On the determination of reducing corticosteroids

Abstracts

1. The authors preconize the use of Folin-Ciocalteu's reagent in the colorimetric determination of reducing cortcosteroids. 2. The reaction follows Beer's law in the range 0-50 μg of 11-desoxycorticosterone. 3. Determinations made in human urine and adrenal glands of rats and guinea pigs are comparable with results obtained by other methods.


Os autores preconizam o reagente de Folin-Ciocalteu na determinação colorimétrica dos corticosteroides redutores. A reação segue a lei de Beer na faixa de 0 a 50 μg de 11-desoxycorticosterona. A excreção urinária de corticosteroides redutores, em 24 horas, de indivíduos normais variou de 0.83 mg a 2.72 mg com a média de 1.69 mg, sem hidrólise prévia pela β glicuronidase. A intensidade da reação permite efetuar a dosagem em quantidades de urina sensìvelmente menores às usadas por outros métodos baseados nas propriedades redutoras dos corticosteróides. Os resultados, obtidos com suprarrenais de ratos, variaram de 16.3 mg a 50.8 mg de corticosteróides redutores por 100 g de glândula, com uma média de 32.5 mg, fazendo-se as determinações com as duas glândulas em cada animal. A taxa média observada nas suprarrenais de cobaias foi 22.9 mg de corticosteróides redutores por 100 g de glândula, com uma variação individual de 12.6 a 33.2 mg, fazendo-se as determinações sòmente com uma glândula. Os resultados obtidos são comparáveis aos descritos na literatura.


ABSTRACTRESUMO

On the determination of reducing corticosteroids

Luiz Augusto de Abreu1

Regina Raposo de Abreu1

Instituto Oswaldo Cruz, Biochemical Laboratory, Rio de Janeiro, Brazil

1. The authors preconize the use of Folin-Ciocalteu's reagent in the colorimetric determination of reducing cortcosteroids. 2. The reaction follows Beer's law in the range 0-50 μg of 11-desoxycorticosterone. 3. Determinations made in human urine and adrenal glands of rats and guinea pigs are comparable with results obtained by other methods.

Os autores preconizam o reagente de Folin-Ciocalteu na determinação colorimétrica dos corticosteroides redutores. A reação segue a lei de Beer na faixa de 0 a 50 μg de 11-desoxycorticosterona. A excreção urinária de corticosteroides redutores, em 24 horas, de indivíduos normais variou de 0.83 mg a 2.72 mg com a média de 1.69 mg, sem hidrólise prévia pela β glicuronidase. A intensidade da reação permite efetuar a dosagem em quantidades de urina sensìvelmente menores às usadas por outros métodos baseados nas propriedades redutoras dos corticosteróides. Os resultados, obtidos com suprarrenais de ratos, variaram de 16.3 mg a 50.8 mg de corticosteróides redutores por 100 g de glândula, com uma média de 32.5 mg, fazendo-se as determinações com as duas glândulas em cada animal. A taxa média observada nas suprarrenais de cobaias foi 22.9 mg de corticosteróides redutores por 100 g de glândula, com uma variação individual de 12.6 a 33.2 mg, fazendo-se as determinações sòmente com uma glândula. Os resultados obtidos são comparáveis aos descritos na literatura.

Full text available only in PDF format.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Publication Dates

  • Publication in this collection
    01 Oct 2009
  • Date of issue
    Dec 1955
Instituto Oswaldo Cruz, Ministério da Saúde Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Mourisco, Manguinhos, 21040-900 Rio de Janeiro RJ Brazil, Tel.: (55 21) 2562-1222, Fax: (55 21) 2562 1220 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: memorias@fiocruz.br