Psicologia Latino-Americana: desafios e possibilidades

Psicología Latinoamericana: desafíos y posibilidades

Latin American Psychology: challenges and possibilities

A comemoração dos 50 anos da regulamentação da profissão da Psicologia no Brasil sinaliza o recente e o contínuo esforço das profissionais psicólogas e psicólogos em contextualizar o saber psicológico com a realidade e as condições de vida da população latino-americana. Atualmente, a Psicologia passa por um processo de reformulação crítica que considera as peculiaridades históricas, culturais, políticas, econômicas e sociais na constituição subjetiva dos sujeitos. Dessa forma, propõe o alinhamento epistemológico desse saber com os demais países da América Latina devido às vivências similares de colonização ibérico-católica, de modernização tardia e de exploração dos recursos naturais e humanos do continente. Contudo, a construção de uma psicologia latino-americana enfrenta desafios, a exemplo das diferenças entre os países, da multiplicidade cultural e dos interesses geopolíticos das nações. O objetivo do presente estudo foi compreender o processo de formação e de construção epistemológica da Psicologia histórico-cultural buscando, na literatura analisada, as principais possibilidades e desafios da integração da Psicologia com os demais países latino-americanos. De qualquer forma, observa-se que, ao se dedicar ao atendimento das demandas populacionais e à implicação no processo de transformação social, são oferecidas à Psicologia diversas possibilidades de atuação.

Psicologia social; Psicologia histórico- cultural; América Latina; Atuação do psicólogo


Conselho Federal de Psicologia SAF/SUL, Quadra 2, Bloco B, Edifício Via Office, térreo sala 105, 70070-600 Brasília - DF - Brasil, Tel.: (55 61) 2109-0100 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: revista@cfp.org.br