Comparações de medidas de qualidade de vida entre mulheres e homens em hemodiálise

Comparisons of quality of life measures between women and men on hemodialysis

OBJETIVO: Comparar homens e mulheres, tratados cronicamente por hemodiálise, quanto a escores de qualidade de vida relacionada com saúde (QVRS) e avaliar potenciais influências da idade e comorbidades. MÉTODOS: Corte transversal dos dados da linha de base de 254 mulheres e 349 homens participantes do estudo PROHEMO, sendo desenvolvido em unidades de diálise de Salvador. Utilizando a versão do Kidney Disease Quality of Life Short Form (KDQOL-SF), validada para a população brasileira, foram determinados os escores das escalas: sumário do componente físico [PCS], sumário do componente mental [MCS] e sintomas/problemas relacionados à doença renal. Os escores do PCS e MCS foram determinados utilizando as oito escalas genéricas do KDQOL-SF. Regressão linear múltipla foi usada para estimar diferenças de escores (DE) entre homens e mulheres, ajustadas para idade, anos em hemodiálise, insuficiência cardíaca, doença cerebrovascular, diabetes, doença arterial periférica e níveis séricos de hemoglobina e albumina. RESULTADOS: Médias de idade de mulheres e homens foram, respectivamente, 48,1±14,1 e 49,4±14,0 anos. As mulheres apresentaram menores escores em todas as escalas genéricas de QVRS. Apresentaram também médias significantemente menores (P<0.01) no PCS (DE = 2,4 pontos), MCS (DE = 3 pontos) e sintomas/problemas (DE = 6,6 pontos). As diferenças foram independentes dos efeitos de comorbidades e mais amplas no grupo com idade superior a 49 anos. CONCLUSÃO: Os dados indicam que em várias escalas de QVRS as mulheres tratadas cronicamente por hemodiálise apresentam menores escores do que os homens. Os menores escores de QVRS em mulheres foram observados em diferentes grupos etários, independente de comorbidades.

Qualidade de vida; Sexo; Gênero e saúde; Grupos etários; Hemodiálise; Doença renal crônica


Associação Médica Brasileira R. São Carlos do Pinhal, 324, 01333-903 São Paulo SP - Brazil, Tel: +55 11 3178-6800, Fax: +55 11 3178-6816 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: ramb@amb.org.br