Planta Daninha, Volume: 15, Issue: 1, Published: 1997
  • Influência pH na reposta de sementes de plantas daninhas a substâncias promotoras de germinação

    Carmona, Ricardo

    Abstract in Portuguese:

    Determinou-se o efeito do pH na ação de algumas subst âncias promotoras de germinação em sementes de Chenopodium album L., Avena fatua L. e Rumex crispus L. A azida de sódio (A), nitrato de potássio + etileno (NE), NE + A, NE + A + tiuréia + peróxido de hidrogênio foram testados em solo (em bandej as) e em papel (in vitro) com soluções tampão em ambiente controlado. O efeito do NE no estímulo à germinação de sementes não foi afetado pelo pH na faixa de 3 a 9. A azida de sódio foi a substância que mais afetou as sementes, sendo este efeito pH dependente. Este composto foi extremamente deletério em sementes de C. album e A. fatua em solo ácido (pH 4,0), enquanto em solo básico ele estimulou a germinação em sementes de A. fatua, através da superação da dormência A combinação de NE + A em pH 6,2 inibiu a germinação de C. album e A. fatua, mostrando um antagonismo entre estes compostos. A mistura dos cinco compostos reduziu a influência do pH na ação deletéria da azida de sódio. O efeito deletério da azida foi menos afetado pela temperatura do que sua ação como superador de dormência. A solução extraída do solo não afetou a resposta de tratamentos químicos in vitro em diferentes temperaturas comparado a soluções tampão em pH semelhante. Discute-se a influência das características do solo na eficácia de substâncias químicas como superadores de dormência ou tratamentos deletérios às sementes.

    Abstract in English:

    The effects of pH on the action of some dormancy-relieving chemicals were investi gated on seeds of Chenopodium album, Avena fatua and Rumex crispus. Sodium azide (A), potassium nitrate + ethephon (NE), NE + A, NE + A + thiourea + hydrogen peroxide were tested in soil trays or in paper (in vitro) with buffer solutions in controlled environment. The response to NE was not affected by pH from 3 to 9. Sodium azide had the gre ate st effect on seed decline, but its effect was pH-dependent. This compound was extremely deleterious for Chenopodium album L. and Avena fatua L. seeds in acid soil (pH 4), while in basic soil it relieved dormancy of A . fatua. At pH 6. 2 the combin ation of NE + A was detrimental to C. album and A. fatua, perhaps because of an antagonism between the compounds. Mixing the five compounds toge ther reduced the influence of pH on the deleterious effect of azide. deleterious effect of this compound was less affected by temperature than its dormancy -relieving action. The solution extracted from both soils did not affect the treatments in vitro at different temperatures compared with buffers at similar pH. The influence of soil characteristics on the efficacy of dormancy-relieving or weed killing treatments in the field is discussed.
  • Dose reduzida de clethodim no controle de papua na cultura da soja, em função da época de aplicação

    Fleck, Nilson G.; Cunha, Marcos M. da; Vargas, Leandro

    Abstract in Portuguese:

    Foi realizado um experimento a campo em Eldorado do Sul, RS, no ano agrícola de 19 94 /9 5, para avaliar o controle de papuã (Brachiaria plantaginea (Linck) Hitchc.), que ocorreu numa população média de 95 plantas/m2. Foi avaliado o herbicida clethodim à dose-plena (120g/ ha) e à meia-dose (60g/ha). A cultivar de soja utilizada foi RS-7 Jacuí e usado o delineamento experimental em blocos casualizados com quatro repetições. Os tratamentos foram aplicados aos 14, 21, 28 e 35 dias após a emergência da soja (DAE). Foram mantidas testemunhas capinadas, com operações iniciadas nas mesmas épocas de aplicação do herbicida, e uma testemunha infestada durante todo o ciclo da cultura. O controle foi avaliado visualmente, em três ocasiões, através de escala percentual. Os graus de controle de papua obtidos à dose-plena foram equivalentes entre si quando aplicado nas três primeiras épocas, com eficiência entre 95 e 98% na última avaliação. A meia-dose mostrou, para as três primeiras épocas de aplicação, resultados semelhantes aos de doseplena, porém em níveis um pouco inferiores, situando-se entre 85 e 95% o controle obtido na última avaliação. O controle do papuã foi mediano quando clethodim foi aplicado aos 35 DAE, tanto par a dose-plena quanto para meiadose. Quanto ao rendimento de grãos, não houve diferença estatística significativa entre os tratamentos em suas várias modalidades, embora todos tenham superado a testemunha infestada, com incrementos na produtividade de grãos entre 73 e 10 5% . O experimento permite concluir pela viabilidade da utilização de meiadose de clethodim para o controle de papua em soja, realizando as aplicações preferencialmente até a quarta semana após a emergência da cultura.

