• Premiação para a pesquisa clínica brasileira Editorial

    Bernardo, Wanderley Marques
  • O perfil dos médicos denunciados que exercem ginecologia e obstetrícia no Estado de São Paulo Editorial

    Nomura, Roseli Mieko Yamamoto; Miyadahira, Seizo; Zugaib, Marcelo
  • Hipertensão pulmonar: caracterização baseada na experiência de centros de referência Editorial

    Tuder, Rubin M.
  • Altura final após tratamento com cetoconazol em meninos portadores de puberdade precoce familial Panorama Internacional

    Setian, Nuvarte
  • A combinação do balanço carga/força e da freqüência respiratória/volume corrente como preditores da evolução do desmame Panorama Internacional

    Johnston, Cíntia; Carvalho, Werther B. de
  • Quais são os exames que podem relacionar a asfixia no parto e a paralisia cerebral? À Beira do Leito

    Miyadahira, Seizo; Francisco, Rossana Pulcineli Vieira; Zugaib, Marcelo
  • Prescrever ou não isoflavonas de soja à mulher no climatério? À Beira do Leito

    Fernandes, Luiz Flávio C.; Aldrighi, Ana Paula S.; Aldrighi, José M.
  • Descolamento prematuro da placenta Diretrizes

    Souza, E; Camano, L
  • Valor da publicação de artigos científicos Correspondências

    Pereira, Mauricio G.
  • Atualização em diagnóstico da otite média aguda na infância, baseada em evidências e centrada no paciente Acreditação

    Sakano, Eulália; Weckx, Luc L. M.; Saffer, Moacyr; Bernardo, Wanderley Marques
  • Intussuscepção intestinal por lipoma colocólico Imagem em Medicina

    Rocha, Felipe Filardi da; Campos, Maísa Gomes
  • Características clínicas dos pacientes com hipertensão pulmonar em dois centros de referência em São Paulo Artigos Originais

    Lapa, Monica Silveira; Ferreira, Eloara Vieira Machado; Jardim, Carlos; Martins, Barbara do Carmo dos Santos; Arakaki, Jaquelina Sonoe Ota; Souza, Rogerio

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVOS: Descrever as características clínicas dos pacientes com hipertensão pulmonar de dois centros de referência para tratamento de HP no país. MÉTODOS: Análise retrospectiva de prontuários. RESULTADOS: Foram incluídos no estudo 123 pacientes com diagnóstico de HP; 62% destes apresentavam classe funcional III e IV (NYHA). A média da pressão sistólica do ventrículo direito (PSVD) encontrada nos pacientes estudados foi de 83,48±24,61 mmHg. Não houve correlação entre a classe funcional dos pacientes e o valor da PSVD. Cerca de 50% dos pacientes tinham o diagnóstico de HAPI, 30% tinham doença associada à esquistossomose e 10% tinham HP associada a doença do tecido conectivo. O tempo de dispnéia até o diagnóstico foi variável e não houve correlação com a classe funcional dos pacientes (p>0,05). Apesar das diferentes etiologias, os pacientes apresentaram características semelhantes. CONCLUSÃO: Baseando-se em nossos achados, reforça-se a necessidade de investigação ativa para o diagnóstico definitivo antes da instituição de quaisquer alternativas terapêuticas para o tratamento da hipertensão pulmonar. Ressalta-se, ainda, a necessidade de um maior entendimento da hipertensão pulmonar associada à esquistossomose, em virtude da prevalência desse diagnóstico em nosso meio.

    Abstract in English:

    OBJECTIVES: Describe the clinical profile of PH patients from two pulmonary hypertension centers. METHODS: Retrospective chart analysis. RESULTS: One hundred and twenty three PH patients were included in the study; 62% of these presented functional class III or IV (NYHA). Mean right ventricle systolic pressure (RVSP) was 83.48±24.61 mmHg. There was no correlation between functional class and RVSP. About 50% of the patients were diagnosed as IPAH; 30% as pulmonary hypertension associated to schistosomiasis; 10% as PH associated to connective tissue diseases. Mean time of dyspnea until diagnosis was variable with no correlation with functional class (p>0.05). No difference was found in the clinical presentation in spite of the diverse etiologies. CONCLUSION: Based upon our findings, we stressed the need for an active investigation of PH patients prior to administration of any therapeutic alternative. We emphasized that a better understanding of PH related to schistosomiasis is needed due to the high prevalence of this condition among PH patients as shown in the Brazilian population.
  • O perfil dos médicos denunciados que exercem ginecologia e obstetrícia no estado de São Paulo Artigos Originais

