Neotropical Ichthyology, Volume: 1, Issue: 1, Published: 2003
  • Isbrueckerichthys epakmos, a new species of loricariid catfish from the rio Ribeira de Iguape basin, Brazil (Teleostei: Siluriformes)

    Pereira, Edson H. L.; Oyakawa, Osvaldo T.

    Abstract in Portuguese:

    Isbrueckerichthys epakmos, nova espécie, é descrita a partir de exemplares capturados em afluentes do rio Juquiá, bacia do rio Ribeira de Iguape no estado de São Paulo, Brasil. A nova espécie se distingue dos outros congeneres pela presença em machos adultos de uma área intumescida bem desenvolvida e um conjunto de odontódeos hipertrofiados curtos e inclinados para frente ou ligeiramente voltados para cima na porção anterior do focinho. A nova espécie é comparada com I. duseni e I. alipionis que ocorrem simpatricamente na bacia do rio Ribeira de Iguape. Uma chave de identificação para as espécies de Isbrueckerichthys é fornecida.

    Abstract in English:

    Isbrueckerichthys epakmos, new species, is described from the tributaries of the rio Juquiá, rio Ribeira de Iguape basin, São Paulo State, Brazil. The new species displays a unique sexual dimorphism. Mature males are distinguished from its congeners by having a well-developed soft fleshy area and a clump of hypertrophied short odontodes directed forward or slightly upward on anterior portion of snout. It is compared with I. duseni and I. alipionis, which occurs sympatrically in the rio Ribeira de Iguape drainage. A key to the species of Isbrueckerichthys is provided.
  • Lophiobrycon weitzmani, a new genus and species of glandulocaudine fish (Characiformes: Characidae) from the rio Grande drainage, upper rio Paraná system, southeastern Brazil

    Castro, Ricardo M. C.; Ribeiro, Alexandre C.; Benine, Ricardo C.; Melo, Alex L. A.

    Abstract in Portuguese:

    Um novo gênero e espécie de glandulocaudine, Lophiobrycon weitzmani, é descrito com base em exemplares coletados em riachos de cabeceira da drenagem do rio Grande, sistema do alto rio Paraná, Estado de Minas Gerais, sudeste do Brasil. A inclusão desta nova espécie na filogenia da subfamília Glandulocaudinae, proposta por Weitzman & Menezes (1998), revela uma relação de grupos irmãos entre o novo gênero e o grupo monofilético formado por Glandulocauda e Mimagoniates, atualmente compondo a tribo Glandulocaudini. A nova espécie pode ser facilmente distinguida das demais da tribo pela posse autapomórfica, nos machos adultos (com mais de 23,9 mm de comprimento padrão), de uma nadadeira adiposa com a base estendendo-se por praticamente a totalidade da distância entre a terminação posterior da base da nadadeira dorsal e base do lobo caudal superior, equivalendo em média a aproximadamente 25% do comprimento padrão, juntamente com a presença de expansões globulares, formadas por lepidotríquios e tecido mole hipertrofiado, na porção média do primeiro e segundo raios da nadadeira peitoral. A diagnose da tribo Glandulocaudini é modificada para acomodar o novo gênero.

    Abstract in English:

    A new genus and species of glandulocaudine, Lophiobrycon weitzmani, is described based on specimens collected in headwater tributary streams of the rio Grande, upper rio Paraná system, State of Minas Gerais, southeastern Brazil. The inclusion of the new species in the phylogeny of the subfamily Glandulocaudinae proposed by Weitzman & Menezes (1998), reveals a sister group relationship between the new genus and the monophyletic group composed of Glandulocauda and Mimagoniates that currently form the tribe Glandulocaudini. The new species can be readily distinguished from all other species of the tribe by the autapomorphic presence in adult male individuals (with more than 23.9 mm standard length) of an adipose-fin whose base extends for almost the entire distance between the posterior terminus of the base of the dorsal fin and the base of the upper lobe of the caudal fin and averages approximately 25% standard length, along with the presence of globular expansions formed by the lepidotrichia and hypertrophied soft tissue in the middle portions of the first and second pectoral-fin rays. The diagnosis of the tribe Glandulocaudini is modified to accommodate the new genus.
  • Three new species of Hyphessobrycon (Characiformes: Characidae) from the upper rio Araguaia basin in Brazil

    Lima, Flávio C. T.; Moreira, Cristiano R.

