Machado de Assis em Linha, Volume: 8, Issue: 16, Published: 2015
  • Editorial Editorial

    Guimarães, Hélio de Seixas; Senna, Marta de
  • The currency of Machado de Assis's criticism Da Tradição Crítica

    Correia, Marlene de Castro

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O exercício da crítica é difícil para Machado de Assis não por razões pessoais (sua notória timidez, ou aversão à controvérsia); nem por razões contextuais (a pobreza da produção literária brasileira em sua época) – como vem sendo proposto por analistas de diferentes gerações. É difícil porque é praticamente impossível conciliar a urbanidade que Machado se impunha como crítico (tal como declara em "O ideal do crítico", 1865) e a ironia e o humor que se tornariam a marca de sua maneira estética. Porém, a escassez das peças machadianas daquilo que a professora Castro Correia chama de "crítica pura" é compensada pela crítica literária que Machado faz dentro de sua ficção. A crítica "impura" (nos termos de Castro Correia, a que ele realiza não em artigos, mas em seus contos e romances) fustiga acima de tudo o lugar-comum, a prosa bombástica, amaneirada, pedante.

    Abstract in English:

    Abstract The exercise of criticism is difficult for Machado de Assis. It is difficult neither for personal reasons (his notorious shyness or "aversion to controversy") nor for contextual ones (the scarceness of Brazilian literary production at the time), as has been claimed by analysts of different generations. It is difficult, she claims, because it is hardly possible to reconcile the urbanity he imposed on himself as a critic (as he had stated in "The critic's ideal", 1865) with the irony and humour which are the mark of his aesthetic manner. The paucity of Machado's pieces of what Professor Castro Correia calls "pure" criticism, however, is balanced by the literary criticism that he makes within his own fiction. Machado's "impure" criticism (in her terms, the one he carries out not in articles, but in his novels and short stories) chastises most of all commonplace, bombast, mannerism, and fustian, pedantic writing.
  • Implications of machadian thought on education: a study of the short story "Terpsícore"'s tragic element Artigos

    Almeida, Rogério de; Lima, Anna Carolina Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo É objetivo deste estudo analisar elementos do pensamento trágico (Nietzsche, Rosset) presentes no conto "Terpsícore" de Machado de Assis e dimensionar suas implicações para o campo educacional. Conquanto o conto emerja do cotidiano de um casal dos baixos estratos sociais do fim do século XIX, resvala na tradução mítica da musa da dança e resgata uma orientação pedagógica de aprovação incondicional da vida, expressa pela afirmação do acaso, do espetáculo, da estética, da festa e do amor fati.

    Abstract in English:

    Abstract This paper aims at analyzing elements of tragic thought (Nietzsche, Rosset) present in "Terpsícore", a short story by Machado de Assis, and at discussing its implications for the field of education. Although the story is about the daily life of a lower social stratum nineteenth century couple, it conducts a translation of the mythical muse of dance and rescues a pedagogical orientation for a unconditional approval of life, expressed by the affirmation of fortuity, the spectacle, aesthetics, the feast and amor fati.
  • Complete poetry or pages of "assaz melancolia"? Artigos

    Ribas, Maria Cristina Cardoso; Rangel, Vagner Leite

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Ao reunir os livros de poesia num único volume, Machado registrou que "[...] seria melhor ligar o novo livro [...]" – Ocidentais – "aos três últimos publicados, Crisálidas,Falenas, Americanas".1 Esta observação encontra-se na advertência ao leitor de Poesias completas, e subsidia nossa hipótese: o xeque-mate do último eu lírico machadiano. Mas é preciso empreender o percurso proposto pelo poeta para acessar o referido xeque-mate lírico: a sensível variação da voz poética, que consiste em retificar a (auto)imagem do poeta. Não implicaria, tal configuração livresca e poética, uma espécie de transposição da teoria das edições de Brás Cubas, visto que as páginas de Ocidentais, último livro-capítulo de Poesias completas, não só põem em xeque o dito anteriormente como também solicitam outra leitura?

    Abstract in English:

    Abstract Collecting his poetry books in one single volume, Machado wrote that"[...] it would be better to connect the new book[...]" – Ocidentais – "to the last three books published, Crisálidas,Falenas, Americanas". This observation can be found in the preface of Complete poetry, and it paves the way to our hypothesis: the checkmate of the last Machadian poetic persona. Perceiving it, however, requires that the reader have read the books leading up to this change. This paper aims at showing that this checkmate is related to Brás Cubas' edition theory considering that Ocidentais, the last chapter book of Complete poetry questions the previous tone of the poet and requests another read.
  • The translator's sleight of hand: Robert L. Scott-Buccleuch as unreliable reader of Dom Casmurro Articles

    Krause, James R.

    Abstract in Portuguese:

    Resumo A tradução inglesa de Dom Casmurro de Robert L. Scott-Buccleuch é notória por excluir nove dos 148 capítulos originais. Quando chegou à luz essa imposição editorial, os estudiosos reagiram vigorosamente contra ele, por condensar um dos livros mais celebrados de um dos escritores brasileiros mais consagrados. A exclusão de nove capítulos, porém, não deve ser considerada um mero erro de interpretação; foi uma decisão deliberada e calculada por parte de um leitor altamente engajado com o texto. De fato, pode-se discutir que a supressão feita por Scott-Buccleuch imita muitas das técnicas narrativas empregadas pelo narrador-protagonista. Uma análise cuidadosa dessa tradução polêmica até reforça nossa compreensão da estrutura da subjacente metanarrativa de Dom Casmurro, sobretudo a respeito das relações entre autor, narrador e leitor.

