MedicalExpress, Volume: 1, Issue: 6, Published: 2014
  • In the December issue of MEDICALEXPRESS Editorial

    e Silva, Mauricio Rocha
  • Clinical and molecular features of uterine sarcomas Reviews

    Almeida, Thais Gomes de; Cunha, Isabela Werneck da; Maciel, Gustavo A R; Baracat, Edmund Chada; Carvalho, Kátia Candido

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO INTRODUÇÃO: Sarcomas uterinos constituem forma rara de neoplasia maligna, composta por cerca de 3% de todos os tumores malignos do útero, o que representa menos de 1% de todas as neoplasias ginecológicas. Baixa taxa de cura muitas vezes ocorre devido a metástases à distância, geralmente para os pulmões. Agressividade, altas taxas de recorrência local, metástases à distância e prognóstico desfavorável com sobrevida global de dois anos em menos de 50% são características comuns aos sarcomas uterinos. Apesar da baixa prevalência, estes tumores são de grande interesse devido às suas múltiplas características morfológicas e clínicas. OBJETIVO: Este artigo focaliza aspectos gerais dos sarcomas uterinos, etiologia, prognóstico, tratamento e métodos moleculares utilizados em seu estudo. METODOLOGIA: Esta revisão foi realizada utilizando o banco de dados Pubmed para pesquisar artigos publicados que continham as palavras-chaves: sarcoma uterino, características moleculares, fatores prognósticos. RESULTADOS: Pouco se sabe sobre a etiologia dos sarcomas uterinos. Alguns estudos têm demonstrado a associação entre eventos genéticos que envolvem mutações em genes do ciclo celular e apoptose e epigenética em sarcomas ginecológicos. Estudos anteriores mostraram que as translocações cromossômicas foram identificadas, resultando em genes de fusão que são constitutivos e podem envolver a ativação de fatores de transcrição. Os avanços nas técnicas moleculares têm melhorado as possibilidades diagnósticas e permitiu uma melhor compreensão de diversas patologias. CONCLUSÕES: Há vários fatores que dificultam o estudo de sarcomas, pois trata-se de tumores raros e não se sabe a origem celular de cada um de seus tipos histológicos. Assim, o estudo molecular dos fenômenos envolvidos no desenvolvimento dos diferentes tipos de câncer levou a novas estratégias utilizadas no diagnóstico e no tratamento destes tumores.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Uterine sarcomas are rare forms of malignant neoplasm, comprising about 3% of all malignant uterine tumors, representing less than 1% of all gynecologic malignancies. Low cure rates often occur due mainly to distant metastases, usually to the lungs. Aggressiveness, high rates of local recurrence, distant metastasis and poor prognosis with overall two-year survival less than 50% are common features of uterine sarcomas. Despite the low prevalence, these tumors are of great interest because of their multiple morphological and clinical features. OBJECTIVE: This article will be focused on the uterine sarcomas general aspects, etiology, prognosis, treatment and molecular features. METHOD: This review was performed using the Pubmed database to search for published articles. RESULTS: Little is known about the etiology of uterine sarcomas. Some studies have demonstrated the association between genetic events involving mutations in genes of the cell cycle and apoptosis and epigenetic in gynecologic sarcomas. Previous studies showed that chromosomal translocations have been identified, resulting in fusion genes that are constitutive and might involve the activation of transcription factors. Advances in molecular techniques have improved the diagnostic possibilities and allowed an improved understanding of the various pathologies. CONCLUSIONS: There are several factors that make the study of sarcomas a challenging issue, since those tumors are rare and the cell origin of each histologic type is nor well known Thus, molecular study of the events involved in the development of different types of cancer may lead to new strategies used in the diagnosis and treatment of these tumors.
  • Functional Balance Assessment: review Reviews

    Alonso, Angélica Castilho; Luna, Natália Mariana; Dionísio, Felipe Nunes; Speciali, Danielli Souza; Leme, Luiz Eugênio Garcez; Greve, Júlia Maria D'Andréa

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão de literatura sobre os diferentes métodos de avaliação do equilíbrio postural e para fornecer um quadro teórico para um estudo mais aprofundado deste assunto. Bases de dados MEDLINE, PubMed e LILACS foram usados para encontrar métodos atualmente empregados que mostram boa reprodutibilidade e confiabilidade. Exames clínicos, aplicativos de escala ou plataformas de força, cada um com suas próprias vantagens e limitações, podem ser usados para avaliar o equilíbrio postural. Não há nenhum padrão comum. O avaliador deve estar familiarizado com todos os métodos disponíveis para ser capaz de selecionar o mais adequado para suas necessidades específicas.