    Abstract in Portuguese:

    Três novas espécies do gênero Hyphessobrycon (Characiformes: Characidae) são descritas para a bacia do alto rio Araguaia. Hyphessobrycon langeanii n.sp. se distingue de seus congêneres pela presença de uma mancha umeral redonda e bem definida, de um padrão reticulado de colorido, de uma mancha no pedúnculo caudal horizontalmente alongada e de uma faixa longitudinal larga e difusa. Hyphessobrycon eilyos n.sp. se distingue de seus congêneres pela ausência de manchas umeral e caudal, pela presença de numerosos cromatóforos escuros nas laterais do corpo, mais concentrado na porção ventral da origem da nadadeira pélvica até o final da base da nadadeira anal, pela cor carmim nas nadadeiras dorsal, adiposa e caudal em exemplares vivos, e pela presença de 7-11 dentes maxilares. Hyphessobrycon weitzmanorum n.sp. se distingue de seus congêneres pela presença de duas manchas umerais, por um padrão geral do corpo escuro. Estas três espécies, em conjunto com Creagrutus molinus (Characidae), Apareiodon tigrinus (Parodontidae), uma espécie não descrita de Hypoptopomatinae (Loricariidae), Aspidoras velites (Callichthyidae), Cnesterodon septentrionalis (Poeciliidae) e Simpsonichthys cholopteyx (Rivulidae), todas as quais aparentemente endêmicas do alto rio Araguaia, indicam que esta área trata-se de uma área de endemismo previamente não reconhecida.

    Abstract in English:

    Three new species of Hyphessobrycon (Characiformes: Characidae) are described from the upper rio Araguaia basin. Hyphessobrycon langeanii n. sp. is distinguished from all congeners by the presence of a well-defined, round humeral spot, a reticulate color pattern, a broad, horizontally-elongate caudal-peduncle blotch, and a relatively wide, faint midlateral dark stripe. Hyphessobrycon eilyos n. sp. is distinguished from all congeners by the absence of humeral and caudal spots; by the presence of numerous dark chromatophores on the lateral surface of the body, intensely concentrated on the ventral region from the pelvic-fin origin to the end of the caudal-fin base, dorsal, adipose, and caudal fins with carmine red pigmentation in life; and the presence of 7-11 maxillary teeth. Hyphessobrycon weitzmanorum n. sp. is distinguished from all congeners by the combination of the possession of two humeral spots and a general dark color pattern. These three new species, along with Creagrutus molinus (Characidae), Apareiodon tigrinus (Parodontidae), Aspidoras velites (Callichthyidae), an undescribed member of the Hypoptopomatinae (Loricariidae), Cnesterodon septentrionalis (Poeciliidae), and Simpsonichthys cholopteryx (Rivulidae), all of which are apparently endemic of the upper rio Araguaia, indicate that this area is a previously unrecognized area of endemism.
  • Spermiogenesis and spermatozoa ultrastructure in five species of the Curimatidae with some considerations on spermatozoal ultrastructure in the Characiformes

    Quagio-Grassiotto, Irani; Gameiro, Maria Carolina; Schneider, Tatiana; Malabarba, Luiz Roberto; Oliveira, Claudio

    Abstract in Portuguese:

    A espermiogênese nas espécies Steindachnerina insculpta, Cyphocharax gillii, C. modestus, C. spilotus e Potamorhina altamazonica de Curimatidae é caracterizada pelo desenvolvimento lateral do flagelo, rotação do núcleo, formação excêntrica da fossa nuclear e cromatina compactada em fibras espessas. Estes espermatozóides exibem uma cabeça esférica contendo um núcleo com cromatina altamente condensada em fibras espessas com pequenas áreas eletronlúcidas, e sem acrossoma. A fossa nuclear é do tipo moderado e excêntrico, penetrada pelo complexo centriolar. A peça média é pequena, tem muitas vesículas alongadas e um curto canal citoplasmático. Mitocôndrias podem ser alongadas, ramificadas ou em forma de C, e são separadas do segmento inicial do axonema pelo canal citoplasmático. O flagelo contém a estrutura clássica do axonema (9+2) e tem um compartimento membranoso na região inicial; não possui expansões laterais ("fins"). Somente pequenas diferenças foram observadas entre as espécies e gêneros analisados de Curimatidae. A espermiogênese e os espermatozóides de Curimatidae têm muitas das características encontradas em quase todas as outras espécies de Characiformes. Por outro lado, a presença de um compartimento membranoso na região inicial do flagelo dos curimatídeos, uma estrutura comum nos espermatozóides de muitos cipriniformes, é desconhecida em outros characiformes. Discute-se sobre a espermiogênese e espermatozóides de Characiformes.

    Abstract in English:

    Spermiogenesis in the curimatid species, Steindachnerina insculpta, Cyphocharax gillii, C. modestus, C. spilotus, and Potamorhina altamazonica, is characterized by lateral development of the flagellum, nuclear rotation, eccentric nuclear fossa formation, and chromatin compacted into thick fibers. These spermatozoa exhibit a spherical head containing a nucleus with the chromatin highly condensed into thick fibers with small electron-lucent areas, and no acrosome. The nuclear fossa is of the moderate type and eccentric and penetrated by the centriolar complex. The midpiece is small, has many elongate vesicles, and a short cytoplasmic channel. Mitochondria may be elongate, branched or C-shaped, and are separated from the initial segment of the axoneme by the cytoplasmic channel. The flagellum contains the classical axoneme structure (9+2) and has a membranous compartment in the initial region; it does not have lateral fins. Only small differences were observed among the analyzed species and genera of the Curimatidae. Spermiogenesis and spermatozoa in the Curimatidae have many of the characteristics found in almost all other characiform species. On the other hand, the presence of a membranous compartment in the initial region of curimatid flagella, a structure common in many Cypriniformes spermatozoa, is unknown in other characiforms. Spermiogenesis and the spermatozoa of the Characiformes are discussed.
  • Karyotypic characterization of Prochilodus mariae, Semaprochilodus kneri and S. laticeps(Teleostei: Prochilodontidae) from Caicara del Orinoco, Venezuela

    Oliveira, Claudio; Nirchio, Mauro; Granado, Ángel; Levy, Sara

    Abstract in Portuguese:

    Os peixes da família Prochilodontidae são considerados um dos componentes mais importantes da pesca comercial e de subsistência em ambientes de água doce na América do Sul. Essa família compreende 21 espécies e três gêneros. No presente estudo foram analisados os cariótipos de Prochilodus mariae, Semaprochilodus kneri e S. laticeps provenientes de Caicara del Orinoco, Estado Bolivar, Venezuela. As espécies P. mariae, S. kneri e S. laticeps apresentaram 2n=54 cromossomos (40 metacêntricos e 14 submetacêntricos), um único par de cromossomos com regiões organizadoras de nucléolo e uma grande quantidade de heterocromatina em posição centromérica e pericentromérica de quase todos os cromossomos. Os espécimes estudados de P. mariae apresentaram de 0 a 3 microcromossomos supranumerários. Os dados obtidos aqui confirmam a natureza conservada do número e da morfologia cromossômica dos Prochilodontidae e reforçam a hipótese de que pequenos rearranjos estruturais foram os principais eventos fixados na diversificação cariotípica do grupo.

