Accessibility / Report Error

ANÁLISE DA COBERTURA FLORESTAL POR MEIO DO MÉTODO DE PESOS DE EVIDÊNCIA NA CAMPANHA OCIDENTAL - RS

RESUMO

A expansão desordenada das atividades humanas pode acarretar a redução da cobertura vegetal, o aumento de processos erosivos e de áreas impermeabilizadas. O objetivo desse estudo é avaliar a cobertura florestal utilizando método de pesos de evidência a partir de mapas do uso da terra entre o ano 1996 e 2011 na Microrregião da Campanha Ocidental - RS. O banco de dados espaciais foi construído no aplicativo SPRING na versão 5.2.1 a partir de imagens LANDSAT 5, as quais foram georreferenciadas e classificadas. Variáveis geofísicas e socioeconômicas foram incluídas no banco de dados para posterior análise no aplicativo Dinamica EGO na versão 2.2.8. Para a parametrização do modelo probabilístico de análise da dinâmica de mudança da cobertura florestal, foi realizado o cálculo de percentual das mudanças de classes por meio de matrizes de transição; cálculo das faixas para discretização das variáveis contínuas; cálculo dos pesos de evidência (W+); análise da correlação dos pesos entre as variáveis de entrada para todas as transições; simulação de cenários futuros e; validação do mapa final simulado com base no mapa histórico. Esse modelo mostrou-se adequado para o entendimento das variáveis que mais contribuem para as mudanças da cobertura florestal na região. O surgimento de novas áreas florestais foi influenciado pelas condicionantes hipsometria, distância aos areais e renda per capita, enquanto que o desmatamento, pela população rural e distância aos areais.

Palavras-chave:
Sensoriamento remoto; Modelagem dinâmica; Modelo Bayesiano

Sociedade de Investigações Florestais Universidade Federal de Viçosa, CEP: 36570-900 - Viçosa - Minas Gerais - Brazil, Tel: (55 31) 3612-3959 - Viçosa - MG - Brazil
E-mail: rarvore@sif.org.br