    Abstract in English:

    The aim of this study was to perform a literature review on different methods of postural balance assessment and to provide a theoretical framework for further study of this subject. Medline, PubMed and LILACS databases were used to find currently employed methods which show good reproducibility and reliability. Clinical examination and scale application or force platform testing, each one with their own advantages and limitations, can be used to assess postural balance. There is no common standard. The evaluator should be familiar with all available methods in order to be able to select the most appropriate for his specific requirements.
  • Motor learning through virtual reality in cerebral palsy – a literature review Reviews

    Massetti, Thais; Silva, Talita Dias da; Ribeiro, Denise Cardoso; Malheiros, Silvia Regina Pinheiro; Ré, Alessandro Hervaldo Nicolai; Favero, Francis Meire; Monteiro, Carlos Bandeira de Mello

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Indivíduos com paralisia cerebral apresentam distúrbios motores complexos, o principal sendo um déficit de tônus muscular, que afeta a postura e o movimento; observam-se alterações de equilíbrio e coordenação motora, diminuição de força e perda de controle motor seletivo com problemas secundários de contratura e deformidade óssea. Esta população pode ter dificuldades na aprendizagem de habilidades motoras. O aprendizado de habilidades resulta de exposição repetida e de prática. Devido ao aumento do uso de realidade virtual no processo de reabilitação e a importância do desenvolvimento motor na aprendizagem de indivíduos com paralisia cerebral, há necessidade de estudos nesta área. O objetivo do presente estudo foi investigar os resultados mostrados em estudos anteriores de aprendizagem motora com realidade virtual em pacientes com paralisia cerebral. Inicialmente, 40 estudos foram encontrados, mas 30 artigos foram excluídos por não preencherem os critérios de inclusão. Os dados extraídos dos dez estudos elegíveis são apresentados. Os estudos mostraram benefícios da utilização da Realidade Virtual em crianças com paralisia cerebral na função motora grossa e melhorias na aprendizagem motora com a possibilidade de transferir para situações da vida real. Portanto, a realidade virtual parece ser uma alternativa promissora e uma opção estratégica para o atendimento dessas crianças. No entanto, existem poucos estudos sobre aprendizagem motora com realidade virtual. Os benefícios a longo prazo do tratamento com realidade virtual ainda são desconhecidos.

    Abstract in English:

    Cerebral palsy is a well-recognized neurodevelopmental condition beginning in early childhood and persisting throughout life. It is considered the most common non-progressive neurological disease of childhood. Subjects with cerebral palsy present complex motor skill disorders, the primary deficits being abnormal muscle tone that affects posture and movement, alterations of balance and of motor coordination, decrease in strength and loss of selective motor control, with secondary issues of contracture and bone deformity. This population may have difficulties in motor skill learning processes. Skill learning is learning as a result of repeated exposure and practice. Due to the increasing use of virtual reality in rehabilitation and the significance of motor development learning of subjects with cerebral palsy, we have recognized the need for studies in this area. The purpose of this study was to investigate the results of previous studies on motor learning using virtual reality with patients with cerebral palsy. Initially, 40 studies were found, but 30 articles were excluded, as they did not fulfil the inclusion criteria. The data extracted from the ten eligible studies is summarized. The studies showed benefits from the use of virtual reality in children with cerebral palsy in gross motor function and improvements in motor learning with skill transfer to real-life situations. Therefore, virtual reality seems to be a promising resource and a strategic option for care of these children. However, there are few studies about motor learning with virtual reality use. The long term benefits of virtual reality therapy are still unknown.
  • Intestinal transplantation: evolution and current status Reviews

    Cunha-Melo, Jose Renan; Costa, Guilherme

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO Apesar das primeiras decepções, os três principais tipos de transplante visceral (isolado intestino, fígado, intestino, multivisceral) têm evoluído para tornarem-se o tratamento padrão para pacientes com insuficiência nutricional e patologia abdominal complexa. Aloenxertos viscerais foram avaliados em estudos clínicos, radiológicos, endoscópicos e histopatológicos. Funções de absorção do intestino transplantado foram avaliadas através de peso corporal, índice de massa corporal e escores "z", níveis séricos de albumina, vitaminas e oligoelementos, bem como através de medições de densidade mineral óssea. Rejeição de enxerto, infecção e insuficiência renal, são as principais causas de morte. Além disso, apoio social não-funcionante e progressão da doença primária contribuem para as taxas de mortalidade para além dos marcos de acompanhamento de cinco e dez anos. Eventos remotos, incluindo rejeição aguda pós-transplante, desordem linfoproliferativa e doença enxerto-versus-hospedeiro foram significativamente maiores em pacientes pediátricos. Destinatários adultos estão sujeitos a maior incidência de malignidade, com recorrência da doençaprimária e saúde óssea prejudicada. As principais causas de morte são falha do enxerto, complicações da terapia, desordem linfoproliferativa, progressão da doença primária e outros, tais como o abuso de drogas, suicídio e falta de apoio. De um modo geral, o estado de saúde tem sido sustentado com êxito através de intervenções para tratar a hipertensão, diabetes, osteoporose e insuficiência renal. Apesar de recorrência da doença e de morbidades relacionadas com imunossupressão a longo prazo, o estado de saúde da maioria dos sobreviventes tem sido mantido com intervenções bem sucedidas para tratar co-morbidades. Com a melhoria contínua nos índices de sobrevivência inicial ena eficácia de reabilitação a longo prazo, o transplante visceral deve ser considerado como a melhor opção terapêutica para pacientes com insuficiência intestinal grave.

