Organizações & Sociedade, Volume: 29, Issue: 102, Published: 2022
  • Ethical Issues of Digital Transformation Editorial

    Klein, Amarolinda Zanela

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Questões éticas estão implicadas no uso crescente de tecnologias emergentes pelas organizações. Recentemente, diversos fóruns empresariais e pesquisas acadêmicas vêm explorando as relações entre ética e transformação digital, uma vez que as tecnologias digitais são cruciais para a chamada Quarta Revolução Industrial, que faz o uso combinado tecnologias, como a inteligência artificial, aprendizagem de máquina, robótica, blockchain , neuro e biotecnologias, para criar inúmeras inovações em produtos, serviços e modelos de negócios. A questão que se apresenta é que essas tecnologias avançam em um ritmo muito mais acelerado do que as instituições humanas, sendo necessário elucidarmos como elas podem ser aplicadas para gerar desenvolvimento para todos, ao mesmo tempo que preservamos os direitos humanos inalienáveis. Considerando esse cenário, neste editorial abordaremos importantes aspectos sobre os dilemas éticos da transformação digital, propondo uma série de questões para pesquisas futuras.

    Abstract in English:

    Abstract Ethical issues are involved in the increasing use of emerging technologies by organizations. Several business forums and academic research have been exploring the relationship between ethics and digital transformation, as digital technologies are essential for the so-called Fourth Industrial Revolution, which combine the use of technologies, such as artificial intelligence, machine learning, robotics, blockchain, and neuro and biotechnologies, to create numerous innovations in products, services, and business models. The issue is that these technologies advance at a much faster pace than human institutions, and clarifying how they can be applied to bring development for all, while preserving inalienable human rights, becomes necessary. Thus, in this editorial, we will address important aspects about the ethical issues of digital transformation and propose a series of issues for future studies.
  • Integrated Reporting and Value Creation: the Semantics of the Fundamental Concept of Integrated Reporting Article

    Marçal, Amanda dos Santos Veiga; Neumann, Marguit; Sanches, Simone Letícia Raimundini

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo desta pesquisa é construir a semântica do conceito de geração de valor, baseado na literatura existente, delimitada a proposta do Relato Integrado (RI). Este estudo é classificado como descritivo, bibliográfico e documental, e utilizou-se da análise de conteúdo. Foram analisados dezesseis artigos, três livros e um documento, com base no Value Creation – Background Paper ( International Integrated Reporting Council , 2013a), assim como as classificações semânticas propostas por Ilari e Geraldi (1985). Os resultados demonstram que a semântica do conceito de geração de valor é a de que a organização realiza ações de valores (capitais) gerados direta ou indiretamente, considerando apenas seu efeito positivo à sociedade e ao meio ambiente. As ações negativas ocasionam destruição de valor para acionistas e stakeholders , não sendo relatadas quando se esperava que fossem. O valor financeiro é relevante, mas não o suficiente para gerar valor. A ausência de explicações sobre o tema possibilita a não adoção da finalidade real na construção da conectividade das informações financeiras e não financeiras, consequentemente dirimindo a credibilidade desse novo formato de divulgação corporativa. A pesquisa incentiva discussões para suprir lacunas e críticas, principalmente internacionais. Contribui-se com a interpretação do conceito de geração de valor para as futuras divulgações de RI, elucidando nitidamente qual seria a geração de valor da organização e a prestação de contas à sociedade, tendo em vista a dificuldade na aplicação desse conceito em consultas públicas (2013 e 2017), conforme revelado por preparadores. Esta pesquisa contribui também com o avanço da discussão na literatura no âmbito da geração de valor.

    Abstract in English:

    Abstract The objective of this research is to build the semantics of the concept of value creation based on the existing literature, delimited to the Integrated Reporting (IR) proposal. It is a descriptive, bibliographic and documentary study, developed with use of content analysis. Sixteen articles, three books and one document were analyzed, based on the “Value Creation – Background Paper” (International Integrated Reporting Council, 2013a), as well as on the semantic classification proposed by Ilari and Geraldi (1985). The results show that the semantics of the concept of value creation is that the organization carries out actions of values ​​(capitals) created directly or indirectly, considering only their positive effect on society and the environment. Negative actions cause value destruction for shareholders and stakeholders, and they are not reported when expected to be. Financial value is relevant, but not enough to create value. The absence of explanations on the subject makes it possible the non-adoption of the real purpose in the construction of the connectivity of financial and non-financial information, consequently damaging the credibility of this new corporate disclosure format. The research encourages discussions to fill gaps and counter criticisms, especially international ones. It contributes to the interpretation of the concept of value creation for future IR disclosures, clearly elucidating what would be the organization’s value creation and accountability to society, in view of the difficulty in applying this concept in public consultations (2013 and 2017), as revealed by preparers. This research also contributes to advancing the discussion in the literature in the value creation context.
  • Autonomous Actions that Emerge from Strategizing in the Preservation of Culture and Tradition of a Collective of Artisanal Fishers in Florianópolis – SC Article

