• Atypical actinobacillosis in bulls in Argentina: granulomatous dermatitis and lymphadenitis Livestock Diseases

    Margineda, Carlos A.; Odriozola, Ernesto; Moreira, Ana Rita; Cantón, Germán; Micheloud, Juan Francisco; Gardey, Pedro; Spetter, Maximiliano; Campero, Carlos M.

    Abstract in Portuguese:

    A actinobacilose é causa comum de infecções esporádicas em bovinos. Esta afeção tem sido caracterizada como uma infecção piogranulomatosa não somente da língua como também de tecidos moles tais como linfonodos, ou outras localizações no trato digestivo e na pele. O objetivo do presente trabalho é descrever um episódio de dermatite piogranulomatosa e linfadenite que afetou um rebanho de touros na Argentina em 2010. As amostras recolhidas de um dos animais afetados permitiram o isolamento de Actinobacillus lignieresii. Observaram-se as lesões características da doença. Habitualmente não são comuns outras lesões para além das descritas como "língua de pau", no entanto, a actinobacilose deve ser incluída como um possível diagnóstico diferencial de doenças cutâneas.

    Abstract in English:

    Actinobacillosis is a common cause of sporadic infection in cattle. It was mostly characterized as a pyogranulomatous inflammation of the tongue, but also soft tissues as lymph nodes, other digestive tract localization and skin. The aim of this study was to describe an episode of granulomatous dermatitis and lymphadenitis affecting a bull herd in Argentina during 2010. Actinobacillus lignieresii was isolated from samples collected from one of the affected bulls, and characteristic lesions were observed. Lesions other than 'wooden tongue' are usually uncommon; however, actinobacillosis should be included as a differential diagnosis for cutaneous diseases.
  • Effect of oral administration of Propionibacterium acnes on growth performance, DTH response and anti-OVA titers in goat kids Livestock Diseases

    Ferrer, Luis Miguel; Fernández, Antonio; Loste, Araceli; Ortín, Aurora; Lacasta, Delia; Ramos, Juan José; Verde, María Teresa; Conde, Tomás

    Abstract in English:

    Immunostimulants are susbstances that stimuli the response of effector cells to activate the immune response such as antigen uptake, cytokine release or antibody response. These substances can increase resistence to infection by different types of microorganisms, reducing dependence of antibiotics used in livestock animals. Recent reports have demonstrated the positive effect of Propionibacterium acnes (P. acnes) to control animal diseases. In this study, we evaluated the effect of the non-specific immunostimulant P. acnes on immunological functions and growth performance in goat kids. Twenty five goat kids served as control group (A) and another 25 animals received P. acnes being the experimental group (B). Kids were challenged with ovalbumin (OVA) to assess humoral immunity. To assess in vivo cell immunity, delayed type hypersensitivity (DTH) test with phytohemagglutinin (PHA) was used, clinical signs and body weight were recorded each week until 9 weeks of age when the experiment ended. Blood samples were obtained to analyze serum proteins fractions and anti-OVA specific antibodies. No clinical signs of disease and no differences (p>0.05) on body weight between groups were recorded (7.32±0.81 kg in group A, 7.13±0.65 kg in group B). Goat kids from group B had more total protein (59.8±5g/l) and albumin levels (32.8±3.3g/l) than goat kids from group A (56.6±5.7 g/l, 29.6±3.9 g/l respectively) (p<0.05). DTH response in goat kids from group B on day 42 was higher (p<0.05) than group A. At day 63, goat kids from group receiving P. acnes had higher percentage (85.4) of anti-OVA IgM titers (p<0.05) than control group (57.7). In conclusion, the results showed that oral administration of P. acnes to goat kids improved some aspects of the immune system of the animals and it could be used to control goat diseases.
  • Uso de probiótico sobre a ativação de células T e controle de Salmonella Minnesota em frangos de corte Animais de Produção

    Lourenço, Mariana C.; Kuritza, Leandro N.; Westphal, Patrick; Miglino, Leonardo B.; Pickler, Larissa; Kraieski, Antonio L.; Santin, Elizabeth

    Abstract in Portuguese:

    Para avaliar o efeito do probiótico sobre a resposta imunológica de frangos de corte desafiados com Salmonella Minnesota (SM), 60 frangos foram divididos em três grupos: CN- (controle negativo) aves que não foram inoculadas com SM, CP- (controle positivo) aves inoculadas com SM e Probiótico- aves suplementadas na ração com probiótico composto de Lactobacillus acidophilus, L. plantarium, L. rhamnosus, L. bulgaricus, Enterococcus faecium, Streptococcus thermophilus e Bifidobacterium bifidum e desafiadas com SM. Aos 14 dias foi realizada a inoculação com SM e aos 7 e 35 dias foram quantificadas células caliciformes, CD4+ e CD8+ na mucosa intestinal do íleo e ceco. Aves suplementadas com probióticos aos 7 dias de idade apresentaram aumento significativo (P≤0,05) de células caliciformes e CD4+ no íleo e de células CD8+ no ceco. Aos 35 dias houve aumento significativo (P≤0,05) das células CD8+ nas aves inoculadas do CN e Probiótico. A utilização de probióticos proporcionou redução significativa (P≤0,05) da contagem de Salmonella sp.

    Abstract in English:

    To evaluate the effect of probiotics on the immune response of broiler chickens challenged with Salmonella Minnesota (SM), 60 chickens were divided into three groups: CN - Birds that were not inoculated with SM (negative control), CP - birds inoculated with SM (positive control) and Probiotic- birds supplemented with probiotic consisting of Lactobacillus acidophilus, L. plantarium, L. rhamnosus, L. bulgaricus, Enterococcus faecium, Streptococcus thermophilus and Bifidobacterium bifidum in diet and inoculated with SM. At 14 days the birds were challenged with SM, and at 7 and 35 days were quantified goblet cells, CD4 + and CD8 + intestinal mucosa of the ileum and cecum. Birds supplemented with probiotics, at 7 days of age showed a significant increase (P≤0.05) of goblet cells in the ileum and CD4 + and CD8 + cells in the cecum. At 35 days there were significant (P≤0.05) of CD8 + cells in birds inoculated on CN and Probiotic. The use of probiotics provided a significant reduction (P≤0.05) of Salmonella sp. counts.
  • A multidisciplinary approach to diagnose naturally occurring bovine tuberculosis in Brazil Livestock Diseases

    Marassi, Carla D.; Medeiros, Luciana; Figueiredo, Eduardo; Fonseca, Leila S.; Duarte, Rafael; Paschoalin, Vania; Oelemann, Walter M.R.; Lilenbaum, Walter

    Abstract in Portuguese:

    Um rebanho bovino naturalmente infectado por tuberculose foi analisado através de diferentes métodos diagnósticos. Um teste intradérmico simples (TIC) identificou 21 animais como positivos. Após 90 dias deste resultado, um teste intradérmico comparativo (TIC) foi aplicado nos 21 animais positivos ao TIS, além de outros 29 animais com resultados prévios negativos escolhidos aleatoriamente. De todos estes animais (50), foram coletadas amostras de leite e secreção nasal para isolamento e identificação de microrganismos por cultura e PCR; amostras de sangue de cada um dos animais foram coletadas para exames de ELISA: produção de Interferon-gama (IFN) e pesquisa de anticorpos frente aos antígenos MPB70 e MPB83. Tais amostras sanguíneas foram coletadas em três diferentes momentos: no dia da execução do TIC e nos dias dia 7 e dia 21 após a execução do TIC. Os animais que foram positivos a este teste foram abatidos; exames de identificação do agente, tais como cultivo e PCR foram realizados post-mortem para confirmação da doença. Baseado na análise Kappa, IFN apresentou resultados estatisticamente comparáveis aos resultados de isolamento e identificação bacteriana por cultura e PCR, além do TIC ao longo de todo o experimento. No entanto, TIC, ELISA e IFN não foram estatisticamente comparáveis. Tais resultados sugeriram que nenhum dos atuais métodos de diagnóstico para tuberculose possibilitou a identificação de todos os animais infectados. Por este motivo, uma estratégia mais abrangente deveria incluir métodos de diagnóstico que pudessem identificar a resposta imune celular e humoral, uma vez que animais de um mesmo rebanho poderiam se encontrar em diferentes estágios da infecção.