    Abstract in English:

    Despite early disappointments, the three main types of visceral transplantation (isolated intestine, liver intestine, and multivisceral) have evolved into the standard of care for patients with nutritional failure and complex abdominal pathology. Visceral allografts have been assessed in clinical, radiological, endoscopic, and histopathologic studies. Absorptive functions of engrafted intestine have been assessed by body weight, body mass index, and z scores, serum levels of albumin, vitamins, and trace elements, as well as measurements of bone mineral density. Allograft rejection, infection, and renal failure, are the leading causes of death. Additionally, nonfunctional social support and progression of primary disease contribute to mortality rates beyond the fiveand ten-year follow-up landmarks. Remote events, including acute rejection, post-transplant lymphoproliferative disorder, and graft-versus-host-disease were significantly higher in pediatric recipients. Adult recipients experience higher incidences of de novo malignancy, primary disease recurrence, and impaired skeletal health. The leading causes of death are graft failure, complications of therapy, post-transplant lymphoproliferative disorder, progression of primary disease, and others, such as substance abuse, suicide and lack of support. Health status was sustained with successful interventions to treat hypertension, diabetes, osteoporosis, and renal failure. In spite of disease recurrence and long-term immunosuppression-related morbidities, the health status of most survivors has been sustained with successful interventions to treat occurring co-morbidities. With continual improvement in early survival and long-term rehabilitative efficacy, visceral transplantation should be considered a better therapeutic option for patients with severe intestinal failure.
  • Treatment of infantile hemangioma with propranolol Reviews

    Pacifici, Gian Maria

    Abstract in Portuguese:

    Hemangiomas infantis são desordens vasculares proliferativas que ocorrem na via aérea de crianças, potencialmente causando o estreitamento das vias aéreas e estresse respiratório. Ocorre em uma de cada dez crianças, mais frequentemente em meninas. Os hemangiomas são tumores benignos que geralmente aparecem na cabeça ou no pescoço, mas também podem ocorrer em órgãos profundos. Até recentemente, a terapia médica mais comum era a ministração de doses elevadas de corticosteroides sistêmicos, que muitas vezes resultavam em efeitos adversos significativos (hipertensão, irritabilidade e condições "Cushing-like"). Em 2008, o propranolol, utilizado para o tratamento de doenças cardiovasculares, foi acidentalmente usado com sucesso para o tratamento de linfoangiomatose difusa intratável. Aparentemente o propranolol induz infraregulação da via de sinalização da proteína quinase mutagênica Raf-ativada, com reduzida expressão do fator de crescimento vascular endotelial. O propranolol inibe a linfo-angiogênese e reduz o crescimento de malformações linfáticas por inibição do fator de crescimento vascular endotelial. Pode ter um efeito benéfico sobre a malformação linfática e em linfoangiomatose difusa e pode exercer os seus efeitos sobre os hemangiomas por três mecanismos moleculares distintos: vasodilatação, inibição da angiogênese e indução de apoptose. Esta é uma revisão sobre a farmacologia de propranolol, focando especificamente no tratamento de hemangiomas.

    Abstract in English:

    Infantile hemangiomas are proliferative vascular disorders that occur in the pediatric airway, potentially causing airway narrowing and respiratory stress. It appears in 1 out 10 children, more frequently in girls. Hemangiomas are benign tumours that usually appear on the head or neck but may also occur in deep organs. Until recently, the most common medical therapy used was high-dose systemic corticosteroids, which often resulted in significant adverse effects (hypertension, irritability, and Cushing-like conditions). In 2008, propranolol, which was used for treating cardiovascular diseases, was accidentally found to be successful in the treatment of intractable diffuse lymphangiomatosis. Propranolol apparently causes down-regulation of the Raf mutagenactivated protein kinase-signalling pathway, with reduced expression of vascular endothelial growth factor. Propranolol inhibits lymphangiogenesis and reduces lymphatic malformation growth by inhibition of vascular endothelial growth factor. It could have a beneficial effect on lymphatic malformation and in diffuse lymphangiomatosis, and may exert its effects on growing hemangiomas by three different molecular mechanisms: vasodilation, inhibition of angiogenesis and induction of apoptosis. This is a review of the pharmacology of propranolol as it relates to the treatment of hemangiomas.
  • Effects of massage and compression treatment on performance in three consecutive days Original Research