    Boyaciyan, Krikor; Camano, Luiz

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Quantificar o número de processos ético-profissionais abertos e o de médicos denunciados na área em que a especialidade Ginecologia e Obstetrícia (GO) foi envolvida e identificar o perfil desses médicos. MÉTODOS: Estudo retrospectivo e descritivo. Dos 4.138 processos instaurados no período de 01/01/1994 a 31/12/2004 e na abrangência do Estado de São Paulo, foram estudadas as seguintes variáveis: número de processos instaurados na área de GO, número de médicos denunciados que exercem GO, sexo, faixa etária (menor ou igual a 30; 31 até 45; 46 até 60; e maior de 60 anos), curso de residência médica (RM) credenciado pelo Ministério da Educação e Título de Especialista (TEGO) obtido por concurso. As variáveis sexo, faixa etária, curso de RM e TEGO foram comparadas com um grupo de referência de médicos não denunciados, que exercem GO no Estado de São Paulo, constituído por 8.466 associados. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística. RESULTADOS: Foi constatado que 503 processos (12,16%) estavam relacionados ao exercício da GO e envolveram 781 médicos denunciados que exercem GO. Ficou demonstrado que 599 médicos (76,7%) eram do sexo masculino e que 505 profissionais denunciados (64,66%) tinham até 45 anos de idade, independentemente do sexo. Foi observado que 487 médicos denunciados (62,36%) não cursaram RM e 572 (73,24%) não eram portadores do TEGO. Outras importantes variáveis foram estudadas e serão publicadas posteriormente. CONCLUSÕES:Foram instaurados 4.138 processos disciplinares contra os médicos, na abrangência do Estado de São Paulo, no período de 01/01/1994 a 31/12/2004, dos quais 503 (12,16%) estavam relacionados ao exercício da Ginecologia e Obstetrícia e envolveram 781 médicos denunciados que exercem a especialidade. Os médicos denunciados revelaram-se, predominantemente, do sexo masculino, jovens de até 45 anos de idade, que não cursaram residência médica e não obtiveram Título de Especialista. Este trabalho é o início de uma linha de investigação complexa de médicos denunciados que exercem GO. Trouxe informações e apontou deficiências que, muito provavelmente, irão contribuir para a adoção de medidas para aprimorar a prática da especialidade e, conseqüentemente, diminuir o número de denúncias.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: Evaluate the number of ethical and professional complaints involving obstetricians and gynecologists (OBGYNs) and the profile of the physicians denounced. METHODS: Retrospective descriptive study of all 4,138 ethical and professional complaints registered at the medical board of the state of São Paulo between January 1, 1994 and December 31, 2004. The following variables were collected: number of complaints involving OBGYNs, number of OBGYNS involved gender and age (< 30, 31 to 45, 46 to 60, > 60 years) of the physicians denounced, number of involved physicians with residence training (RT) and with specialist certificates (TEGO). The last four variables were compared with a control group of 8,466 OBGYNs practicing in the state of São Paulo who were not denounced to the state medical board. Data collected was submitted to statistical analysis. RESULTS: A total of 503 complaints (12.16%) involved OBGYNs and 781 OBGYNs were denounced. The majority of these physicians were male (599, 76.70%). Regardless of their gender, most physicians denounced (505, 64.66%) were under 45 years of age. Most of the OBGYNs denounced had no residence training (487, 62.36%) and were not board certified specialists (572, 73.24%). Other relevant variables were analyzed and will be presented in future publications. CONCLUSIONS: Between January 1, 1994 and December 31, 2004, 4,138 formal complaints were registered at the medical board of the state of São Paulo A total of 503 complaints (12.16%) involved Obstetrics and Gynecology and 781 OBGYNs were denounced. The typical profile of the physicians denounced was: male, under 45 years of age, without residence training and with no specialist certificate. This study was the first of a series involving the complex investigation of OBGYNs involved in ethical or professional complaints. These preliminary results pointed out deficiencies and important information that probably will be useful for the implementation of actions to improve the practice of obstetrics and gynecology and consequently reduce the number of complaints.
  • A doença de Alzheimer na visão de familiares de pacientes Artigos Originais