    Abstract in English:

    A herd infected naturally with tuberculosis was investigated by different diagnostic methods. Ninety days after a screening test that identified 21 cows as skin test positive, a Comparative Intradermal Tuberculin Test (CITT) was performed in those 21 cows and in 29 other randomly selected skin test negative cows. Milk samples and nasal swabs were collected prior to the CITT for bacteriological culture and PCR, while blood samples were collected for IFN release and antibody responses to MPB70 and MPB83, at three time points post tuberculin injection. Animals positive by CITT were slaughtered and disease confirmation undertaken. Based on the Kappa test, IFN was comparable to the standard tests (culture, PCR and CITT) at all three sampling points. Results from both antibody ELISAs were similar but were not comparable to the standard tests. T-test analysis of the CITT, IFN and ELISAs demonstrated that their performances were not correlated. There is increasing recognition that individually, available diagnostic tests do not detect all infected cattle. Therefore, a comprehensive strategy for the diagnosis of bovine TB should include test results for the detection of both cellular and humoral immune responses where there may be animals at different stages of infection.
  • Doenças de ovinos diagnosticadas no Laboratório de Anatomia Patológica Animal da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (1996-2010) Animais de Produção

    Almeida, Thiago L.; Brum, Karine B.; Lemos, Ricardo A.A.; Leal, Cassia R.B.; Borges, Fernando A.

    Abstract in Portuguese:

    Nas últimas décadas a pecuária ovina cresceu significativamente no Brasil. Concomitantemente, grupos de pesquisas e laboratórios de diagnósticos realizam estudos retrospectivos com a finalidade de fornecer subsídios técnico-científicos para os médicos veterinários. Desta forma, realizou-se um estudo de prevalência nos arquivos do Laboratório de Anatomia Patológica Animal (LAP) da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) no período de Janeiro de 1996 a Dezembro de 2010. O Laboratório de Bacteriologia da UFMS e o Setor de Patologia Veterinária da Universidade Federal do Rio Grande do Sul forneceram apoio diagnóstico nos casos de mannheimiose pulmonar e scrapie, respectivamente. Os laudos da espécie ovina foram revisados e agrupados em conclusivos e inconclusivos, dos quais foram excluídos os casos experimentais e de outros estados e países. Os casos conclusivos foram classificados de acordo com a etiologia da doença. Os exames da espécie ovina somaram 331 laudos (3,97 %) de um total de 8.333 casos diagnosticados no período. Destes, foram excluídos sessenta e quatro (19,3%) casos experimentais e materiais oriundos de outros estados ou países. Dos 267 casos remanescentes, 87 (32,6%) foram inconclusivos e 180 (67,4%) considerados conclusivos, sendo 60 (33,3%) doenças infecciosas e parasitárias; 45 (25%) intoxicações e toxi-infecções; 41 (22,8%) "lesões sem causa definida"; 22 (12,2%) doenças metabólicas e nutricionais; 10 (5,6%) foram classificadas como "outros distúrbios" e 2 (1,1%) neoplasmas. A hemoncose, intoxicação por Brachiaria spp., pleuropneumonias, broncopneumonias, pneumonias fibrinonecrosante ou fibrinossupurativa sem causa definida e a intoxicação por cobre foram as doenças mais prevalentes no período estudado. Dois casos de scrapie foram diagnosticados no período.

    Abstract in English:

    Sheep farming has increased significantly in Brazil during the last decades. Concurrently, research groups and diagnostic laboratories compile data and perform retrospective studies to provide important insight for professionals. A prevalence study from January 1996 to December 2010 was carried out in the archives of Laboratório de Anatomia Patológica Animal (LAP), Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS). Laboratório de Bacteriologia, UFMS, and Setor de Patologia Veterinária at Universidade Federal do Rio Grande do Sul helped on the diagnostic of pulmonary mannheimiosis and scrapie respectively. The reports for sheep were reviewed and grouped into conclusive and inconclusive ones. The conclusive cases were classified according to the etiology of the disease. In the period, 331 exams (3.97%) were done. Sixty-four experimental cases and materials from other states or countries (19.3%) were excluded. Remaining cases (267), eighty-seven (32.6%) were inconclusive and 180 (67.4%) were considered conclusive reports, were classified according to the etiology: 60 (33.3%) infectious and parasitary diseases; 45 (25%) were poisonings and toxi-infections; 41 (22.8%) were summarized as "injuries without apparent cause"; 22 (12.2%) cases of metabolic and nutritional diseases; 10 (5.6%) were classified as "other disorders" and 2 (1.1%) case of neoplasms. Haemonchosis, fibrinonecrotic or fibrinopurulent pleuropneumonia, bronchopneumonia and pneumonia, poisonings by Brachiaria spp. and copper poisoning were the most prevalent diseases in sheep. Two cases of scrapie have been diagnosed in this period.
  • Diagnosis and clinic-pathological findings of influenza virus infection in Brazilian pigs Livestock Diseases

    Rajão, Daniela S.; Couto, Diego H.; Gasparini, Marcela R.; Costa, Adrienny T.R.; Reis, Jenner K.P.; Lobato, Zélia I.P.; Guedes, Roberto M.C.; Leite, Rômulo C.

    Abstract in Portuguese:

    O vírus influenza A (IAV) é um patógeno respiratório comum de suínos e faz parte do complexo de doenças respiratórias do suíno (PRDC) junto com outros agentes infecciosos. O objetivo deste estudo foi diagnosticar e realizar a caracterização clínica e patológica de casos/surtos de influenza em suínos brasileiros. Foram utilizadas amostras de tecido pulmonar de 86 suínos de 37 granjas de ciclo completo e duas unidades produtoras de leitões localizadas em Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Mato Grosso. A detecção viral em fragmentos pulmonares frescos foi realizada através do isolamento viral e da transcrição reversa-PCR em tempo real quantitativa (qRT-PCR). Exame patológico e imuno-histoquímica (IHQ) foram realizados em 60 amostras de pulmão fixadas em formalina 10% e embebidas em parafina. As amostras eram de animais apresentando tosse, espirros, secreção nasal, hipertermia, prostração, apatia, anorexia, perda de peso e ganho de peso reduzido, com duração entre cinco e 10 dias. O vírus influenza foi isolado de 31 (36,0%) amostras e 36 (41,9%) foram positivas na qRT-PCR. Na IHQ, 38 (63,3%) amostras foram positivas e a lesão mais frequentemente observada foi a presença de infiltrado inflamatório na parede e lúmen de vias aéreas (76,7%). Estes resultados indicam que o vírus influenza está circulando e causando lesões e doença respiratória em suínos de diversos Estados do Brasil.

    Abstract in English:

    Influenza A virus (IAV) is a respiratory pathogen of pigs and is associated with the porcine respiratory disease complex (PRDC), along with other respiratory infectious agents. The aim of this study was to diagnose and to perform a clinic-pathological characterization of influenza virus infection in Brazilian pigs. Lung samples from 86 pigs in 37 farrow-to-finish and two farrow-to-feeder operations located in the States of Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, and Mato Grosso were studied. Virus detection was performed by virus isolation and quantitative real time reverse-transcription PCR (qRT-PCR). Pathologic examination and immunohistochemistry (IHC) were performed in 60 lung formalin-fixed paraffin-embedded tissue fragments. Affected animals showed coughing, sneezing, nasal discharge, hyperthermia, inactivity, apathy, anorexia, weight loss and growth delay, which lasted for five to 10 days. Influenza virus was isolated from 31 (36.0%) lung samples and 36 (41.9%) were positive for qRT-PCR. Thirty-eight (63.3%) lung samples were positive by IHC and the most frequent microscopic lesion observed was inflammatory infiltrate in the alveoli, bronchiole, or bronchi wall or lumen (76.7%). These results indicate that influenza virus is circulating and causing disease in pigs in several Brazilian states.
  • Comparação de kits ELISA® comerciais para anticorpos no soro e leite com um teste coproparasitológico em bovinos naturalmente infectados por Fasciola hepatica Animais de Produção

    Bernardo, Cíntia das C.; Avelar, Barbara R. de; Ignacchiti, Mariana D.C.; Martins, Isabella V.F.; Pereira, Maria J.S.