    Abstract in English:

    Abstract Robert L. Scott-Buccleuch's translation of Dom Casmurro has gained notoriety for excluding nine of the original's 148 chapters. Once this editorial imposition came to light, critics have reacted strongly against him for abridging one of the most celebrated novels of Brazil's most revered writer. The excision of nine chapters, however, cannot be disregarded as a mere error of interpretation; it was a deliberate and calculated decision on the part of a highly engaged reader. In fact, one could argue that Scott-Buccleuch's deletion imitates many of the narrative techniques of the novel's narrator-protagonist. Studying this controversial translation enhances our understanding of the underlying metanarrative structure of Dom Casmurro, especially in regards to the relationships between author, narrator, and reader.
  • Rumor: news in whisper Artigos

    Sousa Neto, Dário Ferreira

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O artigo propõe analisar o modo como Machado de Assis faz uso do boato como procedimento composicional em suas crônicas. O cronista evidencia seu uso, buscando uma definição do que seja o boato, bem como organiza seus comentários sobre as matérias dos jornais a partir dessa definição. Para compreendermos tanto a definição como o uso do boato nas crônicas, propomo-nos a estabelecer diálogo entre alguma dessas crônicas e a obra de Jean-Noël Kapferer (1993), cuja pesquisa problematiza os diferentes funcionamentos do boato, entendendo-o de modo transfuncional e, para além da relaçãoverdade-mentira, como um mercado clandestino da informação ou ainda, como diria Machado de Assis, notícias que correm à boca pequena.

    Abstract in English:

    Abstract This paper analyses how Machado de Assis utilized rumors as a compositional procedure for his chronicles. The chronicler highlights the use of rumor, seeking a definition to what they are and organizing his comments about everyday news based on such a definition. To understand both the definition and the use of rumors in the chronicles, we propose establishing a dialogue with Jean-Noël Kapferer (1993), who investigated different functions of rumors, as a way to understand both the definition and the use of rumors in Machado’s chronicles, considering rumors as cross-functional that go beyond the truth-lie binary to be a black market of information or, as in Machado de Assis’s definition, news that runs in whispers.
  • Machado's Valongo in Rio de Janeiro's cartography: urban slavery in motion Artigos

    Jordão, Rogério Pacheco

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este artigo discute, em diálogo com passagens selecionadas de Machado de Assis, o que pode condensar, na contemporaneidade, o nome próprio Valongo, lugar de desembarque de centenas de milhares de africanos e onde operou, no Rio de Janeiro, o maior mercado de escravos do Brasil Colônia e Império. Esquecido dos mapas e do imaginário da cidade por quase duzentos anos, o Valongo foi "redescoberto" arqueologicamente no ano de 2011, no seio de uma ampla reforma urbanística da área portuária carioca, o projeto Porto Maravilha. Nestes termos, faz-se aqui uma reflexão a respeito da potência da prosa machadiana para a leitura do passado escravista brasileiro e suas heranças.

    Abstract in English:

    Abstract Drawing from selected writings by Machado de Assis, this article discusses the contemporary relevance of the word Valongo which was the name given to the largest slave market in colonial and imperial Brazil, located in the city of Rio de Janeiro. Buried and erased from the map and urban landscape of Rio for nearly two centuries, Valongo was "rediscovered" in 2011 during an archeological excavation within the context of an expansive city-planning reform of the docks area: the Marvelous Port Project. This article reflects upon the power of Machado´s prose for (re) reading the history of Brazilian slavery and its legacy.
  • The Space-in-Between: Machado de Assis and the Postmodernity Sensibility Articles

    Daniel, G. Reginald

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Machado de Assis desenvolveu aguda sensibilidade para o espaço liminar a que Silviano Santiago se refere como "o entre-lugar", que molda a experiência. Esta aumentou a sua capacidade de transmitir uma relação mais nuançada entre as várias categorias de diferença – particularmente sujeito e objeto – em comparação com a visão de mundo moderna normativa. Localizada no final do século XIX e início do século XX, a perspectiva de Machado, que vê categorias de diferença como inerentemente extremos relativos e interligadas em um continuum, exibe uma afinidade com a sensibilidade pós-moderna.

    Abstract in English:

    Abstract Machado de Assis displayed an acute sensitivity to the liminal space that Silviano Santiago refers to as the "space-in-between" (o entre-lugar), which shapes experience. This enhanced his ability to convey a nuanced relationship between various categories of difference – particularly subject and object – compared with that of the normative modern worldview. Located in the late nineteenth and the early twentieth centuries, Machado's perspective, which views categories of difference as inherently relative and interlocking extremes on a continuum, displays an affinity with postmodern sensibilities.
  • Presença de Dante na Obra de Machado de Assis Páginas Recolhidas

    Massa, Jean-Michel
  • Review of O Imaginário Trágico de Machado de Assis: elementos para uma pedagogia da escolha, by Rogério de Almeida Resenhas

    Beccari, Marcos Namba
  • Review of Machado de Assis: a literary life, by K. David Jackson Resenhas

    Freitas, Luana Ferreira de; Costa, Cynthia Beatrice
Universidade de São Paulo - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Av. Prof. Luciano Gualberto, 403 sl 38, 05508-900 São Paulo, SP Brasil - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: machadodeassis.emlinha@usp.br