Opinião Pública, Volume: 13, Issue: 2, Published: 2007
  • Eleições e capital social: uma análise das eleições presidenciais no Brasil (2002-2006)

    Baquero, Marcello

    Abstract in Portuguese:

    Este artigo tem como objetivo central examinar a influência do processo eleitoral presidencial em 2002 no Brasil na constituição de capital social em 2006, tanto na dimensão institucional quanto informal. Tomando como base de análise os dados do ESEB (Estudo Eleitoral Brasileiro), postulamos a hipótese de que em condições de adversidades políticas e éticas, procedimentos formais pouco incidem na formação de capital social institucional e empoderamento político dos cidadãos, levando-os a manterem predisposições negativas em relação à política. Tal situação gera uma cultura política desconfiada, propiciando a prevalência de fatores de natureza populista e subjetiva na eleição e reeleição de um candidato, neste caso, Luiz Inácio Lula da Silva.

    Abstract in English:

    This article has as a main objective analyze the influence of electoral process (presidential) in time 1 (2002), in Brazil in the constitution or not of social capital in time 2 (2006), both in the institutional dimension, as well as its informal dimension. Based upon electoral data collected by ESEB (Electoral Studies in Brazil) we postulate the hypothesis that in economic and ethical adverse conditions, formal procedures do not influence the citizens formation of social capital and political empowerment, instead it generates negative predispositions in relation to politics. In these circumstances it prevails untrusty political culture, allowing the prevalence of factors in the electoral process. In this case, in the election and reelection of Lula in 2002 and 2006 respectively.
  • Escândalos e voto: as eleições presidenciais brasileiras de 2006

    Rennó, Lucio R.

    Abstract in Portuguese:

    O artigo mostra o impacto dos escândalos de corrupção sobre o voto do eleitor brasileiro na eleição presidencial de 2006. A pergunta central é se aqueles que consideraram a corrupção como principal problema deixaram de votar em Lula. O artigo avalia se e como os componentes retrospectivo, ideológico e partidário influem no voto bem como o impacto de fenômenos circunstanciais sobre ele. Os dados mostram que as percepções sobre a corrupção têm um peso maior na escolha de candidatos de partidos políticos vizinhos no espectro ideológico brasileiro e peso menor na escolha de candidatos de coalizões partidárias muito distantes neste espectro. Assim, na escolha de voto entre Lula e Alckmin, fatores como percepções sobre a economia, avaliação do governo Lula e certo componente partidário foram mais importantes e serviram de escudos para proteger Lula das acusações de corrupção no cenário da reeleição.

    Abstract in English:

    The article shows the impact of corruption scandals on the Brazilian voter’s choice in the 2006 Presidential election and it analyses if those individuals who have considered corruption the main Brazilian problem also did not vote for Lula. The article evaluates if and how the retrospective, ideological and partisan elements have influence on voting, as well as the circumstantial phenomena. Data shows that perceptions about corruption have more impact on the choice for candidates of political parties ideologically neighbors and have less impact on the choice for candidates of ideologically distant political parties. Therefore, the voter’s perceptions about economy, the Lula’s government performance and some partisan aspect were more important for the choice for President and have protected the candidate from the corruption’s accusations.
  • Classe ideologia e política: uma interpretação dos resultados das eleições de 2002 e 2006

    Holzhacker, Denilde Oliveira; Balbachevsky, Elizabeth

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa os impactos da estratificação social e da identidade ideológica sobre o voto no Brasil nas eleições presidenciais de 2002 e 2006 e identifica os valores e atitudes associados ao voto em Lula nos dois pleitos. A análise baseada nos resultados do ESEB mostra o comportamento independente das duas variáveis explicativas do voto para presidente: em 2002, a estratificação social foi pouco relevante para explicar a decisão eleitoral, sobretudo o voto em Lula, que esteve significativamente associado com a auto-identidade ideológica. Em 2006, as variáveis impactam o voto para presidente de modo inverso. Não obstante essas diferenças, nos dois momentos, o voto em Lula em específico é mais fortemente explicado pela simpatia e identidade com o candidato.

    Abstract in English:

    The article analyses the impact of social stratification and ideological identification on voting behavior in the Brazilian Presidential elections of 2002 and 2006, and, specifically, it identifies the values and attitudes associated with the vote for Lula. The analysis is based on the 2 waves of the ESEB (Brazilian Electoral Study) and it shows that in 2002, the social stratification was not a relevant factor in the explanation of presidential voting, especially the vote for Lula, associated with the self-ideological identification of citizens; in 2006, the situation is the opposite. However, in the 2 presidential campaigns, the vote for Lula is strongly explained by the voter’s identification with the candidate.
  • Identificação ideológica, partidos e voto na eleição presidencial de 2006

    Carreirão, Yan de Souza

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa as relações entre a identificação ideológica do eleitor brasileiro, seus "sentimentos" em relação aos partidos e o voto nas eleições presidenciais de 2002 e 2006. A principal hipótese testada, a partir da análise dos dados das duas ondas do ESEB (Estudo Eleitoral Brasileiro), é a de que após o primeiro mandato do presidente Lula houve, na percepção dos eleitores brasileiros, uma diluição das diferenças ideológicas entre os partidos, o que redundaria em uma menor associação entre identificação ideológica e voto na eleição presidencial de 2006 comparativamente à de 2002. O artigo investiga também se houve mudanças na associação entre os "sentimentos partidários" dos eleitores e seu voto.