    Abstract in Portuguese:

    A fasciolose é uma enfermidade causada por um trematoda que acomete o fígado principalmente de ruminantes domésticos, podendo parasitar o homem e seu diagnóstico é realizado rotineiramente por exames coproparasitológicos. O objetivo do presente estudo foi comparar kits comerciais de ELISA para anticorpos no soro e leite com um teste coproprarasitológico em bovinos naturalmente infectados por Fasciola hepatica. Foram coletadas amostras de fezes (92) sangue (92) e leite (43) de bovinos provenientes de propriedades de gado leiteiro do município de Jerônimo Monteiro, sul do Estado do Espírito Santo. As amostras de fezes coletadas foram processadas pela técnica de sedimentação fecal para ovos de F. hepatica, utilizada como padrão ouro para as análises. Amostras de sangue e de leite foram processadas segundo a orientação do fabricante dos respectivos Kits ELISA comerciais testados. Utilizou-se o c² de McNemar para comparação estatística e calcularam-se a sensibilidade e especificidade, valores preditivos e kappa. Os resultados obtidos mostraram que as frequências de positividade pelo uso dos kits ELISA comerciais de soro e de leite diferiram significativamente (p<0,0001) em relação ao exame coproparasitológico. A sensibilidade dos Kits foi de 100%, porém possuíram baixa especificidade, 42,85 e 30% para o soro e leite respectivamente. O coeficiente de kappa mostrou concordância sofrível para os testes de soro (0,33) e de leite (0,21). Os valores preditivos positivos dos kits para soro e leite foram, respectivamente, 44,61 e 38,23% e, os valores preditivos negativos de 100% para ambos os testes. Apesar da maior sensibilidade dos kits ELISA comerciais e, destes apresentarem diferença em relação ao exame coproparasitológico na detecção dos animais positivos para F. hepatica, a escolha de um teste diagnóstico deve considerar o custo benefício. Quando se trata da presença de parasitismo em rebanhos, o tratamento é aplicado em todos os animais e, assim, o exame coproparasitológico para o diagnóstico da doença tem maior eficiência, já que é menos oneroso e de fácil execução.

    Abstract in English:

    The fascioliasis is a disease caused by a trematode that affects the liver mainly of domestic ruminants and can also parasite man; its diagnosis is routinely done by coprological methods. The aim of this study was to compare commercial ELISA kits for antibodies in serum and milk with a coprological test in cattle naturally infected by Fasciola hepatica. We collected fecal, blood and milk samples from cattle in the municipality of Jerônimo Monteiro, southern Espírito Santo state. The fecal samples were processed by the fecal egg sedimentation for F. hepatica, which is used as a gold standard for analyzis. Blood (92) and milk (43) samples were processed according to the manufacturer instructions of the respective commercial ELISA kits tested. We used the McNemar chi-square for statistical comparison and calculated the sensitivity, specificity, predictive values, and kappa. The results showed that the frequency of positivity for the commercial serum ELISA kits (χ2=34.02) and milk (χ2=19.04) differed significantly (p<0.0001) compared with fecal egg sedimentation. The sensitivity of the kits was 100%, but possessed low specificity, 42.85 and 30% for serum and milk respectively. The coefficient kappa showed agreement for testing serum (0.33) and milk (0.21). The positive predictive value of the kits for serum and milk were respectively 44.61% and 38.23%, and negative predictive values were 100% for both tests. Despite the increased sensitivity of commercial ELISA kits and the difference in relation to the fecal egg sedimentation test for detection of F. hepatica positive animals, the choice of a diagnostic test should consider the effectiveness. When a herd is affected by parasitism, treatment is applied to all animals; so, the fecal egg sedimentation test for the diagnosis of disease in the field is most efficient, as the test is cheap and easy to perform.
  • Prokaryotic expression of a truncated form of bovine herpesvirus 1 glycoprotein E (gE) and its use in an ELISA for gE antibodies Livestock Diseases

    Oliveira, Stephan A.M.; Brum, Mário Celso S.; Anziliero, Deniz; Dellagostin, Odir; Weiblen, Rudi; Flores, Eduardo F.

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho relata a expressão de uma forma truncada da glicoproteína E (gE) do herpesvírus bovino tipo 1 (BoHV-1) para uso em imunodiagnóstico. Um fragmento de 651 pares de bases (pb) correspondente ao terço amino-terminal (217 aminoácidos) da gE do BoHV-1 - que compartilha uma alta identidade com a gE do BoHV-5 - foi clonada como proteína de fusão com cauda 6x de histidina em um vetor de expressão em Escherichia coli. Uma proteína solúvel de aproximadamente 25 kDa purificada de lisados de E.coli foi reconhecida em Western blot (WB) por anticorpos monoclonais anti-6xHis-tag e anti-gE. Além disso, a proteína recombinante purificada foi reconhecida em WB por anticorpos presentes no soro de animais soropositivos ao BoHV-1 e BoHV-5. Um ELISA indireto utilizando a proteína recombinante como antígeno apresentou performance comparável a um ELISA gE comercial e foi capaz e diferenciar sorologicamente animais vacinados com uma cepa gE-negativa de BoHV-5 de animais infectados com o BoHV-1. Portanto, a gE truncada pode ser útil em testes sorológicos diferenciais para uso conjunto com vacinas com marcador antigênico gE para o BoHV-1 e BoHV-5.

    Abstract in English:

    This article describes the expression of a truncated form of bovine herpesvirus 1 (BoHV-1) glycoprotein E (gE) for use as immunodiagnostic reagent. A 651 nucleotide fragment corresponding to the amino-terminal third (217 amino acids) of BoHV-1 gE - that shares a high identity with the homologous BoHV-5 counterpart - was cloned as a 6×His-tag fusion protein in an Escherichia coli expression vector. A soluble protein of approximately 25 kDa purified from lysates of transformed E. coli was recognized in Western blot (WB) by anti-6xHis-tag and anti-BoHV-1 gE monoclonal antibodies. In addition, the recombinant protein was specifically recognized in WB by antibodies present in the sera of cattle seropositive to BoHV-1 and BoHV-5. An indirect ELISA using the expressed protein as coating antigen performed comparably to a commercial anti-gE ELISA and was able to differentiate serologically calves vaccinated with a gE-deleted BoHV-5 strain from calves infected with BoHV-1. Thus, the truncated gE may be useful for serological tests designed to differentiate BoHV-1/BoHV-5 infected animals from those vaccinated with gE-negative marker vaccines.
  • Intoxicação espontânea por Cestrum intermedium em bovinos no Sudoeste do Estado do Paraná Animais de Produção

    Wouters, Angelica T.B.; Boabaid, Fabiana M.; Watanabe, Tatiane T.N.; Bandarra, Paulo M.; Correa, Gabriel L.F.; Wouters, Flademir; Mafessoni, Raquel M.; Driemeier, David

    Abstract in Portuguese:

    São descritos surtos de intoxicação espontânea por Cestrum intermedium em bovinos leiteiros do Município de Salgado Filho, sudoeste do Estado do Paraná, com morte de dezesseis bovinos de um total de 72 de quatro pequenas propriedades. O histórico obtido nessas propriedades incluía curso clínico agudo, com morte em menos de 24 horas. Em todas foram observadas elevada lotação por área com escassa pastagem disponível e grande quantidade de plantas arbustivas identificadas como C. intermedium e com sinais de terem sido consumidas pelos animais. Dois bovinos foram necropsiados e os achados mais importantes foram congestão de mucosas conjuntivais e vulvovestibular; hemorragias e evidenciação do padrão lobular no fígado; hemorragia, congestão e edema pulmonares; congestão esplênica e encefálica, além de hemorragias multifocais no coração. Amostras de tecidos desses bovinos foram avaliadas, com alterações histológicas importantes no fígado, caracterizadas por necrose acentuada de hepatócitos e hemorragia, indicativas de hepatopatia tóxica aguda e, no encéfalo, foram observadas alterações astrocitárias em substância branca de cérebro e cerebelo e na substância cinzenta do cerebelo, caracterizadas por tumefação celular com citoplasma amplo e eosinofílico, núcleo picnótico, ora excêntrico. Essas alterações astrocitárias foram evidenciadas pela técnica de imuno-histoquímica (IHQ), com imunomarcação fortemente positiva para os anticorpos anti-proteína S100 (anti-S100) e anti-proteína glial fibrilar ácida (anti-GFAP). O trabalho visa enfatizar em lesões encefálicas relacionadas à hepatotoxicidade aguda em bovinos.
  • Diagnosis of malignant catarrhal fever in cattle in Uruguay Animais de Produção

