Duração do acasalamento e uso do aloesperma em Biomphalaria glabrata (Gastropode: Planorbidae)

Marc Vianey-Liaud Henri Nassi Felix Lancastre Jacques Dupouy Sobre os autores

Espécimes virgens de Biomphalaria glabrata (um melâncio e um albino) são acasalados durante um período variável de 1 a 20 dias. A proporção de espécimes parentais albinos fecundados por cruzamento é semelhante estatisticamente para os diversos períodos de acasalamento. Em conjunto, cerca de 80% dos albinos produziram descendência pigmentada. Essa produção começa assim que os moluscos são acasalados e continua depois que são separados. Para medir a utilização real do aloesperma, sua utilização durante o período de pós-acasalamento. Parece, assim, que a utilização real do aloesperma é estatisticamente constante (média ligeiramente inferior a oito semanas) e não relacionada a duração do acasalamento anterior.

Biomphalaria; pigmentação; albinismo; atofecundação; fecundação cruzada; aloesperma


Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Mourisco, Manguinhos, 21040-900 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.: (55 21) 2562-1222, Fax: (55 21) 2562 1220 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: memorias@fiocruz.br
Accessibility / Report Error