    Rocha, Robson Vander Canarin da; Perito, Barbara Zandomênico; Lavarda, Rosalia Aldraci Barbosa

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Ações autônomas podem ser consideradas ações emergentes que se relacionam com o fazer estratégico e têm potencial de influenciar a estratégia da organização; e o strategizing é a estratégia acontecendo na prática. O objetivo deste estudo foi compreender como as ações autônomas emergem do strategizing em contextos organizacionais alternativos. Foi realizada uma pesquisa qualitativa por meio de estudo de caso em um coletivo de pescadores artesanais de tainha do Campeche (Florianópolis – SC). A coleta de dados ocorreu por meio de entrevistas, observação não participante e documentos. A análise dos dados foi realizada adotando-se a técnica Pattern Matching para comparação de padrões teórico-empíricos. Os resultados indicam que as ações autônomas que emergem do strategizing , no contexto estudado, são desejadas e incorporadas pela organização quando ajudam a reforçar suas práticas estratégicas no sentido de preservar a cultura e tradição da pesca artesanal. Nossa pesquisa encontrou ações autônomas e ações estratégicas emergentes imbricadas em princípios e valores culturais e tradicionais de forma compartilhada, conectadas com a estratégia organizacional, em um esforço de resistência para preservar suas formas primitivas de organização, estrutura e produção artesanal. Dependendo do contexto e da racionalidade predominante, as ações autônomas podem se conectar diretamente com os princípios e valores compartilhados nas práticas cotidianas, a partir do nível micro-organizacional, reforçando e fortalecendo a estratégia, independentemente do retorno financeiro.

    Abstract in English:

    Abstract Autonomous actions can be considered emerging actions related to strategic actions and have the potential to influence the organization’s strategy, and strategizing is strategy happening in practice. This study aimed to understand how autonomous actions emerge from strategizing in alternative organizational contexts. Qualitative research was carried out through a case study in a collective of artisanal mullet fishers in Campeche (Florianópolis – SC). Data collection took place through interviews, non-participant observation, and documents. Data analysis was performed using the Pattern Matching technique to compare theoretical-empirical patterns. The results indicate that the autonomous actions that emerge from strategizing, in the context studied, are desired and incorporated by the organization when they help to reinforce its strategic practices to preserve the culture and tradition of artisanal fishing. Our research found autonomous actions and emerging strategic actions imbricated in cultural and traditional principles and values in a shared way, connected with organizational strategy, in an effort of resistance to preserve their primitive forms of organization, structure, and artisanal production. Depending on the context and prevailing rationality, autonomous actions can connect directly with the principles and values shared in everyday practices, from the micro-organizational level, reinforcing and strengthening the strategy, regardless of the financial return.
  • Situational Analysis: Relevant Advances in Grounded Theory for Management Studies Article

    Ássimos, Bruno Medeiros; Pinto, Marcelo de Rezende

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O presente artigo foi motivado por uma lacuna no campo das publicações baseadas na abordagem da Grounded Theory (GT), uma vez que pouco se avançou nas discussões referentes à aplicação da Análise Situacional (AS), proposta por Adele Clarke (2003, 2005) e Adele Clarke e outros (2018) nos estudos de gestão. Assim, neste artigo conceitual, buscamos situar a AS tanto nos aspectos ontológicos quanto epistemológicos, comentar suas formas de operacionalização e, por fim, apontar questões da AS que parecem relevantes para estudos de gestão. Nossa discussão jogou luz sobre aspectos relevantes da AS, os quais a colocam em uma posição que avança no sentido de priorizar métodos de pesquisa que contribuam para gerar políticas sociais mais justas e equitativas em diversos campos, além de atender demandas cotidianas da área de gestão. Como conclusão, a AS parece ter trazido novos direcionamentos para a GT depois da virada interpretativa, a saber: abordagens da cartografia, consideração de atores humanos e não-humanos e compromissos sociais, além de ter reunido estudos de discurso e agência, de ação e estrutura, de imagem, de texto e contexto, de história e do momento presente para analisar situações complexas de investigação.