    Preliasco, Marcela; Easton, María C.; Paullier, Cecilia; Rivero, Rodolfo; Moraes, Danny Franciele S.D.; Godoy, Isabela; Dutra, Valéria; Nakazato, Luciano

    Abstract in Portuguese:

    Foi realizado um estudo retrospectivo de 14 focos de febre catarral maligna (FCM) em bovinos, detectados nos anos de 1999-2011, a partir dos arquivos da Seção Anatomia Patológica da Divisão de Laboratórios Veterinários (DILAVE) "Miguel C. Rubino" Montevideo. Foram analisados os dados epidemiológicos, apresentação clínica e lesões macroscópicas e histopatológicas. Para a detecção do herpesvírus ovino tipo 2 (OvHV-2) foi utilizada a técnica de PCR sobre as amostras do sistema nervoso central de bovinos de 12 focos. Os surtos ocorreram principalmente nos meses de primavera e verão, na região norte do país. Em 64% (9/14) dos focos ocorreram episódios individuais da enfermidade, enquanto que os casos coletivos foram 5, nos quais a morbidade e mortalidade oscilaram entre 2% e 5%, sendo a letalidade 100% em todos os relatos. Em 50% dos surtos foi confirmado o contato direto entre bovinos e ovinos, enquanto no restante não havia tal informação. Clinicamente predominaram os sinais de opacidade bilateral da córnea, conjuntivite, secreção nasal e ocular mucopurulenta, assim como a síndrome nervosa. Os achados de necropsia mais frequentes foram opacidade bilateral da córnea e lesões inflamatórias nas mucosas. Os achados histopatológicos caracterizaram-se por panvasculite necrótica sistêmica. Foi possível detectar o agente etiológico por PCR em 5 dos 12 casos analisados.

    Abstract in English:

    A retrospective study of 14 outbreaks of malignant catarrh fever (MCF) in cattle detected between 1999 and 2011 was performed based upon the files of the DILAVE "Miguel C. Rubino" Montevideo Pathology Laboratory. Epidemiological data, clinical presentation, gross and histopathological lesions were analyzed. PCR was used on central nervous system samples of 12 bovines for the detection of ovine herpesvirus type 2 (OvHV-2). The outbreaks occurred mainly in spring and summer in the northern region of the country. Sixty four percent (9/14) were individual episodes of the disease while five cases were collective, with morbidity and mortality rates were 2-5%, being the lethality 100% in all the reports. In 50% of the outbreaks the direct contact between cattle and sheep was confirmed, while there was not such information in the rest of the cases. Predominant clinical signs were bilateral corneal opacity, conjunctivitis, ocular and nasal mucopurulent discharge, and nervous syndrome. The most frequent necropsy findings were bilateral corneal opacity and inflammatory lesions in the mucosa. Histopathological findings were characterized by systemic necrotizing panvasculite. It was possible to detect the etiological agent by PCR in 5 out of 12 cases examined.
  • Low dose of dichloroacetate infusion reduces blood lactate after submaximal exercise in horses Livestock Diseases

    Ferraz, Guilherme C.; Brito, Helena C.D.; Berkman, Carolina; Albernaz, Raquel M.; Araújo, Renatha A.; Silva, Matheus H.M.; D'Angelis, Flora H. de F.; Queiroz-Neto, Antonio

    Abstract in Portuguese:

    A administração aguda de um ativador indireto da enzima piruvato desidrogenase (PD) em atletas da espécie humana provoca redução na concentração de lactato sanguíneo durante e após exercício. Uma dose única, intravenosa de 2.5m.kg-1 de dicloroacetato (DCA) foi administrada antes de um exercício teste incremental submáximo (ETI) com cinco etapas de velocidade sendo 5,0 ms-1 por 1 minuto e 6,0, 6,5, 7,0, e 7,5 ms-1 a cada 30 segundos em quatro éguas destreinadas. As coletas de sangue foram realizadas no período após o exercício, nos momentos de 1, 3, 5, 10, 15 e 20 min. Lactato e glicose (mM) foram determinados electro-enzimaticamente utilizando um analisador automático (YSI 2300). Houve redução de 15,3% no lactato sanguíneo total médio que foi determinado a partir dos valores obtidos em todos os momentos de avaliação em ambos os testes, após o exercício. Houve diminuição na lactatemia 1, 3, 5, 10, 15 e 20 minutos após exercício para as éguas que receberam infusão de DCA, com os respectivos valores médios de 6,31±0,90 versus 5,81±0,50, 6,45±1,19 versus 5,58±1,06, 6,07±1,56 versus 5,26±1,12, 4,88±1,61 versus 3,95±1,00, 3,66±1,41 versus 2,86±0,75 e 2,75±0,51 versus 2,04±0,30. Não houve diferença nas concentrações de glicose. Por meio de análise de regressão linear, V140, V160, V180 e V200 foram determinados (velocidades em que as taxas cardíacas alcançam 140, 160, 180 e 200 bpm, respectivamente). As velocidades relacionadas com a frequência cardíaca não diferiram, indicando que não houve efeito ergogênico, mas a administração prévia de uma dose relativamente baixa de DCA em éguas reduziu a lactatemia após um ETI.

    Abstract in English:

    The acute administration of an indirect activator of the enzyme pyruvate dehydrogenase (PDH) in human athletes causes a reduction in blood lactate level during and after exercise. A single IV dose (2.5m.kg-1) of dichloroacetate (DCA) was administered before a submaximal incremental exercise test (IET) with five velocity steps, from 5.0 m.s-1 for 1 min to 6.0, 6.5, 7.0 and 7.5m.s-1 every 30s in four untrained mares. The blood collections were done in the period after exercise, at times 1, 3, 5, 10, 15 and 20 min. Blood lactate and glucose (mM) were determined electro-enzymatically utilizing a YSI 2300 automated analyzer. There was a 15.3% decrease in mean total blood lactate determined from the values obtained at all assessment times in both trials after the exercise. There was a decrease in blood lactate 1, 3, 5, 10, 15 and 20 min after exercise for the mares that received prior DCA treatment, with respective mean values of 6.31±0.90 vs 5.81±0.50, 6.45±1.19 vs 5.58±1.06, 6.07±1.56 vs 5.26±1.12, 4.88±1.61 vs 3.95±1.00, 3.66±1.41 vs 2.86±0.75 and 2.75±0.51 vs 2.04±0.30. There was no difference in glucose concentrations. By means of linear regression analysis, V140, V160, V180 and V200 were determined (velocity at which the rate heart is 140, 160, 180, and 200 beats/minute, respectively). The velocities related to heart rate did not differ, indicating that there was no ergogenic effect, but prior administration of a relatively low dose of DCA in mares reduced lactatemia after an IET.
  • Orientações para o diagnóstico de influenza em suínos Animais de Produção

    Schaefer, Rejane; Rech, Raquel R.; Silva, Marcia C.; Gava, Danielle; Ciacci-Zanella, Janice R.

