Percepções e comportamentos de cuidados com a saúde entre homens idosos

Perceptions and behaviors of health care among elderly men

Percepciones y comportamientos de cuidados con la salud entre hombres de edad avanzada

Lilian Maria Borges Eliane Maria Fleury Seidl Sobre os autores

O gênero constitui um sério determinante da saúde. O presente trabalho, de caráter exploratório e descritivo, investigou percepções de homens idosos em relação aos cuidados com a própria saúde e aos aspectos que influenciam os comportamentos preventivos e promotores de saúde de homens dessa faixa de idade. Dez participantes, com idade média de 67,4 anos, foram entrevistados e a análise do conteúdo de suas respostas possibilitou a identificação de treze categorias relativas a três eixos temáticos: determinantes da saúde pessoal, comportamentos de autocuidado e barreiras ao autocuidado masculino. Prevaleceu uma consideração positiva do próprio estado de saúde e houve relatos de variados comportamentos preventivos. Barreiras econômicas, do sistema de saúde, intrapessoais e socioculturais foram mencionadas como comprometedoras dos cuidados com a saúde entre os homens, enquanto o suporte social foi considerado um importante facilitador. Negligências, déficits e excessos comportamentais foram indicados como padrões masculinos de atenção à saúde. Evidencia-se a necessidade de estratégias educacionais voltadas para a adoção de práticas cotidianas mais saudáveis por parte dos homens.

Idosos; Envelhecimento; Estágio de desenvolvimento; Gênero; Psicologia da saúde


Conselho Federal de Psicologia SAF/SUL, Quadra 2, Bloco B, Edifício Via Office, térreo sala 105, 70070-600 Brasília - DF - Brasil, Tel.: (55 61) 2109-0100 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: revista@cfp.org.br