    Abstract in English:

    Abstract This paper aims at closing a gap in literature referring to academic publications that approach grounded theory, considering that little advance has been noticed in discussions that encompass the application of situational analysis (SA) proposed by Clarke (2003, 2005) and Clarke, Friese and Washburn (2018) in management studies. Thus, this conceptual paper seeks to address situational analysis considering its ontological and epistemological aspects, to investigate its operationalization forms, and, finally, to indicate relevant situational analysis issues for management studies. Our discussion sheds light on relevant situational analysis aspects, which helps prioritizing research methods that may contribute to create fairer and more effective social policies in several fields and meeting daily demands of the management field. As a conclusion, situational analysis seems to bring new guidance to grounded theory after the interpretive turn: cartographic method, consideration of human and non-human actors, and social commitments; in addition, situational analysis gathers discourse and agency studies, action and structure, image, text and context, history, and the present moment to analyze complex investigations.
  • Are We Ready for New Technologies? The Relation Between Human Values and Technology Readiness Applied to M-Commerce in Brazil Article

    Fujihara, Ricardo Ken; Montezano, Lana; Alfinito, Solange

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Este estudo descreve a relação entre os valores humanos e a prontidão à tecnologia no mobile commerce ( m-commerce ) brasileiro. O presente estudo consistiu em uma pesquisa online que incluiu o Questionário Revisado do Perfil de Valores (PVQ-R), o Índice de Prontidão à Tecnologia TRI - 2.0 e questões socioeconômicas de todos os estados brasileiros (N=2.171). Nossa modelagem de equações estruturais mostrou que os valores humanos previram a prontidão à tecnologia a atitude e a intenção de compra online pelo celular. A autopromoção e a abertura à mudança influenciaram positivamente o fator condutor de prontidão à tecnologia, enquanto a autotranscendência influenciou negativamente o fator inibidor de tecnologia, tendo a conservação o influenciado positivamente. As contribuições teóricas e gerenciais desenvolveram um modelo conceitual envolvendo valores humanos, prontidão à tecnologia e intenção de compra online via celular. Este estudo pode ajudar no desenvolvimento de políticas públicas relacionadas à segurança da informação, visando aumentar a confiança do consumidor no uso de novas tecnologias no m-commerce .

    Abstract in English:

    Abstract This study describes the relation between human values and technology readiness in Brazilian mobile commerce (m-commerce). This study consisted of an online survey including the Portrait Values Questionnaire-Revised (PVQ-R), the Technology Readiness Index 2.0, and SES items in all Brazilian states (N=2,171). Our structural equation modeling showed that human values predicted technology readiness; and attitude, intention to purchase online via mobiles. Self-enhancement and openness to change positively influenced the technology readiness contributor factor, whereas self-transcendence negatively influenced the technology inhibitor factor, and conservation positively influenced it. Theoretical and managerial contributions developed a conceptual model involving human values, technology readiness, and intention to purchase online via mobiles. This study can help develop public policies related to information security, aiming to increase consumer confidence in using new technologies in m-commerce.
  • Subspecies of Symbolic Capital within Ordinary Management Article

    Euflausino, Mariana Aparecida; Ichikawa, Elisa Yoshie

    Abstract in Portuguese:

    Resumo O objetivo deste ensaio teórico é defender o reconhecimento de subespécies de capital simbólico, diante do contexto das práticas cotidianas de trabalho, da gestão ordinária. O tema da gestão ordinária é relevante e escasso na área de administração. Trata-se de uma perspectiva que se distancia do mainstream da administração e fomenta o olhar para compreender outras formas de gestão relacionadas ao cotidiano do Homem ordinário. Portanto, refletimos sobre a necessidade de reconhecer recursos e capitais peculiares a essa maneira comum de realizar gestão, na qual o capital econômico e cultural são precários aos seus agentes e os capitais precisam ser reconhecidos a partir dos efeitos do simbólico. Assim, discutimos essa proposta a partir das abordagens teórico-epistêmicas de Michel de Certeau sobre a arte de fazer o cotidiano e a perspectiva de capital simbólico no contexto teórico da prática de Pierre Bourdieu. Assumimos a pluralidade do conceito de capital, mas, sobretudo, buscamos aproximar a compreensão de capital à realidade de uma gestão ordinária. Portanto, propomos uma inversão da comum perspectiva de capital relacionada ao “distinto” e ao “glamour” , fomentada em uma concepção dominante da administração. Sugerimos reconhecer subespécies de capital simbólico, que habitam o popular, o “vulgar”, logo, o não “distinto”. Este estudo contribui para os estudos organizacionais ao abrir espaço para que se reconheçam os recursos que configuram a prática da gestão de pequenos empreendimentos de sobrevivência, que expressam a realidade cotidiana de empreendimentos no contexto de países emergentes.