    Vilela, Luciana Pricoli; Caramelli, Paulo

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Existem inúmeras questões éticas relacionadas ao atendimento médico de pacientes com doença de Alzheimer (DA), como a revelação do diagnóstico ao paciente, a realização de necrópsia para confirmação diagnóstica, além de aspectos relacionados aos cuidadores desses pacientes, submetidos a estresse físico e mental constantes. O presente trabalho buscou investigar estes temas comparando cuidadores familiares de pacientes com DA acompanhados em serviço público e privado. MÉTODOS: Vinte cuidadores familiares de pacientes com DA acompanhados em hospital universitário público e 20 cuidadores familiares de pacientes acompanhados em clínica privada foram entrevistados por meio de questionário específico que consistia em 36 questões sobre diagnóstico, tratamento e prognóstico da doença. RESULTADOS: Os dois grupos apresentaram distribuição similar por gênero e idade; o nível socioeconômico dos indivíduos acompanhados em clínica privada foi superior. Não foi observada diferença significativa de opiniões entre os grupos sobre a revelação ou não do diagnóstico de DA aos pacientes, com 42,5% do total de entrevistados se dizendo favoráveis à informação apenas da família. O número de cuidadores favoráveis à realização de necrópsia foi significativamente maior entre o grupo acompanhado em serviço público (35% contra 30% no serviço privado). Vinte cuidadores entrevistados (50% do total) manifestaram, de forma espontânea, o desejo de que fosse realizado exame necroscópico com finalidade de pesquisa científica. CONCLUSÃO: A revelação diagnóstica da DA aos pacientes foi apoiada por mais da metade dos entrevistados, sem relação com nível socioeconômico. Esta variável, no entanto, influenciou a taxa de concordância quanto à realização de exame neuropatológico post-mortem.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: There are several ethical aspects related to the medical assistance of patients with Alzheimer's disease (AD) including diagnostic disclosure to the patient, performance of autopsy for diagnostic confirmation, and also topics pertaining to the caregivers constantly subjected by these patients to physical and mental stress. This work investigates some of these issues, by comparing family caregivers of patients with AD followed-up at both public and private health services. METHODS: Twenty family caregivers of AD patients followed up at a public university hospital and 20 family caregivers of AD patients followed up at a private clinic were interviewed using a specific questionnaire comprised of 36 questions about diagnosis, treatment and prognosis of the disease. RESULTS: The two groups presented similar age and gender distributions while the socioeconomic level was higher for the private clinic group. No differences were found between opinions of both groups regarding diagnostic disclosure to the patients, with 42.5% of the total in favor of disclosing the information only to the family. The number of caregivers who agreed with performance of autopsy was significantly higher in the public service (35% against 30% in the private clinic). Twenty caregivers (50% of the total sample) spontaneously manifested the wish to allow an autopsy for research purposes. CONCLUSION: Disclosure of AD diagnosis to patients was approved by more than half of all family caregivers and these rates were not correlated to the socioeconomic level. This variable, however, influenced the concordance rate related to the post-mortem neuropathological examination.
  • Prevalência de sintomas urinários no terceiro trimestre da gestação Artigos Originais

    Scarpa, Katia Pary; Herrmann, Viviane; Palma, Paulo César Rodrigues; Ricetto, Cássio Luiz Zanettini; Morais, Sirlei

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência de sintomas urinários irritativos no terceiro trimestre da gestação e a correlação destes com a paridade e a forma de término de partos anteriores. MÉTODOS: Foram selecionadas 340 gestantes no terceiro trimestre da gestação, atendidas no Ambulatório de Pré-Natal do Hospital das Clínicas da Unicamp, entre junho e outubro de 2003. O desenho consistiu em um estudo analítico de corte transversal. RESULTADOS: Os sintomas mais prevalentes foram: noctúria (80,6%); polaciúria (70,3%) e urgência miccional (44,4%). Embora não houvesse associação entre a prevalência de sintomas irritativos e a forma de término dos partos anteriores, observou-se correlação significativa entre multiparidade e os sintomas de enurese noturna, noctúria e freqüência urinária. CONCLUSÃO: Concluiu-se que, no grupo estudado, a gestação per se foi um fator de risco para a ocorrência de sintomas urinários irritativos.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: This study evaluated the prevalence of irritative bladder symptoms of women in the third trimester of pregnancy and the correlation to parity and route of delivery. METHODS: Between June and October 2003, 340 women attending the prenatal clinic at the Department of Obstetrics and Gynecology, State University of Campinas (Unicamp) were selected for study. RESULTS: On the total, 80.6% presented nocturia, 70.3% presented urinary frequency and 44.4% presented urgency. No statistic correlation was observed between irritative bladder symptoms and route of delivery however, when considering parity, nocturia and urinary frequency were significantly more frequent in multiparous women. CONCLUSION: In the population under study pregnancy per se was associated to a high prevalence of irritative bladder symptoms.
  • Razão cintura-estatura como discriminador do risco coronariano de adultos Artigos Originais