    Hiruma, Eiuke; Umimura, Masakazu; Naito, Hisashi; Katamoto, Shizuo

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVO: Determinar os efeitos do tratamento de massagem, complementado com 24 horas de compressão elástica sobre a dor muscular tardia após exercícios máximos elevação das panturrilhas durante três dias consecutivos. MÉTODOS Quatorze estudantes do sexo feminino (com idade entre 20-22 anos) que no passado tinham apenas realizado regularmente exercícios moderados foram submetidos a exercício máximo de elevação das panturrilhas (uma elevação a cada 3 segundos) até a exaustão. Sete participantes (grupo teste) receberam massagem "effleurage" nos músculos das panturrilhas imediatamente após o exercício, complementado com 24 horas de compressão elástica. As outras participantes (grupo controle) não receberam tratamento algum. Medimos creatina-quinase, circunferência da musculatura máxima da panturrilha, contração muscular isométrica voluntária máxima, dor percebida, ângulo máximo de flexão dorsal e salto em distância de uma perna antes e imediatamente após o exercício mais tratamento (group teste) ou após exercício (grupo controle) durante 3 dias de exercício e 7 dias de recuperação. Os pacientes portaram um contador de passos para contar passos a cada dia. RESULTADOS O número de repetições de elevação de panturrilha diminuiu significativamente em ambos os grupos nos dias 2 e 3. Os níveis de creatina quinase aumentaram significativamente no grupo teste entre o dia dois do período de exercício e o dia cinco do período de recuperação e mostraram-se tendencialmente mais elevados do que no grupo controle. A circunferência muscular máxima da panturrilha no grupo teste foi maior, a cada dia no período pós-tratamento versus pré-exercício; na fase de recuperação esta circumferência foi significativamente maior no grupo controle. Os níveis de dor percebida foram significativamente menores e o salto em distância significativamente melhor (por 5-10%) no grupo teste. CONCLUSÃO A massagem mais compressão elástica minimiza a mudança de circunferência máxima da musculatura da panturrilha, a dor percebida, e maximiza o salto em distância, após o exercício. A dor percebida correlaciona com desempenho.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To determine the effects of massage treatment plus 24 hours of elastic calf compression on delayed onset of muscle soreness following maximum calf-raise exercises during three consecutive days. METHODS: Fourteen female students (aged 20–22 yr) who had regularly performed moderate exercise were submitted to maximum calf-raise exercises of 1 movement per 3 seconds till exhaustion. Seven subjects (T-group) received effleurage massage on both calf muscles immediately after the exercise plus 24 hours of elastic calf compression. The other subjects (C-group) received no treatment. We examined creatine-kinase, maximum calf muscle circumference, maximum voluntary isometric muscle contraction, perceived pain, maximum angle of dorsiflexion and one-leg long jumping before and immediately after treatment (T-group) or exercise (C-group) for 3 days of exercise plus 7 days of recovery. Subjects carried a step counter to count the number steps walked each day. RESULTS: The number of calf-raise repetitions in both groups significantly decreased on days 2 and 3. Creatine kinase increased significantly in the T-group from day two of the exercise period to day five of the recovery period, and was tendentially higher than in the C-group. Maximum calf muscle circumference in T-group was higher post-treatment versus pre-exercise, and significantly higher in the C-group. Perceived pain was significantly lower and one-leg long jumping significantly better (by 5–10%) in T-group versus C-group. CONCLUSION: Massage plus elastic calf compression minimizes the change of maximum calf muscle circumference, perceived pain, and one-leg long jumping after maximum calf-raise exercise. Perceived pain correlates with performance.
  • Cognitive behavioral therapy treatment for smoking alcoholics in outpatients Original Research

    Guimarães, Flávia Melo Campos Leite; Nardi, Antonio Egidio; Cardoso, Adriana; Valença, Alexandre Martins; Conceição, Eduardo Guedes da; King, Anna Lucia Spear

