EXPOSIÇÃO DE RATAS PRENHES A ONDAS CURTAS DE RADIAÇÃO ELETROMAGNÉTICA ATÉRMICA NÃO AFETA ADVERSAMENTE OS SEUS FETOS

Alexandre Buchner de Oliveira Rosana Alves Lessa Carlos Alberto dos Santos Rodrigo Emmanuel Sabbag da Silva Angelica Castilho Alonso Danielli Souza Speciali Julia Maria D'Andréa Greve Alexandre Sabbag da Silva Sobre os autores

RESUMO

OBJETIVO:

O objetivo deste estudo foi determinar se a radiação eletromagnética de ondas curtas em modo pulsado com uma frequência de 45 Hz, promove mudanças teratogênicos, natimortos, mudanças no peso do órgão ao nascimento em fetos de ratas grávidas expostas a essa radiação.

METODO:

Foram estudados dez ratas grávidas da raça Marcole, cinco num grupo teste, submetidas a radiação eletromagnética com uma potência média de 4,5W, durante 15 minutos, diariamente, durante todo o período da gravideze cinco num grupo controle, não expostas a radiação. No 21º dia, os animais foram sacrificados para análise dos fetos. Para avaliar o efeito da radiação térmica, a temperatura abdominal foi medida antes e depois da aplicação, em conjunto com a temperatura ambiente prevalente. Os fetos foram submetidos ao reflexo de Galant para avaliara existênciade natimortos. Os fetos foram removidos e pesados; através de uma laparotomia mediana seus corações, estômagos, rins e fígados foram extirpados e pesados, frescose secos.

RESULTADOS:

Vinte e nove fetos foram colhidos no grupo controle e 59 no grupo de teste, sem casos de natimortos, teratogênese ou malformação dos órgãos internos. A análise não encontrou diferenças no peso ao nascer e peso de órgãos desidratados quando comparados com o grupo controle.

CONCLUSÃO:

Os resultados sugerem que a exposição a terapia de ondas curtas, sem o acúmulo significativo de calor, não levou a alterações teratogênicos e não afetou o peso dos fetos ou o peso dos órgãos internos desidratados.

UNITERMOS:
ondas de rádio; a gravidez; teratogênese; efeitos adversos

Mavera Edições Técnicas e Científicas Ltda Rua Professor Filadelfo Azevedo, 220, Cep: 04508-010, tel: (11) 3051 3043 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: medicalexpress@me.net.br