    Abstract in English:

    Abstract The objective of this paper is to propose the acknowledgement of subspecies of symbolic capital in the context of everyday work practices within the framework of Ordinary Management, a perspective which is relevant and scarcely discussed in Administration. It consists of a perspective which is distant from the mainstream of Administration and fosters observation as a way to comprehend other forms of management related to the everyday life of the ordinary man. As a result, we reflect upon the necessity of acknowledging resources and capitals which are particular to this manner of performing management, in which economic and cultural capitals are lacking, and capitals must be observed based on their symbolic effects. We base the discussion of this proposal on the theoretical-epistemic approaches of Michel de Certeau, about the art of creating everyday life, and of Pierre Bourdieu, about the perspectives of symbolic capital within the context of the theory of practices. We assume the plurality of the concept of capitals but, moreover, we try to bring the understanding of capital closer to the reality of an Ordinary Management. Therefore, we propose an inversion of the common perspectives on capital, related to “distinction” and “glamour” and fostered by the dominant mindset in Administration. We suggest acknowledging subspecies of symbolic capital which inhabit the popular, the “vulgar” and, consequently, not “distinctive”. This paper contributes to organizational studies by opening up space for the recognition of the resources which configure the practices of management of small subsistence entrepreneurship, which express the everyday reality of businesses in the context of emerging countries.
  • "Arreda (Get Away), Man, Here Comes Woman": Gender and Afro-religiosity in Afro-Brazilian Religious Organizations Article

    Moura, Renan Gomes de; Nascimento, Rejane Prevot

    Abstract in Portuguese:

    Resumo Esta pesquisa investiga como organizações religiosas de matriz africana, por meio do discurso expresso nos cânticos destinados e entoados às Pomba-Giras1, contestam os estereótipos de gênero, possibilitando a compreensão de múltiplas feminilidades. Neste artigo, para analisar o corpus , optou-se pelo aporte teórico metodológico da análise do discurso (AD) de linha francesa oriunda do pensamento de Pêcheux. Observamos que ao estudar o gênero em organizações religiosas, por meio da figura da Pomba-Gira, abrem-se espaços para novos diálogos dentro do campo dos estudos organizacionais, além de compreender como algumas palavras usadas no cotidiano para menosprezar a mulher podem assumir outros significados nos cânticos, contribuindo para uma compreensão da performance do feminino de uma forma não puritana. A partir da reflexão proposta por este artigo, ousamos afirmar que a Pomba-Gira não é apenas uma divindade, mas também um dos inúmeros modos de performance de gênero, servindo de lente para compreender outras formas de resistência e existência das múltiplas feminilidades em diversos tipos de organizações e práticas organizativas. Seguindo o pensamento de Oyěwùmí ao propor uma análise oxunista sobre gênero e embasados nas características da divindade Ọ̀ṣun (Oxum), sugerimos aqui o pombagirismo como orientação analítica para os estudos de gênero.

    Abstract in English:

    Abstract This research investigates how religious organizations of the African matrix, through the discourse expressed in the songs intended for and chanted to the Pomba-Giras , contest gender stereotypes, enabling the understanding of multiple femininities. In this article, to analyze the corpus , we opted for the methodological theoretical contribution of the French discourse analysis (DA) derived from Pêcheux. We observed that by studying gender in religious organizations, through the figure of the Pomba-Giras , spaces are opened up for new dialogues within the field of organizational studies, besides understanding how some words used in daily life to belittle women can assume other meanings in the songs, contributing to an understanding of the performance of femininity in a non-puritanical way. Based on the reflection proposed by this article, we dare to affirm that the Pomba-Giras is not only a deity, but also one of the numerous modes of gender performance, serving as a lens to understand other forms of resistance and existence of the multiple femininities in various types of organizations and organizational practices. Following Oyěwùmí in proposing an Oxunist analysis of gender and based on the characteristics of the divinity Ọ̀ṣun (Oxum) , we suggest pombagirismo here as an analytical orientation for gender studies.
Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia Av. Reitor Miguel Calmon, s/n 3o. sala 29, 41110-903 Salvador-BA Brasil, Tel.: (55 71) 3283-7344, Fax.:(55 71) 3283-7667 - Salvador - BA - Brazil
E-mail: revistaoes@ufba.br