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVO: A terapia cognitivo-comportamental basea-se em técnicas cognitivas e comportamentais: educacao cognitiva psicológica, reestruturação cognitiva, exposição interoceptiva, exercícios de respiração e relaxamento, tudo visando a mudanças de comportamento. O objetivo do estudo foi demonstrar a eficácia de um modelo específico de terapia cognitivo-comportamental para pacientes ambulatoriais alcoólicos no tratamento do tabagismo. MÉTODO: As sessões foram realizados em duas etapas; (1) estágio "parar de fumar" com duração de quatro semanas, com 3 sessões/semana; (2) fase de manutenção começando com 2 semanas de uma túnica sessão semanal, seguido por sessões mensais até o final do tratamento de um ano. RESULTADOS: Quarenta pacientes participaram deste estudo, 22 homens e 18 mulheres. Após um ano de tratamento, 24 pacientes haviam parado de fumar, enquanto 16 apresentaram recaída durante o decorrer do ano; dois abandonaram o tratamento. As mulheres apresentaram melhores resultados: 77.8% pararam de fumar no final do tratamento, mas apenas 45.4% dos homens atingiram essa meta. CONCLUSÃO: A maioria de um grupo de pacientes incluídos num tratamento para o alcoolismo e submetidos ao programa de tratamento do tabaco atingiu o objetivo do tratamento, e abandonou o tabagismo. Uma população crescente de alcoólatras e fumantes está procurando tratamento; isso aponta para a necessidade de um programa de tratamento de acompanhamento para fumar em uma Unidade de Tratamento de Alcoolismo. A terapia comportamental cognitiva mostrou-se eficaz no tratamento da dependência ao tabaco, principalmente em mulheres.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: Cognitive Behavioral Therapy is a therapy based on cognitive and behavioral techniques: cognitive psychological education, cognitive restructuring, interoceptive exposure, breathing exercises and relaxation, all aiming at behavioral changes. The objective of the study was to determine the effectiveness of a specific model of Cognitive Behavioral Therapy for alcoholic outpatients in the treatment of smoking. METHOD: Sessions were carried out in two stages: (1) a “stop smoking” stage lasting four weeks, with 3 sessions/ week; (2) a maintenance stage beginning with 2 weeks of a single weekly session, followed by monthly sessions until the end of the one-year treatment. RESULTS: Forty patients participated in this study, 22 men and 18 women. After a year of treatment, 24 patients had stopped smoking, whereas 16 relapsed during the course of the year; two abandoned treatment. Women showed better results: 77.8% stopped smoking by the end of the treatment, but only 45.4% of the men reached this goal. CONCLUSION: Patients under treatment for alcoholism submitted to the tobacco treatment program; a majority of them achieved the treatment goal. A growing population of alcoholics and smokers are looking for treatment; this points to the need for a follow-up treatment program for smoking in an Alcoholism Treatment Unit. Cognitive Behavioral Therapy proved to be effective in the treatment of tobacco dependency mainly in women.
  • Surgical myocardial revascularization versus stents Original Research

    Iglezias, Jose Carlos Rossini; Chi, Alex; Dallan, Luis Alberto Oliveira; Moreira, Luis Felipe Pinho; Jatene, Fabio Biscegli

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVOS: Comparar a cirurgia de revascularização versus implante de stent em nossa instituição, e comparar as amostras estudadas para eventos cardíacos e cerebrovasculares adversos. MÉTODO: Um estudo observacional de coorte. Foram analisados 202 pacientes submetidos a revascularização miocárdica em nossa instituição entre 17 de janeiro e 31 de julho de 2009. Os pacientes foram estratificados em: Grupo G1-stent, os pacientes que receberam stents; e Grupo G2-operatório de CRM, os pacientes submetidos a revascularização do miocárdio por by-pass. Um script contendo 62 itens clínicos, hemodinâmicos e cirúrgicos foi usado para a coleta de dados dos prontuários médicos. RESULTADOS: As mulheres representaram um percentual maior de G1-stent versus G2-Revascularização (44% versus 26%), diabéticos predominaram no G2-Revascularização, 46% versus 29% no G1-stent. Três ou mais ramos coronarianos apresentaram maior percentual em G2-Revascularização, 55% vs, 9.0%; no grupo G1-stent, 64% apresentavam apenas envolvimento de uma artéria coronária. Procedimentos não eletivos foram mais frequentes para G1-stent (21% contra 9%). A função renal no pós-operatório apresentou-se pior no grupo G2-Revascularização (15% contra 2%). Pacientes G1-stent tiveram menor tempo hospitalização. A recorrência de angina foi maior nos pacientes do G1-stent (11% contra 2%), sem diferença significativa na mortalidade hospitalar. A qualidade de vida no pós-operatório aumentou de 45% para 55% em G2-Revascularização. CONCLUSÃO: A revascularização cirúrgica é o melhor procedimento para pacientes com doença coronariana múltipla, especialmente em pacientes diabéticos: permite a revascularização significativamente mais completa, reduz o número de reinternações por causas cardíacas, reduzindo o retorno da angina e melhora a qualidade de vida após cirurgia, com taxas hospitalares e de mortalidade tardia semelhantes aos obtidos por meio de implante de stent.