    Abstract in English:

    A field trial was carried out in Eldorado do Sul, RS, during the 1994/95 growing season to evaluate Alexandergrass (Brachiaria plantaginea (Linck ) Hitchc ) control, that occurred with na average population of 95 plants/m2. The herbicide used was clethodim at full-rate (120g/ha) and at half-rate (60g/ha). The tested cultivar was RS-7 Jacuí and it was use d a complete randomized blocks design with four replicates. The treatments were applied at 14, 21, 28, and 35 days after soybean emergence (DAE) . Hand hoeing treatments were included, and started at the same date of herbicide applications. A weeded check was kept during all crop cycle. Control evaluations were visualy performed in three opportunities using percentual scale. The levels of Alexandergrass control got with full herbicide rate were equival ents when clethodim was applied at the three first times. Its efficiency ranged from 95 to 98% at the last evaluation. Half herbicide rate showed si mil ar trends at the la st eval uation, although at lower levels, ranging from 85 to 95% control for the three first application times. Alexandergrass control was only fair when clethodim was applied at 35 DAE at either rate. Grain yield did not show differences between treatments except for weedy check; nevertheless, all of them supplanted the weeded treatment with increments ranging from 73 to 105%. This trial allows to conclude that it is possible to use half-rate of clethodim to control Alexandergrass in soybean, being the application done preferably until the fourth week after soybean emergence .
  • Estimativa da área foliar de plantas daninhas: poaia-branca

    Rosseto, Ricardo R.; Pitelli, Robinson L.C. M.; Pitelli, Robinson A.

    Abstract in Portuguese:

    A poaia-branca (Richardia brasiliensis Gomez) é uma das principais plantas que infestam espontaneamente os agroecossistemas na América do Sul e, com freqüência, atingem elevadas densidades populacionais, provocando sérios prejuízos aos agricultores. Nos estudos envolvendo a biologia e o controle de plantas daninhas, a área foliar é uma das mais importantes características a serem avaliadas, mas tem sido pouco estudada porque sua determinação exige equipamentos sofisticados ou utiliza técnica destrutiva. Visando obter equações que permitissem a estimativa da área foliar desta planta daninha utilizando características lineares do limbo foliar, facilmente mensuráveis em plantas no campo, foram estudadas correlações entre a área foliar real e as seguintes características das folhas: comprimento ao longo da nervura principal (C), largura máxima do limbo (L) e o produto CxL. Para tanto, foram mensurados os limbos de 500 folhas coletadas em diversas épocas, locais e culturas, em plantas que apresentavam bom aspecto sanitário e nutricional. Todas as equações, lineares simples, geométricas e exponenciais, permitiram boa estimativa da área foliar (AF) da poaia-branca. Do ponto de vista prático, sugere-se optar pela equação linear simples envolvendo o produto Cx L, a qual apresentou o menor QM Resíduo. Assim, a estimativa da área folia r de R. brasiliensis pode ser efetuada pela equação AF= 0.5899 (CxL), com coeficiente de determinação (R2) de valor 0.9886 .