    Abstract in Portuguese:

    Este trabalho descreve a colheita adequada de amostras, as técnicas/procedimentos disponíveis para o diagnóstico de influenza A em suínos, assim como os resultados e suas respectivas interpretações, para auxiliar médicos veterinários de campo na identificação dessa doença. Em suínos vivos, as amostras adequadas são: secreção nasal, fluido oral e sangue (soro). Para suínos mortos, colher preferencialmente amostras de pulmão com consolidação cranioventral. Secreção nasal e fragmentos de pulmão refrigerado são utilizados para detectar partícula viral viável (isolamento viral - IV) ou ácido nucleico viral (RT-PCR convencional e RT-PCR em tempo real). As amostras não devem ser congeladas, pois o vírus é inativado a -20°C. A caracterização molecular dos isolados é feita pela análise filogenética obtida pelo sequenciamento de DNA. O soro é utilizado para a detecção de anticorpos (Acs) por meio do teste da inibição da hemaglutinação e ELISA. O fluido oral pode ser utilizado para detecção de anticorpo (ELISA) ou de vírus. Fragmentos de pulmão fixados em formol a 10% são examinados microscopicamente para identificar pneumonia broncointersticial e para detecção de antígeno viral pela imuno-histoquímica (IHQ). Para o sucesso do diagnóstico, as amostras devem ser colhidas de suínos que estão preferencialmente na fase aguda da doença, para aumentar as chances de detecção viral. As melhores opções para o diagnóstico de influenza A em suínos vivos são RT-PCR e isolamento viral de amostras de swab nasal ou fluido oral. Pulmão para análise por RT-PCR, isolamento viral ou IHQ é a amostra de escolha em suínos mortos. Testes sorológicos têm valor diagnóstico limitado e são utilizados apenas para determinar o estado imune do rebanho, não indicando doença clínica, pois os Acs são detectados 7-10 dias pós-infecção (fase subaguda). O diagnóstico de influenza é importante para avaliar o envolvimento desse agente no complexo de doença respiratória suína. Além disso, o isolamento do vírus influenza é essencial para o monitoramento dos principais subtipos circulantes em uma determinada região ou país, assim como para a detecção de novos rearranjos virais, já que influenza é considerada uma zoonose.

    Abstract in English:

    This article is intended to describe the adequate sample collection, the laboratory procedures/techniques, the expected results and their interpretation for diagnosis of influenza infection in swine, serving as a support for field veterinarians. In live pigs, the samples to be taken are nasal secretions, oral fluids and blood. For dead pigs, preference should be given to samples of cranioventral lung consolidation. Nasal discharge and chilled lung fragments are used for detection of virus (virus isolation - VI) or viral nucleic acids (conventional RT-PCR and real-time RT-PCR). Samples should not be frozen, because the virus is inactivated at -20°C. Molecular characterization of isolates is performed by phylogenetic analysis of gene sequences obtained by DNA sequencing. Serum is used for the detection of antibodies using hemagglutination inhibition (HI) test and ELISA. Oral fluid may be used for either antibody (ELISA) or viral detection. Fragments of lung fixed in 10% formaldehyde are used for histopathological analysis to identify bronchointerstitial pneumonia, and for immunohistochemistry (IHC) for antigens. For a successful diagnosis, sampling should be preferably performed in the acute phase of the disease to improve chances of virus detection. The best options to perform the diagnosis of influenza A in a swine herd are RT-PCR and VI from nasal swabs or oral fluid in live pigs and/or lung tissue for RT-PCR, VI or IHC in dead pigs. Serological tests are of very limited diagnostic value and are useful only to determine the immune status of the herd, not indicating clinical disease, because antibodies are detected after 7-10 days post infection (subacute phase). The diagnosis of influenza is important to evaluate the involvement of this agent in the complex of respiratory diseases in pigs. Furthermore, the isolation of influenza virus is essential for monitoring the main subtypes circulating in a given region or country, as well as for the detection of potential new viral reassortants, because influenza is considered a zoonosis.
  • Análise espacial do risco de leptospirose canina na Vila Pantanal, Curitiba, Paraná Pequenos Animais

    Bier, Daniele; Shimakura, Silvia E.; Morikawa, Vivien M.; Ullmann, Leila S.; Kikuti, Mariana; Langoni, Hélio; Biondo, Alexander W.; Molento, Marcelo B.

    Abstract in Portuguese:

    A leptospirose é uma grave zoonose associada às áreas de baixa renda dos centros urbanos. Embora roedores urbanos sejam considerados como principal reservatório para a leptospirose, o cão também pode desenvolver a doença e se tornar carreador assintomático. O objetivo do presente trabalho foi utilizar a metodologia estatística baseada na teoria de processos pontuais espaciais, buscando identificar a forma como se distribuem os cães sororreagentes para a leptospirose e seus determinantes de risco em uma vila na cidade de Curitiba. A análise do modelo possibilitou identificar as regiões de sobre-risco, onde o risco de soropositividade canina à leptospirose é significativamente maior. A relação significativa do efeito espacial no desenvolvimento da doença, além das variáveis estudadas, revela que não apenas um, mas a ação conjunta dos fatores relacionados ao animal, ao proprietário e ao ambiente influencia o risco maior da doença nos locais de maior efeito espacial. O resultado da análise indica claramente os territórios em maior risco na região da Vila Pantanal, possibilitando o planejamento de ações mais específicas e dirigidas a essas áreas em um contexto de vigilância da saúde.

    Abstract in English:

    Leptospirosis is a serious zoonotic disease associated to low income areas of urban settings. Although rodents are considered the main reservoir for urban leptospirosis, dogs may also develop the disease and become asymptomatic carriers. The objective of this study was to apply a statistical method based on the spatial point processes theory for canine leptospirosis to identify how seroreagents dogs are spatially distributed and their risk determinants in a village of Curitiba city. The model analysis allowed the identification of over-risk regions, where seropositivity risk for canine leptospirosis was significantly higher, revealing that not just one, but the combination of animal, owner and environment factors influenced the disease risk within areas with greater spatial effect. Analysis of results clearly identified the highest risk areas in the Pantanal Village, allowing the establishment of more specific preventive actions and focused on risk areas as priority for public health surveillance.
  • Avaliação do perfil clínico e laboratorial de gatos hipertireoideos com ou sem lobo tireoidiano aumentado a palpação cervical Pequenos Animais

    Faria, Vanessa P. de; Corgozinho, Katia B.; Moreira, Lio; Ferreira, Ana M.R.; Souza, Heloisa J.M. de

    Abstract in Portuguese:

    O hipertireoidismo é a endocrinopatia mais comum em gatos idosos. Devido à natureza progressiva da doença, a identificação de um estágio subclínico se torna essencial para melhor controle da doença. O presente estudo compreendeu um levantamento da frequência de gatos hipertireoideos durante o período de março de 2007 a abril de 2008, no estado do Rio de Janeiro. O objetivo deste trabalho foi avaliar os aspectos clínicos, laboratoriais e ecocardiográficos em uma população de gatos domésticos com hipertireoidismo naturalmente adquirido, com ou sem lobo tireoidiano palpável. A seleção dos animais foi realizada através da detecção do valor de tiroxina (T4) total acima dos valores de referência com a técnica de radioimunoensaio. Os animais foram divididos em dois grupos com base na identificação do aumento da tireoide à palpação: Grupo I (tireoide não palpável) e Grupo II (tireoide palpável). Avaliações clínica e laboratoriais completas foram realizadas em todos os gatos do estudo. A avaliação clínica incluiu avaliação comportamental, peso, escore de condição corporal, pele e pelagem, auscultação cardiopulmonar, palpação tireoidiana e aferição da pressão arterial sistólica. Além do T4 total, os seguintes exames laboratoriais foram realizados: hemograma, ureia, creatinina, alanina aminotransferase (ALT), fosfatase alcalina (FA) e glicose. Trinta e um animais foram submetidos à avaliação cardíaca, através de ecocardiograma. Dos 178 animais avaliados, 51 foram incluídos nesse estudo por apresentarem aumento sérico da T4. Vinte e seis animais foram inclusos no Grupo I e vinte e cinco no Grupo II. Os parâmetros clínicos, laboratoriais e ecocardiográficos foram muito semelhantes entre os dois grupos. No entanto, os níveis séricos de T4 total foram significativamente menores nos gatos com tireoide não palpável. Todo gato acima de sete anos deve ser avaliado para presença de hipertireoidismo através da palpação tireoidiana e avaliação sérica de tiroxina total, pois muitos gatos sem sinais clínicos apresentam hipertireoidismo e o diagnóstico precoce permite diminuir os efeitos sistêmicos da doença em órgãos como fígado, rins e coração.

