Accessibility / Report Error

Corpo grávido deixando-se fecundar pela vida

Este ensaio propõe-se a pensar o processo criativo, o “corpo-grávido” - este corpo que é marcado por uma diferença, deixando-se fecundar por ela. Com o auxílio da filosofia, discutimos o lugar destinado ao corpo e ao desejo através da história, aprofundando a origem de conceitos pontuais em duas ciências aparentemente opostas: a biologia e a psicologia.

Filosofia; Criação; Gravidez


Conselho Federal de Psicologia SAF/SUL, Quadra 2, Bloco B, Edifício Via Office, térreo sala 105, 70070-600 Brasília - DF - Brasil, Tel.: (55 61) 2109-0100 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: revista@cfp.org.br