    Pitanga, Francisco José Gondim; Lessa, Ines

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Selecionar, por meio da sensibilidade e especificidade, os melhores pontos de coorte para a razão cintura-estatura (RCEst) como discriminador de risco coronariano elevado (RCE). MÉTODOS: O desenho foi transversal com amostra composta por 968 adultos de 30-74 anos de idade, sendo 391 (40,4%) do sexo masculino. A análise foi feita por curva Receiver Operating Characteristic (ROC) para identificar a sensibilidade e especificidade do melhor ponto de coorte da RCEst como discriminador de RCE. Verificou-se também a significância estatística da área sob a curva ROC. Foi utilizado intervalo de confiança (IC) a 95%. RESULTADOS: A área total sob a curva ROC entre RCEst e RCE foi de 0,75, IC 95% (0,70-0,81) para homens e 0,69, IC 95% (0,64-0,75) para mulheres. Os melhores pontos de coorte para discriminar o RCE foram para homens e mulheres, respectivamente: 0,52 (sensibilidade de 68% e especificidade de 64%) e 0,53 (sensibilidade de 67% e especificidade de 58%). CONCLUSÃO: Os resultados do estudo sugerem que a RCEst deve ser comparada aos demais indicadores antropométricos de obesidade e pode vir a ser utilizada para discriminar RCE.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: This study proposes to identify the sensibility, specificity and the best cut-off point for waist-to-height ratio (WHtR) as a predictor of coronary high risk (CHR). METHODS: A cross-sectional study was applied to a population comprised of 968 adults between 30 and 74 years of age, of which 391 (40.4%) were male. Receiver Operating Characteristic (ROC) curves were employed to identify the sensibility and specificity of the best cut-off point for WHtR as a predictor of CHR. The statistical significance of the area under ROC curve was also verified using a confidence interval (CI) of 95%. RESULTS: The total area under ROC curve between WHtR and coronary risk was 0.75, CI 95% (0.70-0.81) for men and 0.69, CI 95% (0.64-0.75) foromen. For men, 0.52 was found to be the best cut-off point for predicting CHR (sensibility 68% and specificity 64%). Among women, 0.53 was the best cut-off point for discriminating CHR (sensibility 67% and specificity 58%). CONCLUSIONS: Results suggest that the WHtR may be employed to identify CHR and must be compared to other anthropometric indicators of obesity.
  • Reflexões éticas acerca dos estudos de soroprevelência de hepatites virais Artigos Originais

    Gaze, Rosangela; Carvalho, Diana Maul de; Yoshida, Clara Fumiko Tachibana; Tura, Luiz Fernando Rangel

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A aplicação de novas tecnologias em pesquisas epidemiológicas sobre hepatites virais (HV) exige discussões éticas sobre inquéritos domiciliares de soroprevalência (IDS), estudos sentinelas (ES) e de registros de bancos de sangue (ERBS) e amostras de sorotecas (EAS). MÉTODOS: Discutem-se fatores de força (FF) e fragilidade (FR) destas abordagens, argumentos/justificativas para sua utilização e alternativas, segundo os princípios éticos da Resolução CNS nº 196/96. RESULTADOS E DISCUSSÃO: As pesquisas sobre HV justificam-se por sua magnitude, gravidade, vulnerabilidade e necessidade de subsidiar protocolos diagnósticos/terapêuticos e estratégias de prevenção/controle. Em relação aos IDS, discutimos quanto a FF: autonomia do sujeito; representatividade amostral adequada; e FR: custo maior que benefícios; possibilidade de obter a informação por outros meios. Para os ES, FF: monitoramento das HV com custo operacional inferior ao dos IDS; ausência de danos adicionais ao sujeito; e FR: limitação relativa de representatividade. Para os ERBS, FF: monitoramento do VHB/VHC em doadores de sangue com baixo custo, sem risco adicional; e FR: limitação de representatividade. Quanto aos EAS, FF: preponderância de benefícios sobre riscos/custos; possibilidade de desvendar agravos desconhecidos e de oferecer diagnóstico precoce e tratamento; FR: material biológico e dados de uma pesquisa podem ser utilizados em outras. CONCLUSÃO: Estas discussões contribuem para embasar processos éticos, orientar a escolha do tipo de estudo epidemiológico e construir novos conceitos sobre estes temas.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Epidemiological studies on viral hepatitis (VH) using new technologies raise ethical issues especially concerning community-based studies on seroprevalence (CSS), sentinel surveillance-based studies (SBS) the use of blood-bank registers (BBR) and serum stocks (SS). METHODS: Positive (PA) and negative (NA) aspects of these different designs are discussed, pointing to alternatives, according to Resolution CNS nº 196/96. RESULTS: Priority for research is justified by VH magnitude, severity, and vulnerability, and need for development of diagnosis/therapy protocols and prevention/control strategies. With respect to CSS, PA was identified as: subject autonomy; adequate samples and as NA: costs override benefits, and availability of information from other sources. In relation to SBS, PA are: VH monitoring has lower operational costs than CSS; absence of additional injuries to subject; while NA is: relative restriction of representativeness. For BBR, PA is: the low cost of monitoring of HBV/HCV in blood donors and with no additional risk. PA has limited representativeness. SS studies present as PA: benefits higher than risks/costs; possibility of identification of new morbidity and offering of adequate diagnosis and treatment. NA is: biological material and research data can be used for other researches. CONCLUSION: The choice of study designs must take into account arguments for ethical investigation and consensus on the use of new technology.
  • Associação entre deficiência de vitamina A e situação sociodemográfica de mães e recém-nascidos Artigos Originais

