Inventário de Depressão de Beck - BDI: validação fatorial para mulheres com câncer

Beck Depression Inventory - BDI: factorial analysis for women with cancer

Rita de Cássia Gandini Maria do Carmo Fernandes Martins Marjorie de Paula Ribeiro Daniela Torres Gonçalves Santos Sobre os autores

Este estudo teve por objetivo validar fatorialmente o Inventário de Depressão de Beck - BDI para uma amostra de 208 mulheres com câncer. A validação fatorial do BDI foi realizada por meio da análise fatorial, método de extração dos componentes principais e rotação oblimin, tendo sido identificadas duas soluções fatoriais, uma bifatorial - sendo F1 composto por 8 itens (a = 0,82) denominado "visão negativa de si mesmo", explicando 32,4% da variância e F2 com 5 itens (a = 0,77) denominado "função física", explicando 8% da variância - e outra unifatorial com 13 itens, com fidedignidade altamente satisfatória (a = 0,86) denominada "depressão", explicando 38% da variância total.

Depressão; Câncer; Inventário de Depressão de Beck; Análise fatorial; BDI


Universidade de São Francisco, Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Psicologia R. Waldemar César da Silveira, 105, Vl. Cura D'Ars (SWIFT), Campinas - São Paulo, CEP 13045-510, Telefone: (19)3779-3771 - Campinas - SP - Brazil
E-mail: revistapsico@usf.edu.br