    Abstract in English:

    OBJECTIVES: To compare coronary artery bypass to stenting in our institution, and to compare the studied samples for major adverse cardiac and cerebrovascular outcomes. METHOD: An observational cohort study. We analyzed 202 patients undergoing coronary artery surgical revascularization versus stenting in our institution between January 17 and July 31, 2009; patients were stratified into: Group G1-STENT, patients who received stents; and Group G2-CABG, patients submitted to coronary artery by-pass grafting. A script containing 62 clinical, hemodynamic and surgical items was used for data collection from medical records. RESULTS: Womenmade up a higher percentage of G1-STENT 44%versus 26% in G2-CABG. Diabetics predominated in G2-CABG, 46% versus 29% in G1-STENT. Three or more coronary branches showed a higher percentage in G2- CABG, 55% vs, 9.0%; in G1-STENT, 64% had only one coronary branch involvement. Non-elective procedures were higher for G1-STENT (21%vs. 9%).Worse postoperative renal function occurred inG2-CABG (15% vs. 2%). G1-STENT patients had shorter hospital time. Recurrence of angina was higher in patients in G1-STENT (11% vs. 2%) with no significant difference in hospital mortality. Postoperative quality of life increased from 45% to 55% in G2-CABG. CONCLUSIONS: Surgical revascularization is the best procedure for patients with multi vessel coronary disease, especially in diabetic patients: it allows a significantly more complete revascularization, reduces the number of readmissions due to cardiac causes, reduces the recurrence of angina and improves quality of life after surgery, with hospital and late mortality rates similar to those obtained through stenting.
  • Reversal of the profitability rates of health plans according to age Original Research

    Raso, Vagner; Oliva, Flávio Alberto

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVO: Analisar os custos de assistência e as taxas de rentabilidade de uma empresa privada de seguro de saúde. MÉTODOS: Uma companhia provada de seguros de saúde de uma cidade do interior de São Paulo foi analisada. Os custos da assistência e as taxas de rentabilidade foram levantados em um intervalo de tempo de sete anos e estratificados de acordo com idade e sexo. O custo de assistência (soma de consultas médicas, exames, a intervencao cirúrgica) foi calculado pelo método de contagem de absorção, que consiste na análise de custos diretos e indiretos, fixos e variáveis causadas pelo uso de recursos médicos e hospitalares. A taxa de rentabilidade foi calculada baseada na diferencaentre areceita (mensalidade e co-participação [20%]) e o custo da assistência. RESULTADOS: Existe aumento desproporcional nos custos embora seja observado decréscimo do número de usuários com o aumento da idade. O incremento da receita unitária na faixa etária de 50 a 59 anos de idade contrasta com os resultados unitários. Existe superávit ate a idade de 59 anos e déficit a partir desta idade. Esse déficit progride de acordo com a faixa etária. Neste caso, enquanto os primeiros grupos etários apresentam lucro unitário equilibrado, existe progressão crescente do custo unitário contribuindo para o aumento dos custos acima da receita, especialmente nos indivíduos com mais de 60 anos de idade. CONCLUSÃO: Nossos resultados consistentemente apoiam a hipótese de inversão das taxas de rentabilidade em função da idade, independentemente da diminuição do numero de indivíduos na faixa etária de 60 anos de idade.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: In this study, we will analyze assistance costs and profitability rates of a private health insurance company. METHODS: A private health insurance company of an inland city of Sa˜o Paulo was analyzed. Assistance costs and profitability rates were analyzed in a time interval of seven years according to age and gender. The assistance cost (sum of medical appointments, exams, surgical intervention) was calculated by the absorption counting method, which consists of the analysis of direct and indirect, fixed and variable costs caused by the use of medical and hospital resources. The profitability rate was calculated based on the difference between the premium (monthly fee and co-insurance [20%]) and the cost assistance. RESULTS: Although the number of users decreases as age increases, costs increase disproportionally. The growth of unitary premiums from the age group of 50 to 59 years contrasts with the unitary results. There is a surplus until the age of 59 years and subsequent deficit from this age on. This deficit progresses according to the age group. In this case, while the first age groups present a balanced unitary profit, there is a growing progression of the unitary cost that causes costs to increase above the premium, especially in individuals over 60 years of age. CONCLUSION: Our results consistently support the hypothesis of inversion of profitability rates according to age, regardless of the decrease of the number of individuals at the age group of 60 years.
  • Responses of the geometric indices of heart rate variability to the active orthostatic test in women Original Research

    Abreu, Luiz Carlos de; Roque, Adriano L.; Castro, Bianca C.R. de; Souza, Ana C. Amorim de; Vanderlei, Luiz Carlos M.; Ferreira, Lucas L.; Raimundo, Rodrigo D.; Fonseca, Fernando L.A.; Valenti, Vitor E.; Cisternas, José R.