    Abstract in English:

    Hyperthyroidism is the most common endocrine disorder of older cats. Due to the progressive nature of the disease, the identification of a subclinical stage is essential in order to have a better control of the disease. The present study was a survey of the frequency of feline hyperthyroidism in Rio de Janeiro, from March, 2007 to April, 2008. The purpose of this study was to perform an evaluation of the clinical, laboratorial and echocardiographic aspects in a feline population of naturally acquired hyperthyroidism, with or without palpable thyroid gland. The selection of the cats was done by the documentation of an elevation of total thyroxine (TT4) levels by radioimmunoassay. The animals were divided in two groups according to the thyroid palpation: group I (non-palpable thyroid lobe) and group II (palpable thyroid lobe). Laboratorial and complete clinical evaluations were performed in all cats. The clinical evaluation included behavioral evaluation, body weight, body condition, dermatologic, cardiopulmonary auscultation, thyroid palpation and systolic blood pressure reading. Besides the TT4, the following exams were performed: urea, creatinine, alanine aminotransferase (ALT), alkaline phosphatase (ALP) and glucose. Thirty one cats had an echocardiogram performed. On the basis of TT4 concentrations, 51 of the 178 cats were classified as hyperthyroid. One or more enlarged thyroid glands were palpated in 25 of the 51 hyperthyroid cats and were included at Group II. Twenty six cats didn't palpable thyroid gland and were included at Group I. Clinical, laboratorial and echocardiographic parameters were similar between the two groups. However, the TT4 levels were significantly lower in the non-palpable thyroid group. All geriatric cats must be thyroid gland palpable on clinic examination and have TT4 measured. Many hyperthyroid cats may be asymptomatic and early diagnosis prevents organ damage such as liver, kidneys and heart.
  • Colheita de sêmen por eletroejaculação em cutia-parda (Dasyprocta azarae) Animais Selvagens

    Martinez, Antonio C.; Oliveira, Fabrício S.; Abreu, Cassiana O.; Martins, Leandro L.; Pauloni, Ana P.; Moreira, Nei

    Abstract in Portuguese:

    As cutias são animais que vivem nas Américas Central e do Sul, com potencial zootécnico e que despertam crescente interesse científico. O objetivo deste estudo foi estabelecer um padrão para colheita de sêmen por eletroejaculação em cutia-parda (Dasyprocta azarae). Foram utilizados machos adultos (n=4) anestesiados e submetidos a quatro séries de 20 estímulos eletroejaculatórios, com 3 segundos de duração cada, com uma intensidade de 2, 4, 6 e 8 volts, com dois minutos de intervalo entre cada série. A colheita de sêmen foi obtida em todos os animais, com ereção parcial com 2 volts, ereção evidente com 4 volts, ejaculação com 6 volts e exacerbação da glande e exteriorização das espículas penianas com 8 volts, observando-se espermatozoides em 100% das amostras. A técnica descrita para colheita de sêmen em cutia-parda foi eficaz.

    Abstract in English:

    Agoutis are animals that live in South and Central America, present rearing potential and call increasing scientific interest. The aim of this paper was to establish a model for semen collection by electroejaculation in Azara´s agouti (Dasyprocta azarae). Anesthetized adult males (n=4) were submitted to four series of 20 electroejaculatory stimuli, during 3 seconds each and with 2, 4, 6 and 8 volts, with a 2 minutes rest among series. Semen collection was accomplished in every animal, with partial penis erection at 2 volts, makeable erection at 4 volts, ejaculation at 6 volts, glans and penis spines exposition at 8 volts, and sperm collected in all samples. The described technique for Azara's agouti semen collection was efficient.
  • Contracaecum pelagicum and C. plagiaticium (Nematoda: Anisakidae) infection in Magellanic penguins (Sphenisciformes: Spheniscidae) on the coast of Rio de Janeiro State Wildlife Medicine

    Campos, Sabrina D.E.; Pereira, Bárbara Bianca N.; Siciliano, Salvatore; Costa, Carlos Henrique C.; Almosny, Nádia R.P.; Brener, Beatriz

    Abstract in Portuguese:

    A ocorrência da infeção e a doença induzida por Contracaecum plagiaticium e Contracaecum pelagicum em pinguins-de-Magalhães, Spheniscus magellanicus Foster, 1781 (Sphenisciformes: Spheniscidae), na costa do Rio de Janeiro, foram relatadas. Parasitos do gênero Contracaecum estavam presentes em todos os 11 animais estudados. Co-infecção por Contracaecum pelagicum e C. plagiaticium foi observada em três hospedeiros (27,27%). Achados macroscópicos de necropsia incluíram hiperemia do esôfago e/ou estômago em seis animais (54,54%). Um desses animais (9,09%), parasitado por C. plagiaticium, apresentou área hemorrágica na mucosa gástrica. Os achados histopatológicos demonstraram esofagite com segmento de helminto inserido no epitélio, e discreto infiltrado inflamatório misto com heterófilos e células mononucleares. Estes parasitos podem estar associados a doenças, implicando em morte dos pinguins.

    Abstract in English:

    The occurrence of infections and the disease induced by Contracaecum plagiaticium and Contracaecum pelagicum in Magellanic penguins, Spheniscus magellanicus Foster. 1781 (Sphenisciformes: Spheniscidae) were reported on the coast of Rio de Janeiro. Parasites of the genus Contracaecum were present in all of the 11 studied animals. Co-infections by Csontracaecum pelagicum and C. plagiaticium were observed in three hosts (27.27%). Gross lesions included hyperemia of the esophagus and/or stomach in six animals (54.54%). One of these animals (9.09%), parasitized by C. plagiaticium, presented a hemorrhagic area in the gastric mucosa. Histopathological findings demonstrated esophagitis with helminthes segments inserted in the epithelium, showing discrete mixed inflammatory infiltrate of heterophils and mononuclear cells. These parasites may be associated with other diseases, implicating in death of the penguins.
  • Toxoplasmose em primatas neotropicais: estudo retrospectivo de sete casos Animais Selvagens

    Casagrande, Renata A.; Silva, Tiffany C.E. da; Pescador, Caroline A.; Borelli, Vanessa; Souza Jr, Júlio C.; Souza, Edson R; Traverso, Sandra D.

    Abstract in Portuguese:

    A toxoplasmose é considerada uma doença parasitária fatal em primatas neotropicais. O objetivo deste trabalho foi descrever, através de um estudo retrospectivo, os casos de toxoplasmose em primatas neotropicais. No período de 1999-2009 foram realizados 86 exames anatomopatológicos em primatas e a toxoplasmose foi a enfermidade mais comum (7/86), relatando-se um caso em sagui-do-tufo-preto (Callithrix penicillata) e seis em bugio-ruivo (Alouatta guariba). Dois animais foram encontrados mortos e cinco morreram em poucos dias. Os sinais clínicos mais frequentes foram apatia e anorexia (5/7), distensão abdominal (4/7) e febre (3/7). Na necropsia observou-se esplenomegalia (4/7), hemorragia do trato digestório, linfonodos e bexiga (4/7), pulmões avermelhados (3/7) e hepatomegalia (2/7). No exame histopatológico evidenciou-se hepatite (7/7), esplenite (3/7), miocardite (2/7), enterite (2/7), linfadenite (1/7) e sialite (1/7) necróticas e, pneumonia intersticial (4/7). Em fígado, pulmões, baço, coração, linfonodos e glândula salivar havia taquizoítos de Toxoplasma gondii que foram também detectados pelo exame de imuno-histoquímica anti-T. gondii em fígado, baço e pulmões (5/7). A toxoplasmose pode causar alta mortalidade em colônias de primatas neotropicais e representar mais uma ameaça à conversação dessas espécies em cativeiro. Sendo assim, medidas preventivas devem ser tomadas para evitar a contaminação desses animais.

    Abstract in English:

    Toxoplasmosis is considered to be a fatal parasitic disease in New World primates. The objective of this report was to describe, through a retrospective study, the toxoplasmosis cases in New World primates. From 1999 to 2009 eighty-six anatomopathological exams was performed in primates and toxoplasmosis was the most common disease (7/86). One case occurred in Black-Tufted-Marmoset (Callithrix penicillata) and six in Brown-Howler monkeys (Alouatta guariba). Two monkeys were found death and five died within few days. The most common clinical signs were apathy and anorexia (5/7), abdominal distension (4/7) and fever (3/7). The main gross lesions were splenomegaly (4/7), hemorrhage in digestory system, lymph nodes and urinary bladder (4/7), reddish lungs (3/7) and hepatomegaly (2/7). Histopathological findings were necrotizing hepatitis (7/7), splenitis (3/7), myocarditis (2/7), enteritis (2/7), lymphadenitis (1/7) and sialitis (1/7), and interstitial pneumonia (4/7). In the liver, lungs, spleen, heart, lymph nodes and salivary gland there were tachyzoites of Toxoplasma gondii that also detected by immunohistochemistry against T. gondii in liver, spleen and lungs (5/7). Toxoplasmosis can cause high mortality in New World primate colonies and can be a threat to preservation of those species in captivity. Therefore, preventive measures should be taken to avoid the contamination of those animals.
  • Carcinoma mamário pouco diferenciado em macaco-prego, Cebus sp. (Cebidae) Animais Selvagens

    Ziliotto, Liane; Tranquilim, Marcos V.; Lima, Ewerton L.; Vecchia, Paulo C.D.; Lehmkuhl, Ricardo C.; Carrasco, Adriano O.T.

