Modelagem econométrica da demanda em aeroportos privatizados: estudo de caso do Aeroporto Internacional de Confins, Belo Horizonte

William Eduardo Bendinelli Alessandro V. M. Oliveira Sobre os autores

Resumo

O objetivo desse artigo é desenvolver um modelo empírico de demanda por viagens de um aeroporto recentemente privatizado pelo governo federal: o Aeroporto Internacional de Confins -Tancredo Neves, em Belo Horizonte. As estimativas da modelagem sugerem que o futuro da concessão do aeroporto está bastante atrelado ao futuro do crescimento econômico do País: com uso de dados setoriais e modelo econométrico com uso de variáveis instrumentais, foi possível estimar elasticidades PIB e preço da demanda em torno de 2 e -0,15, respectivamente. A robustez das estimativas obtidas foi checada por meio de um conjunto de análises de sensibilidade com uso de estimadores alternativos. Como conclusão temos que, se por um lado, um baixo crescimento da economia pode afetar negativamente o retorno esperado da concessão dada a alta elasticidade-PIB da demanda aeroportuária, por outro lado, a baixa elasticidadepreço pode gerar pressões dos entes regulados por realinhamentos tarifários que mantenham o equilíbrio econômico-financeiro e a rentabilidade do operador.

Keywords:
privatização; demanda; transporte aéreo; aeroportos

Sociedade Brasileira de Planejamento dos Transportes Universidade Federal do Amazonas, Faculdade de Tecnologia - Pavilhão Rio Japurá - Setor Norte, Av. Gal Rodrigo Otávio, n. 3000, Coroado, CEP 69077-000, Tel.: (55 92) 3305-4613 | 3305-4607 - Manaus - AM - Brazil
E-mail: editor.jtl@gmail.com