    Abstract in English:

    Brazilian pusley (Richardia brasiliensis) is one of the most important weeds infesting orchards, crops and pastures in South America. Frequently, their populations are dense enough to promote significant losses to the farmers. In the studies on the biology and control of the weeds, the leaf area determination is fundamental, but commonly requires sophisticated and expensive equipment or destructive techniques. So, the present research was set up aiming to obtain a suitable equation for R. brasiliensis leaf área estimation from the linear leaf measures, such as the leaf length in the mid rib direction (C), the maximum leaf width (L), and the rela tion CxL. The measures were done in 500 leaves collected from plants infesting different places and crops and showing suitable nutritional and health conditions. All the equations, linear, geometric, and exponential, permitted suitable estimates of the R. brasiliensis leaf area (AF). The suggested equations was AF = 0.5899 (CxL), because it is easy to use, showed the smallest Stand Error, and the determination coefficient was high, R2=0.9886.
  • Persistência de imazaquin em latossolo roxo cultivado com soja

    Novo, Maria do Carmo S. S.; Cruz, Luciano S. P.; Pereira, José Carlos V. N. A.; Tremocoldi, Wanderley A.; Igue, Toshio

    Abstract in Portuguese:

    No ano agrícola de 1988/89 foi realizadoc um experimento de campo na Estação Experimental de Ribeirão Preto, do Instituto Agronômico, com o objetivo de estudar a persistência de imazaquin aplicado em pré emergência na cultura da soja cv IAC-8, em latossolo roxo, textura argilosa e verificar sua influência no rendimento de grãos. O experimento foi disposto em blocos ao acaso, com parcelas subdivididas e repetidos quatro vezes. Nas parcelas foram estudadas as doses de imazaquin 0, 75, 150 e 300g/ha. As linhas das parcelas foram sorteadas e cada época de amostragem de solo foi retirada de uma das entre linhas constituindo-se nas sub-parcelas. A atividade residual do imazaquin foi avaliada por meio de bioensaios, sendo usado o pepino (Cucumis sativus L. cv Sprent), como planta-teste. O número de dias que cada dose levaria para não apresentar mais efeito residual no solo foi determinada através de análise de regressão polinomial, estabelecida por dose. Verificou-se que onde haviam sido aplicados 75 e 150g/ha de imazaquin, aos 10 dias não havia mais efeito no crescimento da planta-teste. Para a dose de 300g/ha somente aos 22 dias deixou de existir efeito residual. Entretant o, aos 60, 48 e 43 dias após a aplicação do produto, respectivamente para 75, 150 e 300g/h a, novamente foi observada redução no crescimento da planta-teste com sintomas típicos nas folhas de pepino. Somente a partir de 89 dias para a dose de 75g/ha e 104 dias para as doses 150 e 300g/h a do imazaquin estimou-se que não seria mais observado atividade residual do produto em latossolo roxo. Não houve efeito de doses de imazaquin no rendimento de grãos de soja.

    Abstract in English:

    In order to study the imazaquin persistence in a Rhodic Eutrudox Soil cultivated with soybean cv IAC-8, a field experiment was carried out at Ribeirão Preto Experimental Station, in 1988/89. A complete split-plot randomized block design with four replication was used. In the main plots were studied the rates of 0, 75, 150 and 300g ai/ha of imazaquin in a pre-emergence application. The plot rows were sorted and soil samp les we re taken in the it rows sorted subparcelas. The imazaquin residual activity was evaluated by bioassay using cucumber (Cucumis sativus L. cv Sprent) as test-plant. The duration in days of the residual effect of each dose in the soil was estimated using polinomial regression analysis established by the dosage. For 75 and 150g ai/h a of imazaqui n, after 10 days the test - plant did not show any effect in the growth. With 300g ai/ha, the residual effect ceased only after 22 days. Furthermore, in the 60, 48 and 43 days after imazaquin application for the 75, 150 and 300g ai/ha, respectively, again growth reduction of the test-plant was observed. Only after the 89 days for the 75g/ha dose and 104 for the 105 and 300g ai/ha of imazaquin, the residual activity of the herbicide were not observed any more in the soil. There was no effect of the imazaquin dosage in the yield of the soybeans.
  • Controle do arroz vermelho através do herbicida sulfosate isolado e em misturacom adjuvantes

    Foloni, Luiz L.; Rodrigues, João D.; Ono, Elizabeth O.

