Fatores associados à síndrome de burnout em médicos residentes de um hospital universitário

Pedro Alves da Cruz Gouveia Maria Hosana Chaves Ribeiro Neta Carlos Alberto de Moura Aschoff Doris Pires Gomes Nadine Anita Fonseca da Silva Helton Alexsandro Firmino Cavalcanti Sobre os autores

Resumo

Objetivo:

Determinar a prevalência da síndrome de burnout entre médicos residentes de várias especialidades e avaliar os fatores associados.

Método:

Foram aplicados o questionário Maslach Burnout Inventory e um questionário sócio-demográfico para avaliar fatores associados à síndrome. Burnout foi definido pela associação de alto desgaste emocional e despersonalização e baixa realização profissional. Análise multivariada foi realizada por meio do ajuste do modelo de Poisson com a identificação dos fatores de risco e calculadas as razões de prevalência (RP). Dos 250 médicos residentes cadastrados no Hospital das Clínicas de Pernambuco, 129 participaram do estudo.

Resultados:

Nos três domínios que caracterizam a síndrome de burnout, encontramos um baixo nível de realização profissional em 94,6% dos médicos residentes entrevistados, alto nível de despersonalização em 31,8% e 59,7% com alto nível de desgaste emocional. A prevalência de burnout encontrada foi de 27,9%. Ter sofrido evento estressante nos seis meses anteriores (RP: 8,10; IC 95% 1,2-57,2) e cursar especialidade cirúrgica (RP: 1,99; IC 95% 1,2-3,3) estiveram associados de forma independente ao burnout.

Conclusão:

A prevalência de burnout encontrada em médicos residentes está de acordo com estudos brasileiros prévios. Residentes de especialidades cirúrgicas e aqueles que sofreram evento estressor foram identificados como susceptíveis neste estudo. A identificação precoce dos fatores de risco é fundamental para a implementação de medidas preventivas para o não desenvolvimento da síndrome.

Palavras-chave:
burnout; residência médica; educação médica

Associação Médica Brasileira R. São Carlos do Pinhal, 324, 01333-903 São Paulo SP - Brazil, Tel: +55 11 3178-6800, Fax: +55 11 3178-6816 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: ramb@amb.org.br