Descrição de seus filhos por mães brasileiras: dimensões de autonomia e relação

O desenvolvimento do self é orientado por trajetórias de autonomia, interdependência e de autonomia relacionada. Este estudo visou investigar como mães brasileiras descrevem seus filhos e a presença de autonomia e relação em suas descrições. Mães (N=94) com crianças de 17 a 22 meses de idade, foram entrevistadas. Os adjetivos mais usados foram inteligente e ativo, amoroso e carinhoso. As crianças foram descritas com mais características positivas de temperamento do que negativas. Não houve diferença significativa entre a proporção de descritores na categoria de independência e de interdependência, indicando a tendência para um modelo autônomo relacionado, corroborando resultados de estudos anteriores. O estudo traz evidências de trajetórias de socialização de mães brasileiras e contribui para a literatura sobre crenças parentais.

crenças maternas; autonomia; relação


Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília, 70910-900 - Brasília - DF - Brazil, Tel./Fax: (061) 274-6455 - Brasília - DF - Brazil
E-mail: revistaptp@gmail.com