    Abstract in English:

    Fish of the family Prochilodontidae are considered one of the most important components of commercial and subsistence fishery in freshwater environments in South America. This family consists of 21 species and three genera. In the present study, the karyotypes of Prochilodus mariae, Semaprochilodus kneri, and S. laticeps from Caicara del Orinoco, Bolivar State, Venezuela were studied. The species P. mariae, S. kneri and S. laticeps exhibited 2n=54 chromosomes (40 metacentric and 14 submetacentric), a single chromosome pair with nucleolus organizer regions, and a large amount of heterochromatin found at centromeric and pericentromeric positions in almost all chromosomes. The P. mariae specimens studied displayed 0 to 3 supernumerary microchromosomes. The data obtained here confirm the conservative nature of the chromosome number and morphology of Prochilodontidae and reinforce the hypothesis that small structural chromosome rearrangements were the main cause of the karyotypic diversification seen in this group.
  • Feeding ecology of Leporinus taeniofasciatus (Characiformes: Anostomidae) before and after installation of a hydroelectric plant in the upper rio Tocantins, Brazil

    Albrecht, Miriam P.; Pellegrini-Caramaschi, Erica

    Abstract in Portuguese:

    A ecologia alimentar de Leporinus taeniofasciatus no alto rio Tocantins foi caracterizada antes (fase rio) e após (fase reservatório) seu represamento pela Usina Hidrelétrica Serra da Mesa. A importância de cada item alimentar foi dada pelo Índice Alimentar (IAi), que combina os métodos de freqüência de ocorrência e volumétrico. Uma diferença sazonal significativa na dieta de L. taeniofasciatus durante a fase rio, que não foi mantida durante a formação do reservatório, foi detectada através de uma análise de variância multivariada. A atividade alimentar, verificada pela porcentagem de estômagos com diferentes graus de repleção, não foi afetada pelo represamento. L. taeniofasciatus foi capaz de incorporar itens alimentares terrestres a sua dieta quando estes se tornaram abundantes no começo da formação do reservatório. Apesar desta plasticidade, fatores secundários tais como predação ou competição podem ter afetado sua adaptação no ambiente novo e mais homogêneo. Sua dieta não foi significativamente diferente nas localidades lóticas entre as fases distintas, sugerindo que os ambientes lóticos remanescentes à montante ainda provêem condições favoráveis para esta espécie. Este fato reforça a necessidade de preservar estes ambientes, uma vez que L. taeniofasciatus, aparentemente endêmica à bacia do Tocantins, pode estar ameaçada.

    Abstract in English:

    The feeding ecology of Leporinus taeniofasciatus in the upper rio Tocantins was characterized before (river phase) and after (reservoir phase) its impoundment by the Serra da Mesa Hydroelectric Dam. The importance of each food item was given by the Alimentary Index (IAi), which combines the frequency of occurrence and volumetric methods. A significant difference in the diet of L. taeniofasciatus between seasons in the river phase, detected by a multivariate analysis of variance, was not kept when the reservoir was formed. Its feeding activity, verified through the percentage of stomachs with different degrees of fullness, was not affected by the impoundment. Leporinus taeniofasciatus was able to incorporate terrestrial food items to its diet when they became abundantly available at the beginning of reservoir formation. Despite this plasticity, secondary factors such as predation and competition might have affected its adaptation in the new, more homogeneous environment. Its diet was not significantly different in the lotic sites between the distinct phases, suggesting that the remaining upstream lotic environments still provide favorable conditions for this species, reinforcing the need to preserve those habitats, as L. taeniofasciatus, which is apparently endemic to the Tocantins basin, may be threatened.
  • Reproductive period and fecundity of Serrapinnus piaba (Characidae: Cheirodontinae) from the rio Ceará Mirim, Rio Grande do Norte, Brazil

    Silvano, Jacira; Oliveira, Cristina L. C.; Fialho, Clarice B.; Gurgel, Hélio C. B.