    Abstract in Portuguese:

    As neoplasias mamárias são raras em primatas não humanos, enquanto que nas mulheres apresentam alta incidência. O objetivo deste trabalho foi relatar a ocorrência e os resultados do tratamento de um Cebus sp. (fam. Cebidae) fêmea, com carcinoma mamário pouco diferenciado encaminhado ao Serviço de Atendimento de Animais Selvagens da Universidade Estadual do Centro-Oeste. À inspeção o animal apresentava aumento de volume em região mamária direita e ao exame radiográfico foram observados três pontos de radiopacidade, característicos de projétil balístico de arma de pressão, com um deles alojado ao centro da massa de tecido mamário Após estabilização, a paciente foi submetida à exérese cirúrgica de aumento de volume e o material foi encaminhado para análise histopatológica. O diagnóstico obtido foi de carcinoma de alto grau, compatível com carcinoma adenoescamoso. Após a retirada dos pontos a paciente foi encaminhada ao convívio de outros animais. Mais de 20 meses após a terapia cirúrgica não há sinais de recidiva. A paciente alimenta-se bem, convive normalmente com o grupo, sugerindo que a terapia adotada foi eficiente até o momento em alcançar qualidade de vida e aumento de sobrevida do animal.

    Abstract in English:

    Mammary tumors in non-human primates are rare. The aim of this paper is to report the occurrence and treatment outcomes of a female Cebus sp. (fam. Cebidae) with high-grade mammary carcinoma received at the Serviço de Atendimento de Animais Selvagens (SAAS), Universidade Estadual do Centro-Oeste. A right mammary gland nodule was identified and at radiographic examination a point of radiopacity due to gun projectile entrapped within the mammary mass was seen. After the patient stabilization, the mass was excised and submitted to histopathological examination. The diagnosis was of high-grade carcinoma, compatible with adenosquamous carcinoma. The monkey was transported to Wild Animals Treat and Receiving Center (CETAS) and introduced into a colony. More than 20 months after surgery no evidence of relapse was seen and the patient is living with the group. That suggests that the adopted therapy was effective, achieving quality of life and increased survival.
  • Expressão do Mg+2, CK, AST e LDH em equinos finalistas de provas de enduro Morfofisiologia

    Sales, Juliana V.F.; Dumont, Cinthia B.S.; Leite, Ceci R.; Moraes, Júlia M.; Godoy, Roberta F.; Lima, Eduardo M.M.

    Abstract in Portuguese:

    Nos últimos anos, o equino atleta vem sendo cada vez mais requerido. Dessa forma, as exigências por alto desempenho têm fomentado o interesse pelo estudo das afecções relacionadas com a fisiopatologia de diversas enfermidades dos equinos. A relação entre o íon magnésio e o exercício físico tem recebido atenção significativa visto que este íon está intimamente relacionado ao tecido muscular estriado esquelético. Além disso, dentre as principais estratégias para a detecção e acompanhamento clínico de lesões musculares, destacam-se a avaliação das atividades das enzimas creatino quinase (CK), lactato desidrogenase (LDH) e aspartato aminotransferase (AST). A busca pelo estabelecimento de parâmetros que se relacionam entre si é um fator determinante na compreensão de alterações fisiológicas encontradas diante do esforço em equinos atletas. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo determinar como as concentrações sanguíneas do íon magnésio e as atividades enzimáticas das enzimas CK, LDH e AST comportaram-se em equinos Puro Sangue Árabe finalistas de provas de enduro de 90km e relacionar as possíveis alterações com o tipo de esforço físico desempenhado pelos animais. Foram avaliadas a atividade enzimática das enzimas CK, LDH, AST e a concentração do íon magnésio no exercício em relação ao repouso de 14 equinos clinicamente hígidos da raça Puro Sangue Árabe, sendo 9 machos e 5 fêmeas, com idades variando entre 6 a 12 anos, submetidos a treinamento para enduro e participantes de provas de 90 km. Pode-se observar que as variáveis acima mencionadas sofreram aumento com diferença estatística em relação ao repouso. O exercício físico de enduro determinou a ocorrência de alterações nas atividades enzimáticas das enzimas CK (p≤0,001), LDH (p=0,0001), AST (p=0,0007) e na concentração do íon magnésio (p=0,0004), no exercício em relação ao repouso (p≤0,05). Fato que determinou alteração de permeabilidade das células musculares estriadas esqueléticas, sugerindo o estabelecimento de um processo inflamatório agudo. Devido à expressão da atividade enzimática da CK (p≤0,001), por sua especificidade em relação à ocorrência de danos na musculatura estriada esquelética, juntamente com o íon magnésio (p=0,0004) que participa de várias reações celulares. Houve alterações na concentração de proteína plasmática total (p=0,0009) e hematócrito (p=0,0001), entre os momentos avaliados. Portanto estes resultados servem como valores de referência de equinos finalistas de provas de enduro de 90 km, auxiliando na prevenção da ocorrência de possíveis danos musculares e processos inflamatórios severos.

    Abstract in English:

    In recent years, due to rising competitive demands, the equine athlete is being increasingly required. Thus, the demands for high performance have fostered interest in the study of pathophysiology of various horse diseases. The relationship between magnesium and exercise has received significant attention because this ion is closely related with the skeletal muscle tissue. Moreover, among the main strategies for the detection and monitoring of clinical muscle damage, features the evaluation of the activity of the enzymes creatine kinase (CK), lactate dehydrogenase (LDH) and aspartate aminotransferase (AST). The search for the establishment of parameters that relate to each other is a determining factor in understanding the physiological changes found on athletic horses in effort. Thus, this study aimed to determine how the blood concentrations of magnesium ion and the enzymatic activities of the enzymes CK, LDH and AST behave in Arabian finalist horses in endurance races of 90km and to relate possible changes to the type of physical effort played by animals. It was evaluated the enzymatic activities of the enzymes CK, LDH, AST e the concentration of the ion magnesium in exercise in relation to the rest state of 14 clinically healthy Arabian horses, 9 males and 5 females, with ages ranging from 6 to 12 years, undergoing endurance training and participants in 90 km distance rides. All variables evaluated had an increase with statistical differences in relation to rest. The physical endurance exercise determined the occurrence of changes in enzyme activities of CK (p≤0.001), LDH (p=0.0001), AST (p=0.0007) and in the concentration of magnesium ion (p=0.0004), in exercise in relation to rest (p≤0.05). Fact that determined changes in permeability of striated skeletal muscle cells, suggesting the establishment of an acute inflammatory process. Mainly due to the expression of enzymatic activity of CK (p≤0.001), for its specificity in relation to the damage to skeletal striated muscles, along with the magnesium ion (p=0.0004) that actively acts in various cellular reactions. There were changes in total plasma protein concentrations (p=0.0009) and hematocrit (p=0.0001), between the evaluated moments. Therefore, these results serve as a reference of support equine finalists in an endurance race of 90 km, aiding in the prevention of the occurrence muscle damage and severe inflammatory processes.
  • Análise comparativa entre a vascularização arterial ventricular e do nó sinoatrial em corações de cães Morfofisiologia

    Biasi, Caio; Borelli, Vicente; Prazeres, Rodrigo F.; Favaron, Phelipe O.; Pavanelo Junior, Valdir; Aloia, Thiago P.A.; Bombonato, Pedro P.