    Abstract in English:

    The article analyses the relations between the Brazilian voter’s ideological identification, his/her "partisan feelings" and the vote, in the 2002 and 2006 presidential elections. The main hypothesis tested, which is based on the two waves of the ESEB (Brazilian Electoral Study) data analysis, is that after President Lula’s first mandate there was a dilution of the ideological differences between the parties in the Brazilian voters view. This dilution would result in a smaller association between ideological identification and the vote in the 2006 presidential election compared to the 2002 election. The article also examines if there were changes in the association between the voters’ "partisan feelings" and their vote.
  • Os partidos brasileiros na perspectiva dos eleitores: mudanças e continuidades na identificação partidária e na avaliação das principais legendas após 2002

    Veiga, Luciana Fernandes

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa as mudanças e continuidades na identidade partidária e na avaliação pelos eleitores dos quatro grandes partidos brasileiros: PT, PMDB, PSDB e PFL/DEM, entre 2002 e 2006. Os dados mostram uma redução no número de eleitores com identificação partidária no período e o PT como a agremiação com a maior perda. Não obstante, nenhum dos três outros partidos foi diretamente beneficiado com a perda petista. Quanto aos perfis dos eleitores de cada partido, a comparação entre os dois pleitos mostra que o PT e o PMDB apresentaram as mudanças mais significativas. A análise final mostra que a avaliação positiva do governo vigente e a avaliação positiva do partido situacionista são as variáveis mais associadas à avaliação dos partidos.

    Abstract in English:

    The article analyses the changes and continuities related to the party identification and the party evaluation of the main four Brazilian parties: PT, PMDB,PSDB and PFL/DEM in 2002 and 2006. Data show a reduction in the party identification and the Worker’s Party as the one with the main reduction, although none of the other 3 parties have benefited of the reduction. The PMDB and the PT show the most significant changes in the voter’s social and demographic characteristics between elections. Finally, the analysis shows that the positive evaluation of the current government and the positive evaluation of the government party are variables strongly associated to the party evaluation.
  • Contexto político-eleitoral, minorias religiosas e voto em pleitos presidenciais (2002-2006)

    Bohn, Simone R.

    Abstract in Portuguese:

    O artigo analisa o comportamento eleitoral dos votantes evangélicos no Brasil e sua percepção sobre o regime democrático. Com base nas respostas dos entrevistados do ESEB 2002 e 2006 sobre o voto nas eleições presidenciais, a comparação do padrões de voto revelou a formação de apenas um importante grupo de identidade, mas não de interesse: enquanto no segundo turno de 2002, o candidato Lula foi o destinatário da maioria dos votos evangélicos identificados com o candidato Garotinho no primeiro turno, em 2006, o candidato à reeleição, Lula, não obteve margens de apoio entre os evangélicos significativamente maiores do que as conseguidas entre o restante dos eleitores. O artigo também destaca que os evangélicos são os eleitores mais insatisfeitos e ambivalentes com relação ao funcionamento da democracia no Brasil.

    Abstract in English:

    The article analyses the electoral behavior of evangelical voters in Brazil and their perceptions about the democratic regime. Based on the ESEB2002 and ESEB2006 results about the vote in presidential elections, the voting patterns show the presence of an evangelical identity group, instead of an evangelical interest group. In 2002, the evangelical vote associated to the candidate Garotinho in the first round was directed to the candidate Lula in the second round; in 2006 the evangelical vote did not have a specific candidate in the second round. The article also shows that the evangelical voters are more dissatisfied and ambiguous with the functioning of democracy in the country than the other voters.
  • Eleitorado e partidos políticos no Brasil

    Paiva, Denise; Braga, Maria do Socorro S.; Pimentel Jr., Jairo Tadeu Pires

    Abstract in Portuguese:

    O artigo verifica em que medida os partidos políticos brasileiros têm sido instrumentos balizadores na formação da preferência eleitoral e na estruturação do voto. Para tanto, explora variáveis do ESEB 2002 e do ESEB 2006 que possibilitam analisar como os eleitores avaliam os partidos enquanto organizações, os vínculos afetivos entre o eleitorado e os partidos e o papel das variáveis socioeconômicas e demográficas na explicação do impacto dos partidos na conformação da escolha eleitoral, representatividade e sentimentos partidários. Os resultados mostram a negativa avaliação dos partidos em 2002 e 2006 e, que, em 2006 a clivagem governo X oposição não mais diferenciou os partidos no quadro da escolha eleitoral.

    Abstract in English:

    The article verifies in what measure Brazilian parties have been important political tools for the formation of voting preferences. The data from ESEB2002 and ESEB2006 allow to analyse how voters evaluate parties as organizations, the links between parties and voters, and the role of socioeconomic and demographic variables in the explanation of the impact of parties in the formation of political preferences. The results show the negative evaluation of the parties in 2002 and 2006, and that in 2006 the political cleavage between government and opposition did not distinguish parties in the electoral process.
  • Untitled document Tendências

Centro de Estudos de Opinião Pública da Universidade Estadual de Campinas Cidade Universitária 'Zeferino Vaz", CESOP, Rua Cora Coralina, 100. Prédio dos Centros e Núcleos (IFCH-Unicamp), CEP: 13083-896 Campinas - São Paulo - Brasil, Tel.: (55 19) 3521-7093 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: rop@unicamp.br