Tratamento endovascular de aneurisma aorto-ilíaco sucedido por transplante renal

Marcelo Bellini Dalio Matheus Bredarioli Edwaldo Edner Joviliano Jesualdo Cherri Haylton Jorge Suaid Carlos Eli Piccinato Sobre os autores

Apresentamos o caso de aneurisma aortoilíaco em um paciente com insuficiência renal crônica dialítica tratado com uma endoprótese vascular, sendo, após, submetido a transplante renal. Um homem de 53 anos com insuficiência renal dialítica apresentava um aneurisma abdominal aortoilíaco assintomático com 5,0cm de diâmetro. Foi tratado com técnica endovascular com uma endoprótese Excluderâ. Após quatro meses, foi submetido a transplante renal (doador cadáver) com sucesso, com anastomose da artéria renal do enxerto na artéria ilíaca externa distal à endoprótese. A ressonância magnética 30 dias após o procedimento mostrou a endoprótese bem posicionada e o enxerto renal bem perfundido. No seguimento, o paciente evoluiu com melhora das escórias nitrogenadas, bom posicionamento da endoprótese, sem migração ou endoleak. O reparo endovascular do aneurisma aortoilíaco em paciente com insuficiência renal terminal em hemodiálise mostrou-se exequível, seguro e eficaz, e não comprometeu o sucesso do transplante renal posterior.

Aneurisma aórtico; aneurisma ilíaco; prótese vascular; transplante de rim


Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV) Rua Estela, 515, bloco E, conj. 21, Vila Mariana, CEP04011-002 - São Paulo, SP, Tel.: (11) 5084.3482 / 5084.2853 - Porto Alegre - RS - Brazil
E-mail: secretaria@sbacv.org.br