    Abstract in Portuguese:

    Utilizamos nesta pesquisa 40 corações de cães adultos, machos e fêmeas, de idades variadas, que não portavam nenhuma afecção cardíaca. Os corações tiveram as artérias coronárias injetadas, separadamente, com Neoprene Látex 450, corado com pigmento vermelho, e posteriormente dissecados. Em todas estas preparações verificamos que na vascularização dos ventrículos predominava a artéria coronária esquerda que fornecia os ramos interventriculares paraconal e subsinuoso. Já, a região ocupada pelo nó sinoatrial ficava mais frequentemente (17 vezes, 42,5%) na dependência do ramo proximal atrial esquerdo ou de colateral deste vaso, oriundo do ramo circunflexo esquerdo, ou deste vaso associado ao ramo distal atrial direito (8 vezes, 20%), procedente do ramo circunflexo direito. Com menor frequência (14 vezes, 30%), a área tomada pelo nó sinoatrial, encontramos apenas colaterais do ramo circunflexo direito, mais exatamente somente o ramo distal atrial direito (10 vezes, 25%), apenas o ramo proximal atrial direito (3 vezes, 7,5%) ou ainda exclusivamente o ramo intermédio atrial direito (1 vez, 2,5%). Em um único caso (1 vez, 2,5%) no território do nó sinoatrial observamos apenas colateral do ramo circunflexo esquerdo, isto é o ramo distal atrial esquerdo. A análise destes resultados permite concluir, que nesta espécie não existe qualquer tipo de relação entre o tipo de vascularização dos ventrículos e a irrigação do nó sinoatrial. Sendo assim, considerar os ramos ventriculares isoladamente não é suficiente para um entendimento clínico-cirúrgico aplicado, uma vez que os ramos atriais apresentam uma importante contribuição para a vascularização do nó sinoatrial.

    Abstract in English:

    We analyzed 40 hearts of adult dogs, males and females of different ages, without cardiac disease. The hearts had the coronary arteries inject using Neoprene Latex 450, colored with red pigment, and which was then dissected. In the ventricular vascularization the left coronary artery was predominant and gave rise to the paraconal interventricular and subsinuous branches. The region occupied by the sinoatrial node was most frequently (17 times, 42.5%) in dependence of the left atrial proximal branch or in the collateral branch of that vessel, coming from the left circumflex branch, or this vessel was associated with the right atrial distal branch (8 times, 20%). With less frequency (14 times, 30%), in the area occupied by the sinoatrial node we found only the collaterals of the right circumflex branch, only the right atrial distal branch (10 times, 25%), only the right atrial proximal branch (3 times, 7.5%) or exclusively the right atrial intermediary branch (once, 2.5%). In just one case (once, 2.5%) in the area of the sinoatrial node we observed only the collateral of the left circumflex branch, i.e. the left atrial distal branch. According to our results we concluded that in this specie there is no relationship between the type of ventricular vascularization and irrigation of the sinoatrial node. In doing so, to consider just the ventricular branches is not sufficient for a clinical and surgical applied understanding, since the atrial branches make an important contribution to the sinoatrial node vascularization.
  • Avaliação do uso da glicerina proveniente da produção de biodiesel na conservação de peças anatômicas Morfofisiologia

    Carvalho, Yuri K.; Zavarize, Kelen C.; Medeiros, Luciana dos S.; Bombonato, Pedro P.

    Abstract in Portuguese:

    O uso da glicerina pura é amplamente empregada na conservação de peças anatômicas, a qual é muito eficiente e não tóxica para os manipuladores, porém é extremamente cara e inviável para muitos laboratórios de anatomia. O propósito do estudo foi demonstrar a viabilidade da glicerina semipurificada proveniente da produção do biodiesel na conservação de peças anatômicas. O trabalho utilizou 15 corações e 30 rins de suínos provenientes de frigorífico. A glicerina foi adquirida em usina de biodiesel e apresentava a seguinte composição: Glicerol 80,5%; Umidade 12,8%; NaCl 6,3% e Ácidos Graxos 0,4%. As vísceras foram resfriadas, dissecadas, fixadas, desidratadas e glicerinizadas. Os órgãos foram mensurados, analisados e fotodocumentados antes e após protocolo de preservação. A glicerina semipurificada promoveu discreta diminuição nas dimensões das estruturas anatômicas (massa, altura e largura), todavia não houve diferença estatística. Essa glicerina preservou as características de consistência flexibilidade das peças anatômicas, além de reduzir o custo e a eliminação dos gases tóxicos. O principal alcance deste estudo foi a preservação das características morfológicas e a melhoria do processo ensino-aprendizagem.

    Abstract in English:

    Pure glycerin is widely used for conservation of anatomical parts, which is very efficient and not toxic to the handlers. Nevertheless pure glycerin is extremely expensive and unaffordable for many anatomy laboratories. The purpose of the study was to demonstrate the viability of semi-purified glycerin from biodiesel production for preservation of anatomical parts. Fifteen hearts and 30 kidneys from pigs were studied. The glycerin from a biodiesel plant had the following composition: 80.5% glycerol, 12.8% humidity, 6.3% NaCl and 0.4% fatty acids. The organs were measured, analyzed and photographed before and after preservation protocol. The semi-purified glycerin caused no reduction in the dimensions of anatomical structures (mass, height and width) of statistical difference. Characteristics of consistency and flexibility of the anatomical parts was preserved. Additionally the costs and the production of toxic gases were reduced. The main achievement of this study was preservation of the morphological characteristics and improvement of the teaching and learning process.
  • Proteínas do soro lácteo de vacas da raça Jersey durante a lactação Morfofisiologia

    Raimondo, Raquel F.S.; Miyiashiro, Samantha I.; Mori, Clara S.; Birgel Junior, Eduardo H.

    Abstract in Portuguese:

    Para avaliar as proteínas do soro lácteo durante a lactação, o soro obtido a partir de 48 amostras de leite coletadas de 12 vacas da raça Jersey antes da ordenha foi estudado. Os animais foram distribuídos em três grupos: terço inicial (30-120 dias de lactação), terço médio (121-210 dias de lactação) e terço final da lactação (mais de 211 dias de lactação). O proteinograma consistiu da concentração de proteína total do soro lácteo, determinado pelo método de biureto e da eletroforese em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE). A diminuição gradual e significativa de algumas frações do soro de leite foi observada durante a lactação, albumina, lactoferrina, imunoglobulinas, β-lactoglobulina e α-lactoalbumina. Os valores de normalidade obtidos para as proteínas do soro do leite de vacas Jersey foram: proteína total do soro de leite 569,0-713,0mg/dL, lactoferrina 36,0-49,0mg/dL, albumina 24,0-34.0mg/dL, cadeia pesada de imunoglobulina 38,0-51,0 mg/dL; cadeia leve de imunoglobulina 59,0-95,0mg/dL, β-lactoglobulina 207,0-256,0mg/dL, α-lactoalbumina 117,0-157,0mg/dL, proteína com 226 KDa 5,80-12.0mg/dL, e proteína com 118 kDa 2,30-6.80mg/dL.

    Abstract in English:

    To evaluate the whey proteins during the lactation, whey obtained from 48 milk samples collected from 12 Jersey cows before milking were studied. Cows were distributed into three groups as follows: early (30-120 days), middle (121-210 days) and end of lactation (more than 211 days). The proteinogram consisted of total proteins concentration determined by biuret method and polyacrymalide gel electrophoresis (SDS-PAGE). A gradual and significant decrease of some fractions of the whey was observed during the lactation cycle albumin, lactoferrin, immunoglobulins, β-lactoglobulin and α -lactoalbumin. The normal ranges obtained for the whey proteins of Jersey cows were: whey total proteins 569.0 to 713.0mg/dL, lactoferrin 36.0 to 49.0mg/dL, albumin 24.0 to 34.0mg/dL, immunoglobulin's heavy chain 38.0 and 51.0mg/dL; immunoglobulin's light chain 59.0 to 95.0mg/dL, β-lactoglobulin 207.0 to 256.0mg/dL, α-lactoalbumin 117.0 to 157.0mg/dL; protein with 226 KDa 5.80 to 12.0mg/dL, and protein with 118 KDa 2.30 to 6.80mg/dL.
Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA Pesquisa Veterinária Brasileira, Caixa Postal 74.591, 23890-000 Rio de Janeiro, RJ, Brasil, Tel./Fax: (55 21) 2682-1081 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: pvb@pvb.com.br