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência do herbicida sulfosate, aplicado isoladamente e em misturas com diferentes adjuvantes, comparado com o herbicida glifosate, ambos aplicados com baixo volume de calda, no controle da planta daninha arroz vermelho (Oryza sativa L.) sob aplicação em condições de préplantio da cultura do arroz. O experimento foi conduzido em campo, sendo a área experimental instalada na cultura de arroz irrigado, variedade IAC-101. A área de pousio recebeu uma lâmina de água de 5 a 10cm de pro fundidade por dois dias, e após a retirada, o arroz vermelho começou a germinar. Quando o mesmo atingiu cerca de 20-25cm de altura, procedeu-se a aplicação de herbicidas de manejo (pré-plantio) . Após 16 dias da aplicação foi efetuado o plantio da cultura com densidade de 60-80 sementes/metro linear e profundidade de 3cm, sendo o espaçamento utilizado de 21,8cm entre linhas. Foram testados tratamentos com os seguintes produtos: sulfosate a 1,20; 1,44 e 1,68Kg i.a./ha e glifosate a 1,20; 1,44 e 1,68Kg i.a./ha, ambos os produtos aplicados isolados e em misturas com os seguintes adjuvantes: Poliglicol, Organosilicone e Amina Graxa, além de uma testemunha não capinada. Para a avaliação do efeito dos tratamentos empregados foram realizadas as seguintes avaliações: fitotoxicidade aperente, porcentagem de controle do arroz vermelho; altura do arroz vermelho (em cm); estande da cultura (no de per filhos/metro linear) e altura da cultura (em cm). Através dos resultados obtidos pode-se concluir que os herbicidas sulfosate, glifosate nas formulações comerciais Rodeo e Roundup, nas doses de 1,20; 1,44 e 1,68Kg i.a./ha, aplicados isolados (exceto o Rodeo) e conjuntamente com os adjuvantes poliglicol (Mojante), organosilicone (Silwet) e amina graxa (Frigate) (exceto Roundup, que foi utilizado apenas com o adjuvante amina graxa e sozinho), propiciaram excelente nível de controle do arroz vermelho, quando aplicados em pós-emergência e área total, e pré-plantio da cultura de arroz, implantada no sistema de plantio direto. Também foi verificado que não ocorreu diferença quanto à eficiência entre sulfosate e glifosate no controle do arroz vermelho, ambos controlando de forma eficiente a planta daninha.

    Abstract in English:

    This research aimed to evaluate the efficacy of the herbicide sulphosate applied alone and in mixture with different adjuvants, compared to the herbicide glyphosate, both sprayed at low volume, to control red-rice (Oryza saliva L.) inpre planting condit ions of the rice crop. The experiment was conducted in the field; using the irri gated rice vari ety IAC -101. The fallow land was flooded for two days and after the area was drained, the red-rice began to germinate. When the weed reached approximately 20-25cm height, the herbicides were applied. Rice crop planting was performed 16 days after application at 60-80 seeds/linear meter density, 3cm depth and of 21 .8 cm inter-row spacing. The following treatments were tested: sulphosate at 1.20; 1.44 and 1.68K g a.i./ha and glyphosate at 1.20; 1.44 and 1.68Kg a.i./ha, which were applied alone and in mixture with the following adjuvants: Poliglicol, Organosil icone and Amina Graxa, be sides an untreated check. The following observations were made to evaluate the treatments effects: visu al phyt otoxic ity; % cont rol of red-rice; red-rice height (cm); crop height (cm) and the herbicides sulphosate, commercial formulation of Zaap at 2.5; 3.0 and 3.5 l/ha; glyphosate, Rodeo and Roundup commercial formulations, respectively, at 1.85; 2.22 and 2.59 1/ha, applied alone (except Rodeo) and in mixture with the adjuvants Mojante, Silwet and Frigate, resulted in excellent level of control of red-rice, when applied at post-emergence and total area, at pre-planting condition of rice crop implanted in direct planting system.
  • Eficiência do nicosulfuron no controle de capim-massambara na cultura do milho

    Fahl, Joel I.; Carelli, Maria Luiza C.

