicas). A ansiedade foi mensurada através da escala mYPAS em dois momentos: logo que os indivíduos chegaram ao CCA (minuto 0) e 15 minutos após a primeira medida. RESULTADOS: Os resultados mostraram que, logo ao entrar no CCA, os pacientes não apresentaram diferenças significativas com relação à ansiedade, sendo os valores elevados. No entanto, após 15 minutos de espera ou intervenção, as crianças do grupo recreação diminuíram a ansiedade, e as do grupo controle permaneceram ansiosas. CONCLUSÕES: Durante o período pré-operatório, crianças que participam de atividades lúdicas na sala de recreação diminuem a sua ansiedade em comparação àquelas que somente ficam na sala de espera pelo menos durante 15 minutos.

Criança; ansiedade; atividade lúdica; pré-operatório


Sociedade Brasileira de Pediatria Av. Carlos Gomes, 328 cj. 304, 90480-000 Porto Alegre RS Brazil, Tel.: +55 51 3328-9520 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: jped@jped.com.br