Qualidade física e fisiológica de sementes de soja durante o beneficiamento

Tana Balesdent Moreano Odair José Marques Alessandro Lucca Braccini Carlos Alberto Scapim José de Barros França-Neto Francisco Carlos Krzyzanowski Sobre os autores

Resumo:

O beneficiamento de sementes tem uma importância fundamental na melhoria da qualidade de lotes de sementes de soja, podendo melhorar as caracacterísticas físicas pela eliminação de materiais inertes, sementes de plantas daninhas e sementes fora de padrão e permitindo incremento na qualidade fisiológica. Objetivou-se com este trabalho avaliar a evolução das características físicas e fisiológicas das sementes de soja ao longo da linha de beneficiamento, sendo avaliadas seis cultivares em quinze pontos de amostragem. Delineou-se em DIC, em fatorial 15 x 6 e 10 repetições. Avaliou-se germinação; vigor no envelhecimento acelerado; viabilidade pelo teste de tetrazólio (TZ classes 1 a 5); vigor (TZ classes 1 a 3); deterioração por umidade (TZ classe 3); danos mecânicos totais (TZ classes 2 a 8); danos por percevejos (TZ classes 2 a 8); e grau de umidade. Concluiu-se que o beneficiamento melhora as qualidades física e fisiológica das sementes, sendo a eficiência acentuada nas sementes de qualidade mediana. O sistema de transporte (elevadores e correias transportadoras) não promoveu danos mecânicos às sementes. As sementes maiores tendem a ser mais afetadas pelos danos mecânicos, e menores apresentam mais danos por percevejos. As sementes deterioradas por umidade não são eliminadas em nenhuma etapa do beneficiamento.

Termos para indexação:
Glycine max (L.) Merrill; dano mecânico; dano por percevejo; deterioração por umidade; vigor

ABRATES - Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes Avenida Maringá, nº 1219 , Jardim Vitória Londrina - Paraná Brasil, Tel./ Fax. 55 43 3025-5120 - Londrina - PR - Brazil
E-mail: contato@abrates.org.br