    Ramalho, Rejane Andréa; Flores, Hernando; Accioly, Elizabeth; Saunders, Cláudia

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Investigou-se a associação entre deficiência de vitamina A (DVA) e condições sociodemográficas em 291 puérperas de diferentes estratos socioeconômicos e seus respectivos recém-nascidos (RN), atendidos em uma maternidade pública do município do Rio de Janeiro, Brasil. MÉTODOS: Os níveis séricos de retinol materno e no sangue de cordão umbilical foram determinados segundo o método Bessey et al. modificado. RESULTADOS: As prevalências de DVA (retinol sérico <1,05 µmol/L) nas puérperas e RN foram de 22% e 54,2%, respectivamente. A DVA materna apresentou-se fortemente associada com a DVA nos RN (p<0,0001). A DVA materna não apresentou associação estatisticamente significativa com as variáveis sociodemográficas - escolaridade materna e renda familiar per capita. Tal achado leva a pensar que mesmo em populações nas quais a DVA subclínica seja a forma mais prevalente, o concepto também tem risco aumentado de nascer deficiente. CONCLUSÃO: A carência em questão é um problema significativo entre as puérperas e seus RN e a sua investigação deve ser incorporada às rotinas de assistência pré-natal. Modificação das práticas e da qualidade da dieta como estratégias de combate à DVA, dirigidas aos grupos populacionais vulneráveis, devem dedicar especial atenção às gestantes, independentemente do nível sociodemográfico.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Retinol was determined spectrophotometrically in the blood of 291 mothers at delivery and in the umbilical cord of the newborn. The mothers came from different socioeconomic strata in Rio de Janeiro. METHODS: Levels of retinol were determined using spectrophotometry (Bessey et al). RESULTS: The circulation levels of retinol were low (below 1.05 µmol/L) in 22.0% of the mothers and in 54.2% of the newborn. A close association was found between low levels in the mothers' serum and those in the children's' umbilical cord (p <0.0001). There was no association between maternal vitamin A deficiency (DVA) and socioeconomic stratum, family income or level of education. CONCLUSIONS: DVA is a distressing health problem among mothers and newborns and its diagnosis must be included in antenatal care. This reinforces the concept that intervention programs must emphasize changes in feeding practices and focus on the most vulnerable groups, of which pregnant women warrant special attention, regardless of socioeconomic stratum.
  • Correlação entre as características ultra-sonográficas e o diagnóstico histológico de 446 tumores ovarianos Artigos Originais

    Franzin, Cleide Mara Mazzotti de Oliveira; Marussi, Emílio Francisco; Zeferino, Luiz Cralos; Sarian, Luís Otávio Zanatta; Prada, Mariana Fonseca

    Abstract in Portuguese:

    OBJETIVO: Analisar a correlação entre as características ultra-sonográficas dos tumores ovarianos e seu respectivo diagnóstico histológico. MÉTODOS: Estudo retrospectivo de 404 mulheres portadoras de 446 tumores ovarianos. Foram selecionadas as pacientes submetidas a cirurgia por apresentarem tumoração ovariana uni ou bilateral, excluindo-se as pacientes com gravidez ectópica ou processo inflamatório pélvico. Utilizando-se os dados dos prontuários, foram estudadas as variáveis: maior diâmetro, contorno e textura ultra-sonográfica dos processos expansivos, correlacionando-os com o diagnóstico histológico após cirurgia. A magnitude da associação entre o diagnóstico histológico e os critérios morfológicos ecográficos foi estimada por meio de odds ratio e seus respectivos intervalos de confiança de 95%. RESULTADOS: Houve predomínio de tumores benignos (88,1%) sobre os tumores malignos (9,4%) e os borderline (2,5%). A faixa etária das pacientes à época do diagnóstico do tumor variou de 13 a 63 anos, com média de 39,1 anos. Em relação ao contorno do tumor, a chance de risco, ou seja, o odds ratio para malignidade, para contorno irregular e mal delimitado foi 17,8. Analisando a textura ultra-sonográfica, constatou-se que o odds ratio para malignidade foi extremamente alto para os tumores de textura complexa (38,6), seguido pelos tumores de textura anecóica com septos espessados (35,6) e pelos tumores sólidos (15,5). CONCLUSÃO: A análise ultra-sonográfica de uma tumoração ovariana com mais de 7 cm de diâmetro, de contorno irregular e mal delimitado, com textura complexa ou anecóica com septos espessados ou sólida são fatores altamente sugestivos de malignidade.

    Abstract in English:

    OBJECTIVE: The objective was to analyze the correlations between the sonographic features of the ovarian masses and the histological diagnosis. METHODS: A retrospective study which involved 404 female subjects who had developed 446 ovarian masses was carried out. Patients who had been submitted to surgery due to uni or bilateral ovarian tumors were included and those presenting with an ectopic pregnancy or pelvic inflammatory process were excluded. Data from the patients' medical charts provided the information needed for a detailed study of the following variables: larger diameter, external borders and texture of the sonographic masses. This collected data was correlated to post surgery pathology diagnoses. The magnitude of the associations between pathology diagnoses and sonographic morphologic findings where estimated by the Odds Ratio with its respective confidence intervals of 95%. RESULTS: In their majority, masses were benign tumors (88.1%). Malign masses corresponded to 9.4 % of the total and only 2.5% were borderline. Patients' ages ranged from 13 to 63 years (with an average of 39.1). Regarding the irregular and poorly delimited borders of the masses, the odds ratio for malignancy was of 17.8. After analyses of the sonographic texture the odds ratio of complex texture masses proved to be extremely high (38.6). The anechoic masses with thickened septa had an odds ratio of 35.6, while that of the solid masses was of 15.5. CONCLUSION: Sonographic analyses of adnexal tumors having more than 7cm of diameter, irregular and poorly delimited external borders, presenting complex or anechoic textures with thickened septa or solid mass are highly suggestive of malignancy.
  • Tumores de células germinativas primários do mediastino Prática Clínica

    Couto, Wilson José; Gross, Jefferson Luiz; Deheinzelin, Daniel; Younes, Riad Naim

    Abstract in Portuguese:

    Os tumores de células germinativas primários do mediastino podem corresponder de 10% a 20% das neoplasias mediastinais. Ocorrem devido à transformação maligna de elementos germinativos sem evidência de um foco gonadal primário. Podem ser classificados de acordo com suas características morfológicas em: teratomas, seminomas, não seminomas (tumores do saco vitelino, carcinomas embrionários e coriocarcicoma), e tumores de células germinativas combinados sem componentes teratomatosos. O objetivo dessa revisão é analisar os diferentes tipos de tumores de células germinativas primários do mediastino no que diz respeito aos seus aspectos clínicos bem como as suas diferentes formas de abordagens terapêuticas.

    Abstract in English:

    Primary mediastinal germ cell tumors account for approximately 10% to 20% of all neoplasms of the mediastinum. It is generally accepted that they represent the malignant transformation of germinal elements without a gonadal focus. These tumors can be classified as teratomas, seminomas, nonseminomatous (yolk sac tumor, embryonal carcinoma, choriocarcinoma) and combined germ-cell tumors without teratomatous components. This review purposes to discuss the different primary mediastinal germ-cell tumors, their clinical presentation and options for treatment.
Associação Médica Brasileira R. São Carlos do Pinhal, 324, 01333-903 São Paulo SP - Brazil, Tel: +55 11 3178-6800, Fax: +55 11 3178-6816 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: ramb@amb.org.br