    Abstract in Portuguese:

    Um experimento de campo foi conduzido em Rio Claro, SP, em 1991/92 para estudar a eficiência do nicosulfuron no controle do capimmass ambará (Sorghum halepense), como infestante da cultura do milho. O nicosulfuron foi aplicado em pós-emergência inicial, quando o capim-massambará estava com 3 a 5 folhas, nas doses de 40, 50, 60, e 80g/ ha, e em pós-emergência tardia (capim-massambará com 4 a 6 folhas), nas doses de 50, 60 e 80g/ha. Foram acrescentados tratamentos com atrazine + simazine (1500 + 1500g/ha), com e sem a adição de óleo mineral, nas mesmas épocas de aplicação do nicosulfuron. Verificou-se que o nicosulfuron apresentou excelente controle do capim massambará, atingindo 100% de controle aos 50 dias após a aplicação, independente das doses e épocas de aplicação. As aplicações de atrazine + simazine não mostraram controle satisfatório do capim massambará em pós-emergência, principalmente quando efetuadas tardias e com adição de óleo mineral. O controle do capimmassambará com nicosulfuron em pós-emergência inicial e tardia aumentou a produção de milho, respectivamente em 44 e 34%, em relação à testemunha não capinada. Não foi observado qualquer sinal de fitotoxicidade nas plantas de milho, em todos os tratamentos efetuados.

    Abstract in English:

    A field experiment was conducted at Rio Claro, SP, Brazil, during 1991/92 to evaluate the efficacy of nicosulfur on for post emergence control of johnsongrass (Sorghum halepense) in field com grown under conventional conditions. Nicosulfuron was applied on early postemergence, on johnsongrass with 2 to 5 leaves, at rates of 40, 50, 60 e 80g/ha, and late post emergence (4 to 6 leaves) at rates of 50 , 60 an d 80 g/ ha . Two additional treatments of atrazine + simazine (1500 + 1500g/ha), with and without mineral oil, were applied at the same time of nicosulfuron. Treatments of nicosulfuron showed an exellent control of Johnsongrass, irrespectively of rate and timing appli catio n, reaching 100% control at 50 days after application. Atrazine + simazine treatments were no effective on johns ongrass control mainly at late postemergence application with addition of mineral oil. Corn yield increased 44 and 34%, respectively, on early and late postemergence applications of nicosulfuron. No com injury was observed for any herbicide treatments.
  • Potencial alelopático de forrageiras tropicais: efeitos sobre invasoras de pastagens

    Souza Filho, Antonio Pedro S.; Rodrigues, Luis Roberto A.; Rodrigues, Teresinha Jesus D.

    Abstract in Portuguese:

    Extratos aquosos de sementes, parte aérea e raízes de três gramíneas e três leguminosas forrageiras foram preparados a uma concentração de 10%, com o objetivo de avaliar os efeitos potencialmente alelopáticos sobre a germinação de sementes e o alongamento da radícula das invasoras de pastagens: desmódio, guanxuma e assa-peixe. A germinação foi monitorada em períodos de dez dias, com contagens diárias e eliminação das sementes germinadas. O alongamento da radícula era medido ao final de um período de dez dias de crescimento. Os efeitos do potencial osmótico foram isolados através de cálculos. As espécies doadoras evidenciaram potencialidades alelopáticas que variou de intensidade em função da especificidade entre espécies doadoras e receptoras. B. brizantha e calopogônio foram as espécies que promoveram as reduções mais intensas sobre a germinação das sementes e o alongamento da radícula das espécies receptoras. A parte aérea das espécies doadoras constituiu-se na principal fonte de substâncias potencialmente alelopáticas, solúveis em água. Independentemente da espécie doadora, desmódio e guanxuma foram as invasoras que se mostraram mais susceptíveis aos efeitos potencialmente alelopáticos, enquanto o assapeixe foi a mais tolerante.

