Avaliação física e dos níveis séricos de cortisol de bezerros neonatos da raça Nelore, nascidos de partos normais e auxiliados

Physical and serum cortisol levels evaluation of Nelore newborn calves born by normal and laborious parturition

Everton R.F. Gasparelli Diogo G. Camargo Rodrigo Yanaka Luiz C.N. Mendes Juliana R. Peiró Fernanda Bovino Sílvia H.V. Perri Francisco L.F. Feitosa Sobre os autores

O presente trabalho visou avaliar a vitalidade e os níveis séricos de cortisol de bezerros neonatos, nascidos de partos eutócicos e auxiliados, bem como determinar os índices de partos distócicos em vacas receptoras de embriões nelores. Cerca de 310 bezerros foram avaliados. Observou-se a ocorrência de 38 partos distócicos (38/310) e de oito abortos (8/310). Os bezerros nascidos de partos distócicos mais duradouros, entre quatro e seis horas, apresentaram os maiores valores médios de frequência respiratória e dos níveis séricos de cortisol. A temperatura retal foi mais elevada em animais nascidos de partos laboriosos do que naqueles nascidos de partos normais. As taxas de morbidade e mortalidade em animais neonatos nelores foram de 77,93% e 3,44%, respectivamente. O emprego do escore APGAR, ao nascimento, demonstrou que 90% dos bezerros apresentavam-se deprimidos, independente do tipo de nascimento.

Bezerro; parto; cortisol; escore APGAR


Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA Pesquisa Veterinária Brasileira, Caixa Postal 74.591, 23890-000 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, Tel./Fax: (55 21) 2682-1081 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: pvb@pvb.com.br
Accessibility / Report Error