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVOS: Os efeitos do teste ortostático sobre o sistema cardiovascular já foram investigados, mas não há dados sobre o comportamento dos índices geométricos de variabilidade da frequência cardíaca. Aqui, foram avaliados os efeitos do teste ortostático ativo nos índices geométricos de variabilidade da frequência cardíaca em mulheres. MÉTODO: O estudo foi realizado em 12 mulheres saudáveis com idades entre 18 e 30 anos. Para a análise da variabilidade da frequência cardíaca, este parâmetro foi registrado batimento a batimento. Os intervalos RR foram transformados em figuras geométricas e, a partir destas, foi calculado o índice triangular, a interpolação triangular dos intervalos RR, o SD1, SD2 e a relacão SD1/SD2, que foram obtidos a partir da plotagem de Poincaré. A análise visual do gráfico foi também realizada. Para o teste, os participantes levantaram-se rapidamente de uma posicão sentada (em 3 segundos ou menos) e permaneceram imóveis, de pé, por 15 minutos. Amostras de variacão de frequência cardíaca foram coletadas em quatro momentos: repouso, 0-5 minutos, 5-10 minutos e 10-15 minutos a pé. RESULTADOS: O índice triangular, a interpolacão triangular dos intervalos RR, o SD1 e SD2 índices apresentaram-se reduzidos (p < 0,05) no intervalo 10-15 minutos depois de os voluntários se levantarem. A relacão SD1/SD2 apresentou-se reduzida durante o intervalo 0-15 minutos depois dos participantes passarem à posicão ortostática. CONCLUSÃO: Os índices geométricos de variabilidade da freqüência cardíaca diminuiram em resposta ao teste ortostático ativo em mulheres saudáveis.

    Abstract in English:

    OBJECTIVES: The effects of the orthostatic test on the cardiovascular system have been investigated, but there are no data on the behavior of the geometric indices of heart rate variability. We evaluated the effects of the active orthostatic test on the geometric indices of heart rate variability in women. METHOD: The study was performed on 12 healthy women between ages 18 and 30. For the analysis of heart rate variability, heart rate was recorded beat-to-beat. The RR intervals were transformed into geometric figures, and from these we calculated the triangular index, the triangular interpolation of RR intervals, the SD1, SD2 indexes and the SD1/SD2 ratio, which were obtained from the Poincare´ plot. Visual analysis of the plot was also performed. For the test, participants quickly stood up from a seated position in 3 seconds or less, and remained standing still for 15 minutes. Heart rate variability samples were collected at four moments: rest, 0-5 minutes, 5- 10 minutes and 10-15 minutes at standing position. RESULTS: The triangular index, the triangular interpolation of RR intervals, the SD1 and SD2 indices were reduced (p < 0.05) at 10-15 minutes after the volunteers stood up from seated position. The SD1/SD2 ratio was decreased at 0-15 minutes after the subjects changed from seated to orthostatic position. CONCLUSION: The geometric indices of heart rate variability decreased in response to the active orthostatic test in healthy women.
  • Case-control study for clinical findings on intraocular lens opacity Original Research

    Jorge, Priscilla de Almeida; Jorge, Delano; Ventura, Camila Vieira; Ventura, Bruna Vieira; Lira, Wagner; Ventura, Marcelo Carvalho; Santhiago, Marcony R.; Kara-Junior, Newton

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVO: Avaliar as características clínicas relacionadas à opacificação tardia de lente intraocular (LIO) acrílica hidrofílica, quatro anos após a cirurgia. MÉTODOS: Foram avaliados seis casos de opacificação tardia de Lentes Intraoculares Ioflex, comparados com 24 pacientes (grupo controle). Ambos os grupos realizaram facoemulsificação em uma campanha comunitária para pessoas carentes, em Pernambuco, Brasil. Pacientes que operaram os dois olhos tiveram apenas o olho direito incluído no estudo para evitar vieses. Os pacientes foram submetidos a exame oftalmológico incluindo medida da acuidade visual corrigida para distancia e exame biomicroscópico na lâmpada de fenda. O histórico médico detalhado dos pacientes e os detalhes da cirurgia foram obtidos. RESULTADOS: Quatro pacientes apresentaram hipertensão arterial sistêmica no grupo de casos e onze no grupo controle. Nao houve diferença estatisticamente significante entre a freqüência da hipertensão arterial entre ambos os grupos. Apenas um paciente do grupo controle apresentou diabetes; por isso, não foi considerado para análise estatística. Nenhum fator ambiental foi relacionado. Não houve diferença estatisticamente significante entre as médias da acuidade visual de ambos os grupos nos períodos em que foram analisados. Um olho no grupo controle apresentou o mesmo número de lote de uma das Lentes Intraoculares opacificadas. CONCLUSÃO: Nenhum fator clínico dos pacientes apresentou relação com a opacificação tardia da Lente Intraocular Ioflex.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: To evaluate clinical features of patients related to opacification of hydrophilic acrylic intraocular lenses, four years after surgery. METHODS: We evaluated six cases of late opacification of Ioflex intraocular lenses (case group) compared to 24 patients (control group) with no opacification. Both groups underwent phacoemulsification as a result of a community campaign for underprivileged people. Patients who underwent bilateral cataract surgery had only the right eye included on the study. The patients were submitted to ophthalmic examination, including measurements of corrected distance visual acuity and biomicroscopy slitlamp evaluation. Detailed medical histories were obtained. Surgical details were retrieved. RESULTS: Systemic arterial hypertension was recorded in 4 patients from the case group and 11 in the control group, with no statistically significant difference between groups. A single patient in the control group had diabetes mellitus, and so was not considered for statistical analysis. No environmental factor could be related. There were no statistically significant differences for mean visual acuity between the groups of patients regarding the evaluation periods. One eye in the control group received an Ioflex intraocular lens with the same lot number as one of the opacified lenses. CONCLUSION: No clear patient factor could be related to late Ioflex lens opacification.
  • Pulse Pressure Variation Patterns in a Swine Model of Hypovolemia under Spontaneous Breathing vs. Invasive Positive-Pressure Ventilation Original Research

