Mechanical properties of the macaw palm fruit-rachilla system1

Nara Silveira Velloso Fábio Lúcio Santos Francisco de Assis de Carvalho Pinto Flora Maria de Melo Villar Domingos Sárvio Magalhães Valente Sobre os autores

RESUMO

Propriedades mecânicas do sistema fruto-ráquila de macaúba

O fruto da palmeira nativa macaúba [Acrocomia aculeata (lacq) Lood. ex Mart] é uma alternativa para a produção de biodiesel devido às características da planta, como sua adaptabilidade, rusticidade e alta produção de óleo vegetal. Contudo, sua exploração ainda é extrativista e há grandes dificuldades em sua colheita. Objetivou-se determinar as propriedades mecânicas do sistema fruto-ráquila de macaúba que servirão de suporte aos projetos de máquinas para colheita por vibração mecânica. Foram utilizadas dez amostras de quatro acessos, nos estádios de maturação imaturo e maduro. Ensaios de tração e vibração foram realizados para determinar as propriedades mecânicas do sistema fruto-ráquila. O módulo de elasticidade obtido para a ráquila foi de 188,39-385,09 MPa para o estádio imaturo e 109,02-320,54 MPa para o maduro. A razão de Poisson para a ráquila ficou entre 0,20 e 0,52 para o estádio imaturo e entre 0,16 e 0,52 para o maduro. A razão de amortecimento encontrada variou entre 0,02 e 0,12 para o estádio imaturo e entre 0,06 e 0,12 para o maduro. O sistema fruto-ráquila foi caracterizado como subamortecido.

PALAVRAS-CHAVE:
Acrocomia aculeata; biodiesel; razão de amortecimento; razão de Poisson

Escola de Agronomia/UFG Caixa Postal 131 - Campus II, 74001-970 Goiânia-GO / Brasil, 55 62 3521-1552 - Goiânia - GO - Brazil
E-mail: revistapat.agro@ufg.br