    Abstract in English:

    Aqueous extracts from seeds, aerial part and roots of grasses Brachiaria humidicola, Brachiaria decumbens and Brachiaria brizantha cv. Marandu and legumes forage Calopogonium mucunoides and Stylosant hes guianensi s cv. Mineirão were prepared in a concentration of 10% (w/v), to evaluate the allelopathic potential effects on seed germination and radicle elongation of the pasture weeds: Desmodium adscendens, Sida rhombifolia and Vernonia polyanthes. Seed germination was monitored in ten-day periods, with daily countand elimination of seed germination. At the end of the ten-day periods the radicle was measure d. The osmot ic potential effects were isolated by calculation. The donor species showed allelopathic potential that varied in function of donor and receiver species. Brachiaria brizantha and among grasses and Calopogonium mucunoides among legumes were the species that promoted the reduction more intensively on seed germination and radicle elongation of the receiver species. The aerial part of the donor species was the main source of water soluble allelopathic potential compounds. Independently of the donor species, D. adscendens and S. rhombifolia were the weeds with the greatest sensibility to allelopathic potencial effects from donor species, while V. polyanthes showed more tolerance.
  • Superação da dormência de sementes de capim-carrapicho

    Martins, Cibele C.; Velini, Edivaldo D.; Martins, Dagoberto

    Abstract in Portuguese:

    O objetivo desta pesquisa foi o de identificar tratamentos que, capazes de superar a dormência das sementes de Cenchrus echinatus, fossem favorá veis à germinação e passíveis de serem aplicados visando semeadura à campo. Para tanto, 4 lotes de sementes foram submetidos a tratamentos de escarificação mecânica, de retirada do invólucro de brácteas espinhosas e das glumas para a separa ção da cariopse , de imer são em KNO3 (1%) por 5 e 20 minuto s, imer sã o em KNO3 (1, 3 e 5%) por 5 minutos, de imersão em H2O por 5 minutos, de armazenamento a 5°C/ 7 dias, de exposição à 40, 55 e 70°C/ 8h em estufa com circulação forçada de ar e de imersão em H2SO4 (98%, 36N) por 1; 5 e 15 minutos seguida por lavagem em água co rren te. As sementes tratadas foram avaliadas por meio dos testes de germinação e de emergência de plântulas; de primeira contagem de germinação e de emergência de plântulas, de velocidade germinação e de emergência. Os tratamentos de escarificação mecânic a, da cariopse nua e de imersão das sementes em KNO3 (1 a 3%) por 5 minutos são técnicas de superação da dormência capazes de implementar a emergência em condições de campo.

    Abstract in English:

    The main goal of this research was to identify those treatments that besides being capable of overcoming dormancy in Cenchrus echinatus seeds were favorable to germination and liable to field use. Four seed lots were submitted to mechanical escarafication, cariopse excised, KNO3 (1%) immers ion fo r 5 and 20 minutes, KNO3 (1, 3 e 5%) immersion for 5 minutes, H2O immers ion for 5 minute s, 5°C/7 days storage, thermal treatments at 40, 55,and 70°C/8h in air circulating oven, H2SO4 (98%, 36N) immersion fo r 1, 5, and 15 minutes. Treated seeds were evaluated by means of the standard germination test and emerging seedlings, first germination and emergence count, germination and emergence speed. The use of mechanical escarafication, cariopse excised, KNO3 (1 - 3%) immersion for 5 minutes are dormancy overcoming techniques able to promote field emergence.
  • Patron de nombres vulgares de malezas difundidas en Argentina y Brasil

    Della Penna, Angela B.; Verdejo, J. A.

