Hormônios tireoidianos afetam a decidualização e a angiogênese na decídua e glândula metrial de ratas

Cíntia A. Souza Juneo F. Silva Camila L.R. Silva Natália M. Ocarino Rogéria Serakides Sobre os autores

RESUMO:

Este estudo teve como objetivo avaliar os efeitos dos hormônios tireoidianos sobre a decídua e a glândula metrial pela análise da expressão de fatores angiogênicos em ratas. 72 ratas adultas, fêmeas foram distribuídas nos grupos hipotiroideo, tratado com T4 e controle. Aos 10, 14 e 19 dias de gestação (DG), a decídua e a glândula metrial foram coletadas para avaliação histomorfométrica e imunoistoquímica da expressão de VEGF, Flk-1 e Tie-2. O hipotireoidismo reduziu a área da decídua aos 10 e 19 DG. Além disso, o VEGF aumentou aos 10 e 14 DG e o Flk-1 apenas aos 14 DG, mas ambos foram reduzidos aos 19 DG na glândula metrial sem alterar significativamente a área ocupada pelos vasos sanguíneos. As ratas tratadas com T4 apresentaram aumento do número de vasos sanguíneos na decídua aos 10 e 19 DG. Além disso, aos 10 DG, o excesso de T4 resultou no aumento de Flk-1 na decídua e na glândula metrial. O hipotireoidismo aumentou o Tie-2 em 10 e 19 DG na decídua e na glândula metrial. Desta forma, pode-se concluir que o hipotireoidismo reduz a área da decídua e aumenta a expressão de VEGF, Tie-2 e Flk-1. O excesso de T4 promove a angiogênese tecidual ao aumentar o número de vasos na decídua devido ao aumento da expressão de Flk-1.

TERMOS DE INDEXAÇÃO:
Hormônios tireoidianos; decidualização; angiogênese; decídua; glândula metrial; ratas; tiroxina; PTU

Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA Pesquisa Veterinária Brasileira, Caixa Postal 74.591, 23890-000 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, Tel./Fax: (55 21) 2682-1081 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: pvb@pvb.com.br