Lophiobrycon weitzmani, a new genus and species of glandulocaudine fish (Characiformes: Characidae) from the rio Grande drainage, upper rio Paraná system, southeastern Brazil

Um novo gênero e espécie de glandulocaudine, Lophiobrycon weitzmani, é descrito com base em exemplares coletados em riachos de cabeceira da drenagem do rio Grande, sistema do alto rio Paraná, Estado de Minas Gerais, sudeste do Brasil. A inclusão desta nova espécie na filogenia da subfamília Glandulocaudinae, proposta por Weitzman & Menezes (1998), revela uma relação de grupos irmãos entre o novo gênero e o grupo monofilético formado por Glandulocauda e Mimagoniates, atualmente compondo a tribo Glandulocaudini. A nova espécie pode ser facilmente distinguida das demais da tribo pela posse autapomórfica, nos machos adultos (com mais de 23,9 mm de comprimento padrão), de uma nadadeira adiposa com a base estendendo-se por praticamente a totalidade da distância entre a terminação posterior da base da nadadeira dorsal e base do lobo caudal superior, equivalendo em média a aproximadamente 25% do comprimento padrão, juntamente com a presença de expansões globulares, formadas por lepidotríquios e tecido mole hipertrofiado, na porção média do primeiro e segundo raios da nadadeira peitoral. A diagnose da tribo Glandulocaudini é modificada para acomodar o novo gênero.


Sociedade Brasileira de Ictiologia Universidade Estadual de Maringá, Núcleo de Pesquisas em Limnologia, Ictiologia e Aquicultura/Coleção Ictiologia, Av. Colombo, 5790, 87020-900 Maringá, PR, Brasil, Tel.: (55 44)3011 4632 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: neoichth@nupelia.uem.br