Psicologia e Análise Institucional: Contribuições para os Processos Formativos dos Agentes Comunitários de Saúde

Psychology and Institutional Analysis: Contributions to Formative Processes of Community Health Agents

Psicología y Análisis Institucional: Contribuciones para los Procesos Formativos de los Agentes Comunitarios de Salud

Gustavo Zambenedetti Carlos Augusto Piccinini André Luis Leite de Figueiredo Sales Simone Mainieri Paulon Rosane Azevedo Neves da Silva Sobre os autores

A construção de um sistema público de saúde pautado pela integralidade e humanização da atenção vem demandando transformações nos modos tradicionais de se fazer saúde e, consequentemente, nos processos formativos de seus trabalhadores. A Psicologia, sob a perspectiva da análise institucional, pode desenvolver ferramentas que propiciam novas experimentações relativas aos processos formativos em saúde. O objetivo deste artigo é apresentar uma pesquisa-intervenção realizada com Agentes Comunitários de Saúde das equipes de Saúde da Família de uma gerência distrital do município de Porto Alegre-RS. A pesquisa incluiu um processo de formação em saúde, constituído por quatro módulos temáticos: Relação saúde/doença mental; Uso de álcool e outras drogas; Sexualidade e HIV-AIDS; e Estratégias de cuidado em saúde mental. O trabalho desenvolvido evidencia as contribuições da análise institucional para a saúde coletiva, sintetizadas em três aspectos: a formação como escuta e análise dos processos de trabalho; a transversalização das práticas, desconstruindo dicotomias e relações hierarquizadas; o exercício de desconstrução de estereótipos e de modos instituídos de operar as práticas em saúde.

Análise institucional; Psicologia; Formação dos profissionais de saúde; Saúde mental


Conselho Federal de Psicologia SAF/SUL, Quadra 2, Bloco B, Edifício Via Office, térreo sala 105, 70070-600 Brasília - DF - Brasil, Tel.: (55 61) 2109-0100 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: revista@cfp.org.br