    Abstract in Portuguese:

    A designação científica das espécies vegetais consideradas plantas daninhas é a mesma em qualquer parte do mundo, o que facilita o seu estudo e intercâmbio de informações entre os pesquisadores que se dedicam a ciência das plantas daninhas. O lavrador, o produtor, o extensionista e as vezes também o pesquisador necessitam referir-se a planta daninha, com fins práticos, por seus nomes vulgares ou populares mais conhecidos. Esta lista inclue o nome científico e os nomes vulgares mais comuns em castelhano, português e inglês de plantas daninhas pertencentes a famílias botânicas amplamente difundidas em diferentes regiões da Argentina e Brasil. Para a eleboração da presente listagem agrupou-se plantas daninhas por famílias e ordenou-se alfabeticamente.

    Abstract in English:

    The scientific names of the vegetable species considered weeds are the same in every country of the world. This makes easy the study and exchange of information among those who work with Malherbology. But farmers, agriculturists, extensionists, and sometimes researchers need to refer to the weeds using their common names. This list includes the popular names of the weeds that are commonly distributed in Argentina and Brazil and their botanic and english names. The weeds are grouped in botanic families and following an alfabetic order.
  • Avaliação da eficiência do herbicida sulfentrazone no controle da tiririca, na cultura da cana-de-açúcar

    Orsi Júnior, Florindo

    Abstract in Portuguese:

    O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar a eficiência do herbicida sulfentrazone no controle de tiririca (Cyperus rotundus L.) e a sua seletividade na cultura da cana-de-açúcar. O ensaio foi instalado no município de Santa Bárbara do Oeste - São Paulo. O solo da áre a experimental apresenta textura leve, sendo classificado como Podzólico Vermelho Amarelo. A variedade utilizada foi RB 76-5418, plantada dia 13/01/94. 0 delineamento experimental foi de blocos ao acaso com quatro repetições. A aplicação foi feita com um pulver izador cos tal pre ssur izado a CO2, com pressão de trabalho de 2,106 kg/cm2 (30 psi), equipado com bicos de jato plano do tipo Teejet 11 00 3 XR e com consumo de cald a de 300 litros/ha. A operação foi realizada no dia 20 de janeiro de 1994 , com so lo úmido e em pré emergência da cultura e das plantas daninhas. Os tratamentos utilizados foram: testemunha sem capina; testemunha capinada; sulfentrazone aplicado nas doses de 500, 600, 700, 800:900 e 1000g i.a./ha. A tiririca foi a planta daninha predominante na área, alcançando 312 manifestações epígeas/m2 aos 30 dias após aplicação. Avaliou-se a eficiência, a intensidade das injúrias provocadas e várias características referentes ao cres cimento e produtividade da cultura. Verificou-se que o herbicida sulfentrazone apresentou bom controle da tiririca em doses iguais ou superiores a 800g i.a./ha. Em todas as doses o herbicida foi seletivo à cultura de cana-de-açúcar, não afetando a altura de plantas, o estande, a produtividade e a qualidade industrial dos colmos obtidos.

    Abstract in English:

    This experiment was carried out in Santa Bárbara do Oeste - SP - Brazil. The objective was to evaluate the efficacy of the herbicide sulfentrazone in the control of purple-nutsedge (Cyperus rotundus L.), and its selectivity on sugar cane. The soil of the area has high and low contents of sand (6 5.4%) and organic matter (1.6%), respectivelly. The sugar cane cultivar RB 76-5418 was planted on January 13, 1994. The experiment was designed in randomized blocks with four replications. The application equipment was a back pack sprayer with Teejet 110.03 XR nozzles, working at the pressure of 30 psi. The application volume was 300 Ilha. The herbicide was applied on January 20th; the soil was wet. The treatments were as follows: weedy and weed free checks; sulfentrazone applied in pre-emergence at the rates of 500, 600, 700, 800, 900 and 1000g a. ilha. The major weed was Cyperus rotundus with an average populational density of 312 plants/m2, 30 days after application. Sulfentrazone was selective to sugarcane at any rate and showed high control of purple-nutsedge in dosages iqual or superior to 800g a ilha.
Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas Departamento de Fitotecnia - DFT, Universidade Federal de Viçosa - UFV, 36570-000 - Viçosa-MG - Brasil, Tel./Fax::(+55 31) 3899-2611 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: rpdaninha@gmail.com