Accessibility / Report Error

Propriedades Psicométricas do Inventário de Fatores Psicológicos de Doenças Relacionadas ao Trabalho: Um Estudo com Trabalhadores de Frigoríficos

Psychometric Properties of the Psychological Factors of Deseases Related Work Inventory: A Study with Workers of the Meat Processing Industry

Propiedades Psicométricas do Inventario de Factores Psicológicos de las Enfermedades Relacionadas al Trabajo: Un Estudio con Trabajadores de Frigoríficos

Romilda Guilland Roberto Moraes Cruz Erikson Kaszubowski Sobre os autores

Resumo

Este estudo avaliou as propriedades psicométricas do Inventário de Fatores Psicológicos em Doenças Relacionadas ao Trabalho (IP-T), com base em indicadores de validade de critério, validade de construto e fidedignidade. A amostra foi composta por 355 trabalhadores de indústrias de abate de suínos, aves e outros pequenos animais, da região oeste do Paraná. Foram também utilizados: o Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20) e a Escala de Ansiedade e Depressão (HADS). As subescalas do IP-T se mostraram preditoras positivas da condição de afastamento por doença ocupacional, com sensibilidade e especificidade razoáveis. A matriz de correlação entre as escalas mostrou-se uniforme, com coeficientes entre 0,80 e 0,91, sugerindo convergência entre as subescalas do IP-T e outras escalas, mas indicando fraco poder discriminativo. Os índices de fidedignidade das subescalas do IP-T mostraram-se satisfatórios: entre 0,95 (Ansiedade) e 0,78 (Habilidades Sociais).

Palavras-chave:
transtorno mental; propriedades psicométricas; teste psicológico; doenças ocupacionais; frigoríficos

Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia R. Waldemar César da Silveira, 105, Vl. Cura D'Ars (SWIFT), Campinas - São Paulo, CEP 13045-510, Telefone: (19)3779-3771 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: revistapsico@usf.edu.br