Incidência de artrópodes e características fitotécnicas de lisiantos cultivados em casa de vegetação com diferentes condições

Resumo

A utilização de malhas de sombreamento coloridas apresenta-se como uma nova abordagem tecnológica no manejo de flores e plantas ornamentais. Eustoma grandiflorum (Raf.) Shinners é uma flor que desperta interesse de produtores e consumidores, embora existam poucas informações técnicas e científicas sobre produção e manejo. Objetivou-se avaliar as características fitotécnicas e a incidência de artrópodes em dois cultivares de lisianto de corte, sob a influência de malhas de sombreamento coloridas em cultivo protegido comercial. O experimento foi conduzido na Floricultura Florist Ltda., em Dois Irmãos, RS, de agosto a dezembro de 2012 e testou a influência das malhas com colorações distintas (cinza, vermelha, preta e azul) sobre os cultivares Mariage e Bolero White. As malhas vermelhas obtiveram os melhores resultados e em azul, os piores. Foram registradas nove ordens de artrópodes de 24 famílias com diferentes hábitos, sendo Diptera a mais abundante. As malhas de sombreamento não influenciaram no número médio de artrópodes nas plantas.

Palavras-chave:
Ambiente protegido; malhas fotosseletoras; manejo cultural; inimigos naturais; pragas

Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais Av. Av. Peter Henry Rolfs, s/n, 36570-000 - Viçosa, Minas Gerais - Brasil, (32) 3379-4983, Tel: (32) 3379-4983 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: editor.ornamentalhorticulture@gmail.com