    Rocha, Mauricio Macário; Souza, José Marconi Almeida de; Paola, Angelo Amato Vincenzo de; Carvalho, Antônio Carlos Camargo; Barbosa, Adriano Henrique Pereira; Costa, Guilherme Drummond Fenelon

    Abstract in Portuguese:

    RESUMO OBJETIVO: Este estudo foi realizado para obtenção do título de Mestre em Medicina, Novembro/2012-Julho/2013. A melhoria do débito cardíaco após a administração de fluidos é conhecida como a capacidade de resposta do fluido. Um parâmetro confiável para sua avaliação é a variação da pressão de pulso, cuja utilidade na previsão da capacidade de resposta volêmica em pacientes sob ventilação mecânica é reconhecida. MÉTODO: A variação de pressão de pulso foi analisada em 10 suínos machos, anestesiados em quatro diferentes estágios: I) normovolemia e respiração espontânea; II) hipovolemia e respiração espontânea; III) hipovolemia sob ventilação mecânica; e IV) após a reposição volêmica, sob ventilação mecânica. O débito cardíaco, a pressão de oclusão da artéria pulmonar, a variação da pressão sistólica, a pressão arterial média e frequência cardíaca foram medidos em todas as fases; a contagem de hemácias foi determinada nas fases I, II e IV. RESULTADOS: Os valores de variação de pressão de pulso durante a hipovolemia com respiração espontânea (estágio II) foram significativamente maiores do que em qualquer outra fase Após a instituição da ventilação mecânica, os valores de variação de pressão de pulso voltaram ao valor inicial, sem a administração de fluidos. Os valores mais baixos foram obtidos após a reposição. CONCLUSÃO: Os valores de variação da pressão de pulso são maiores durante a respiração espontânea do que durante a ventilação mecânica. Assim, esse parâmetro pode ser útil para a avaliação do volume de fluido sob estas condições. Os valores da linha de base devem ser tomados como ponto de partida contra o qual as medições seriadas devem ser comparadas após a instituição da terapêutica específica.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: This study was performed to obtain the title of Master in Medicine, Nov/2012-Jul/2013. Improvement in cardiac output after fluid administration is known as fluid responsiveness. A reliable parameter for its evaluation is pulse pressure variation: it has established its utility in predicting volume responsiveness in mechanically ventilated patients. METHOD: Pulse pressure variation was analyzed in 10 anesthetized male pigs at four different stages: I) normovolemia and spontaneous breathing; II) hypovolemia and spontaneous breathing; III) hypovolemia under mechanical ventilation; and IV) after volume replacement, under mechanical ventilation. Cardiac output, pulmonary artery occlusion pressure, systolic pressure variation, mean arterial pressure, and heart rate were measured at all stages; red blood cell count was determined at stages I, II, and IV. RESULTS: Mean pulse pressure variation values during hypovolemia with spontaneous breathing (stage II) were significantly higher than at any other stage. After institution of mechanical ventilation, pulse pressure variation values returned to baseline without fluid administration. The lowest values were achieved after volume replacement. CONCLUSION: Pulse pressure variation values are higher during spontaneous breathing than during mechanical ventilation. Thus, it may be useful for assessment of fluid volume under these conditions, with baseline values as a starting point to which serial measurements should be compared after institution of specific therapy.
Mavera Edições Técnicas e Científicas Ltda Rua Professor Filadelfo Azevedo, 220, Cep: 04508-010, tel: (11) 3051 3043 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: medicalexpress@me.net.br