    Abstract in Portuguese:

    Espécimes de Serrapinnus piaba foram coletados mensalmente de abril de 2001 a abril de 2002, no rio Ceará Mirim, Rio Grande do Norte, Brasil. O período reprodutivo, determinado através da variação mensal do índice gonadossomático (IGS) e estádios de maturação gonadal, ocorreu de janeiro a abril. Utilizou-se o teste não paramétrico de Spearman para testar a correlação entre a variação mensal do IGS de machos e fêmeas com temperatura da água, pluviosidade e fotoperíodo. A correlação entre IGS e pluviosidade e IGS e temperatura foi significativa para as fêmeas somente. A correlação entre o fotoperíodo e IGS foi significativa e negativa somente para os machos. Verificou-se a presença de ganchos na nadadeira anal de machos em maturação e maduros durante todo o período de estudo. A fecundidade absoluta média, estimada através da contagem dos ovócitos vitelinados de 27 fêmeas maduras, foi de 441 (±178.08) ovócitos. A fecundidade relativa, estimada através do número de ovócitos vitelinados produzidos por mg de peso, foi de 0.74 (± 0.19) ovócitos por miligrama de peso total.

    Abstract in English:

    Specimens of Serrapinnus piaba were collected monthly from April 2001 to April 2002 in the rio Ceará Mirim, Rio Grande do Norte State, Brazil. The reproductive period, determined through the monthly variation of the gonadosomatic index (GSI) and maturation stages, occurred from January to April. Non-parametric Spearman test was performed in order to test correlation of monthly GSI variation in males and females with water temperature, rainfall and day length. Rainfall and Temperature were correlated with GSI variation in females only and day length showed a negative correlation with GSI variation of males only. It was verified the presence of hooks on the anal fin of mature and maturing males along all the period of study. The absolute fecundity mean was 441 (±178.08) oocytes, determined by the number of yolky oocytes counted in 27 mature female gonads. The relative fecundity, estimated by the number of yolky oocytes divided by milligram of total body weight was 0.74 (± 0.19).
  • Comparative dietary analysis of two populations of Mimagoniates rheocharis (Characidae: Glandulocaudinae) from two streams of Southern Brazil

    Dufech, Ana Paula S.; Azevedo, Marco A.; Fialho, Clarice B.

    Abstract in Portuguese:

    As dietas de duas populações de Mimagoniates rheocharis pertencentes a dois corpos d'água do Sistema do rio Tramandaí, região nordeste do Rio Grande do Sul, Brasil, são descritas e comparadas. Os exemplares foram coletados mensalmente, entre janeiro de 1998 e março de 1999, com o auxílio de puçás e picarés e fixados em formol 10%. No laboratório, registrou-se o comprimento padrão de cada indivíduo. Os estômagos foram retirados e dissecados para identificação dos itens alimentares. Os dados foram analisados utilizando-se os métodos de freqüência de ocorrência, composição percentual e índice de importância alimentar. Para acompanhar o efeito do tamanho dos indivíduos em sua respectiva dieta, os dados também foram analisados através de classes de comprimento padrão. Os resultados obtidos mostram claramente a predominância de insetos alóctones na dieta da espécie através dos três métodos de análise, os quais mostram altos valores para esta categoria alimentar independentemente do local de estudo ou do tamanho dos exemplares.

    Abstract in English:

    The diet of two populations of Mimagoniates rheocharis, from two freshwater streams of the rio Tramandaí, northeastern Rio Grande do Sul, Brazil, are described and compared. The specimens were collected monthly from January 1998 to March 1999, with dip nets and seine nets and preserved in 10% formalin. In laboratory, the standard length of each specimen was measured. The stomachs were removed and dissected for identification of the alimentary items. The data were analyzed using the frequency of occurrence, percent composition and index of alimentary importance methods, being the last two compared among different classes of standard length. Three methods of analysis showed the highest values for allochthonous insects, regardless the locality of collection or body size of the specimens.
  • Bloch's fish collection in the Museum für Naturkunde der Humboldt Universität zu Berlin: an illustrated catalog and historical account Book Reviews

    Piza-Ragazzo, Mônica Toledo; de Pinna, Mário
Sociedade Brasileira de Ictiologia Universidade Estadual de Maringá, Núcleo de Pesquisas em Limnologia, Ictiologia e Aquicultura/Coleção Ictiologia, Av. Colombo, 5790, 87020-900 Maringá, PR, Brasil, Tel.: (55 44)3011 4632 - Maringá - PR - Brazil
E-mail: neoichth@nupelia.uem.br