Doença hepática gordurosa não alcoólica em diferentes populações: um estudo clínico e epidemiológico – Amostra de São José do Rio Preto

Gabriel Costa de Andrade Luciana Harumi Fujise Jaime Euclides de Santana Filho Fabiane Oliveira Rita de Cássia Martins Alves da Silva Sobre os autores

RESUMO

Introdução:

a doença hepática gordurosa não alcoólica (DHGNA) é uma condição heterogênea que inclui esteatose e esteato-hepatite não alcoólica (NASH), na ausência de consumo significante de álcool, podendo atingir 30% da população. Fatores de risco mais comuns são idade, gênero, etnia, diabetes mellitus (DM), obesidade, predisposição, síndrome matabólica (SM), resistência à insulina (RI), drogas e síndrome do ovário policístico.

Objetivo:

descrever o perfil de portadores de DHGNA assistidos no Hospital de Base de São José do Rio Preto, SP.

Método:

foram avaliados pacientes com DHGNA e coletados dados clínico-epidemiológicos, após consentimento informado.

Resultados:

dos 62 pacientes estudados, houve predomínio de mulheres (76%), caucasoides (73%), idade entre a quinta e sexta décadas e assintomáticos (71%). Exame de ultrassonografia (US) mostrou esteatose em 84%. NASH foi diagnosticada em 61% da casuística. Em 21 pacientes, biópsia hepática mostrou cirrose em 36% e câncer de fígado e esteatose pura em um paciente (5%) cada. Dos fatores de risco, 70% dos pacientes apresentavam SM; 87%, cintura abdominal alterada; 63%, dislipidemia; 61% (n=38), hipertensão arterial sistêmica (HAS); 28%, DM; 52%, sedentarismo, e em 44% encontrou-se RI (HOMA>3,5). Houve associação entre RI e NASH (p=0,013), RI e obesidade (p=0,027), RI e SM (p=0,006), SM e esteatose à US (p=0,014).

Conclusão:

os fatores de risco mais frequentes foram SM e suas variáveis (cintura abdominal aumentada, dislipidemia e HAS), o que ressalta a importância do controle metabólico na DHGNA e corrobora o seu papel como componente hepático da SM.

Palavras-chave
fígado gorduroso; diabetes mellitus; obesidade

Associação Médica Brasileira R. São Carlos do Pinhal, 324, 01333-903 São Paulo SP - Brazil, Tel: +55 11 3178-6800, Fax: +55 11 3178-6816 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: ramb@amb.org.br